Maçonaria 100 Instruções de Aprendiz
363 pág.

Maçonaria 100 Instruções de Aprendiz


DisciplinaMaçonaria50 materiais172 seguidores
Pré-visualização50 páginas
4
 5
 6
 7
 8
 
 
 
 9
 10
 11
 
Prefácio 
 
 
Verbalizar o pensamento de forma que se possa fazer entender, nem sempre é fácil. Ao 
contrário, quase sempre é muito difícil. Isto porque as pessoas dentro da sua individualidade, 
mentalizam seu aprendizado e entendimento, de acordo com seus arquivos internos, isto é, 
seu conhecimento adquirido através dos anos. 
Tornar-se uma tarefa delicada, a de levar uma mensagem escrita para alguém. É necessário 
que quem está escrevendo, tente de alguma forma, se colocar no lugar do leitor, e por meio 
do seu modo único de ver o Mundo, coloque suas idéias. 
Cada indivíduo tem sua forma de enxergar as coisas, dentro de cada um, existe um juiz que 
determina o que deve ou não ser consumido, lido, visto etc ... 
Dentro deste parâmetro e baseado no leque de informações recebidas por cada um, deve 
aquele que se predispõe a escrever, concentrar-se para levar sua mensagem. Esta mensagem 
pode ser advinda de conhecimento adquirido ao longo de anos, através de pesquisa 
específica, de um estudo profundo. 
De qualquer maneira, há de se ter um desprendimento de si próprio para colocar-se a 
aprender, ou ordenar as palavras para emprestar ao outro (um desconhecido), seu 
aprendizado. 
É como se disponibilizar e doar-se em forma de colaboração escrita. Sob este ponto de vista 
enfocado até o momento, focalizo a figura do Amado Irmão Raymundo, na certeza de que ao 
apresentar este compêndio de informações, seu objetivo maior foi o de contribuir para o 
desenvolvimento intelectual de cada Irmão dentro da Doutrina, na esperança de que cada um 
que pratica a Maçonaria verdadeiramente dentro de si, possa atingir a Liberdade individual. 
Liberdade de se expressar, de contribuir, de desafiar, e até mesmo, de negar. Esta obra nos 
mostra e nos alerta, que é somente através do estudo, da pesquisa e do interesse de aprender, 
que se conquista um dos principais ideais maçônicos, que é a Liberdade. 
Parabéns ao Irmão por mais este desafio que impôs a si mesmo, na certeza da contribuição 
junto aos Irmãos de Ordem. 
"Praticar a virtude e cavar masmorras ao crime", também se faz estudando obras sérias como 
esta. 
Irmão Raymundo, que o G\u2234A\u2234D\u2234U\u2234abençoe-vos, e abençoe também a todos os 
privilegiados leitores desta Obra. 
Aos 22 dias do mês de setembro do ano de 2006 da E\u2234V\u2234 
Am:. Ir:. Osmar Maranho (Francisco Glicério) 
 Ex-VM da ARLS Reais Construtores 
 
 
 
 
 
 
 
 
 12
I \u2013 Prólogo 
 
Aos Irmãos gostaria de deixar registrada a intenção, de que nada contido neste simples 
trabalho fosse caracterizado pelo ineditismo, tanto no referente ao seu conteúdo filosófico, 
quanto ao simbólico. 
O verdadeiro sentido deste, é a tentativa de auxílio às Lojas que trabalham nos vários 
Ritos, contarem com algumas INSTRUÇÕES, que poderão ser repassadas aos Aprendizes 
acrescentando-lhes conhecimentos maçônicos de maneira ágil, mas não por demais 
profunda, buscando criar o necessário espírito de aguçamento das suas curiosidades sobre os 
temas (simbolismo) da Sublime Ordem, possibilitando que procurem seu aprofundamento 
nos vários aspectos escolhidos. 
Estas INSTRUÇOES foram divididas em Capítulos, com o intuito de ser percebida a 
verdadeira mensagem de seus conteúdos, desde o simbolismo mais simples, até algo com 
teor pouco mais filosófico, demonstrando que o universo da Ordem tem amplitude 
incomensurável. 
A forma de apresentação deste trabalho, conduz todas as Luzes das Oficinas a 
participarem nas exposições das INSTRUÇÕES, trabalhando como JOGRAL, que contribui 
para a criação de agilidade no falar, não tornando cansativo o discurso de um só expositor, 
nem tampouco utilizando um único timbre de voz aos ouvintes, o que aumenta a 
concentração dos integrantes da Loja, tanto naqueles que usam do verbo ecoando de diversos 
pontos do Templo, quanto aos que se instruem ouvindo-os de vários recantos. 
Ao longo de vários anos militando na Ordem, quando se teve a oportunidade de 
conhecer algumas diferentes maneiras de serem ministradas as INSTRUÇÕES, aquela que 
mais competente se mostrou na criação de clima propício ao entendimento e concentração de 
todos, foi a da exposição em forma de JOGRAL, daí ter recaído nesta forma a escolha do 
exposto, que deve ser entendida apenas como sugestão. 
 
 
Raymundo D'Elia Junior 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 13
 
 
 
 
III- Mensagem 
 
1. Objetivo 
 
A proposta deste trabalho é a de conter INSTRUÇÕES, com visão superficial sobre 
simbologia - alegorias - emblemas - história - e tradições, servindo de guia prático aos que 
desejarem instruir seus pares com conhecimentos sobre Maçonaria. 
O trabalho não satisfará tão amplamente como seria desejável, se for considerada a 
vastidão e complexidade dos temas; assim a preocupação foi a da compilação, mostrando 
apenas um guia de apresentação e enriquecimento de conhecimentos sobre a simbologia da 
Sublime Instituição, e desta maneira, propõe-se que sejam relevadas as lacunas que 
porventura possam conter os textos. 
Não existe a pretensão de mostrar nenhuma originalidade nestes textos, pois seu 
conteúdo não será novidade para os conhecedores dos assuntos abordados, somente tratando-
se de um trabalho de compilação coordenada, sendo a maior dificuldade a de encontrar - 
selecionar - e compendiar, o que está esparso em parte da bibliografia existente que foi 
consultada, e assim as matérias estão divididas em Capítulos para maior facilidade de busca 
- escolha - e apresentação. 
Este modesto material representa o resultado de pesquisas feitas através do muito que se 
tem escrito sobre Maçonaria. 
O futuro responderá se este trabalho satisfez aos IIm\u2234, o que será aferido conforme as 
críticas recebidas, que se construtivas serão muito bem aceitas, porém, após a apreciação do 
trabalho é necessária reflexão momentânea, e considerar que a intenção é a de fraternalmente 
alertar quanto a agressões ou críticas destrutivas, pois foi a mais pura nobreza de 
sentimentos que norteou sua elaboração, cientes todos que: "Nada mais é enobrece dor no 
homem do que sua luta, a luta por um ideal, qualquer que seja ele, que faz o homem sair da 
simples condição de um ser apenas voltado a si, e o eleva à nobre preocupação com o 
próximo". 
 
Recebam nosso sincero T\u2234F\u2234A\u2234 
2. Recomendações 
 
Por vezes são encontradas, inadvertidamente, em diversas publicações (revistas) - 
artigos - ou publicidade, sobre Sociedades Secretas, Lojas Maçônicas, Maçons, Rosa-
Cruzes, etc, fotos de cerimônias consideradas totalmente secretas pelas Autoridades 
Maçônicas, já que sendo a Maçonaria um mundo selecionado de bondade - inteligência - e 
energia, será sempre a Instituição criadora das obras da salvação humana, pois hoje como 
ontem, os Iniciados na verdade e no bem, continuam a construção do Templo da Humanidade 
Perfeita. 
 
 14
Assim, os trabalhos maçônicos devem ser secretos, porque as injúrias que o povo maçônico 
tem sofrido, alertam para que sua técnica deva ser a mais perfeita, evitando a repetição de fatos que 
além das graves conseqüências, desprestigiam-na aos olhos dos adversários profanos. 
Na organização da Maçonaria Universal o Segredo possui vital importância, pois se propõe a 
derramar a Luz, e sob a honra dos seus aderentes exige segredo de tudo o que a ela se refere. 
Como é assegurada a observância do Segredo Maçônico?, o é pelas Constituições e 
Regulamentos dos Grandes Orientes e demais Potências, no Brasil ou em todo o Mundo; a 
Disciplina Maçônica consiste na íntima ligação de todos os IIrm\u2234, no respeito fraternal de cada um 
pelo outro, sob a orientação dos Corpos Superiores - na satisfação do cumprimento dos Deveres - e 
na observância do Sigilo Maçônico. 
Partidários