vigitel-brasil-2018
131 pág.

vigitel-brasil-2018

Pré-visualização34 páginas
1996 1998 2000 2002 2004
36,00
34,00
32,00
30,00
28,00
26,00
24,00
Ta
xa
 p
or
 1
00
 m
il 
ha
b.
Capital Tendência linear capital UF Tend. linear UF
Região Tend. linear região Brasil Tend. linear Brasil
VIGITEL BRASIL 2018
VIGILÂNCIA DE FATORES DE RISCO E PROTEÇÃO PARA DOENÇAS 
CRÔNICAS POR INQUÉRITO TELEFÔNICO
MINISTÉRIO DA SAÚDE
Brasília, DF \u2022 2019
ESTIMATIVAS SOBRE FREQUÊNCIA E DISTRIBUIÇÃO 
SOCIODEMOGRÁFICA DE FATORES DE RISCO E PROTEÇÃO 
PARA DOENÇAS CRÔNICAS NAS CAPITAIS DOS 26 ESTADOS 
BRASILEIROS E NO DISTRITO FEDERAL EM 2018
MINISTÉRIO DA SAÚDE
Secretaria de Vigilância em Saúde
Departamento de Análise em Saúde e Vigilância 
de Doenças Não Transmissíveis
Brasília, DF \u2022 2019
VIGITEL BRASIL 2018
VIGILÂNCIA DE FATORES DE RISCO E PROTEÇÃO PARA DOENÇAS 
CRÔNICAS POR INQUÉRITO TELEFÔNICO
ESTIMATIVAS SOBRE FREQUÊNCIA E DISTRIBUIÇÃO 
SOCIODEMOGRÁFICA DE FATORES DE RISCO E PROTEÇÃO 
PARA DOENÇAS CRÔNICAS NAS CAPITAIS DOS 26 ESTADOS 
BRASILEIROS E NO DISTRITO FEDERAL EM 2018
VEN
DA P
ROIB
IDADI
ST
RIB
UIÇÃO
 GRATU
ITA
2019 Ministério da Saúde.
Esta obra é disponibilizada nos termos da Licença Creative Commons \u2013 Atribuição \u2013 Não Comercial \u2013 
Compartilhamento pela mesma licença 4.0 Internacional. É permitida a reprodução parcial ou total 
desta obra, desde que citada a fonte.
A coleção institucional do Ministério da Saúde pode ser acessada, na íntegra, na Biblioteca Virtual em Saúde do Ministério 
da Saúde: <www.saude.gov.br/bvs>.
Tiragem: 1ª edição \u2013 2019 \u2013 500 exemplares
Elaboração, edição e distribuição:
MINISTÉRIO DA SAÚDE
Secretaria de Vigilância em Saúde
Departamento de Análise em Saúde e Vigilância de Doenças 
não Transmissíveis 
SRTVN 701, Via W5 Norte. Edifício PO700, 6º Andar \u2013 DASNT
CEP: 70.723-040 Brasília-DF
Site: www.saude.gov.br/svs
E-mail: svs@saude.gov.br
Organização:
Carlos Augusto Monteiro, Rafael Moreira Claro, 
Maria de Fatima Marinho de Souza, Eduardo Marques 
Macário, Marta Roberta Santana Coelho, Naiane de Brito 
Francischetto, Sheila Rizzato Stopa, Paulo da Fonseca 
Valença Neto, Roberta de Oliveira Santos, Fabiana Cristina 
Ribeiro de Barros, Vera Lúcia Tierling, Luiza Eunice Sá da 
Silva, Emanuella Gomes Maia, Fernanda Serra Granado, 
Thais Cristina Marquezine Caldeira, Deborah Carvalho Malta, 
Ísis Eloah Machado, Alanna Gomes da Silva, Regina Tomie 
Ivata Bernal, Regina Rodrigues.
Colaboração:
Juliano Ribeiro Moreira, Amanda Dias Oliveira,
Danila Dias dos Santos, Fernando Henrique Tavares Silva, 
Richard Costa Castelo Branco, Tiago Souza de Paula.
Coleta de dados:
Expertise Inteligência e Pesquisa de Mercado Ltda.
Produção:
Capa e projeto gráfico: Assessoria Editorial/SVS/MS
Diagramação: Fred Lobo
Equipe Editorial:
Normalização: Editora MS/CGDI
Revisão: Naiane de Brito Francischetto
Os quadros, tabelas e figuras constantes na publicação, 
quando não indicados por fontes externas, são de autoria da 
Secretaria de Vigilância em Saúde do Ministério da Saúde.
Ficha Catalográfica
Brasil. Ministério da Saúde. Secretaria de Vigilância em Saúde. Departamento de Análise em Saúde e Vigilância de Doenças 
 não Transmissíveis.
Vigitel Brasil 2018: vigilância de fatores de risco e proteção para doenças crônicas por inquérito telefônico : estimativas 
sobre frequência e distribuição sociodemográfica de fatores de risco e proteção para doenças crônicas nas capitais dos 26 
estados brasileiros e no Distrito Federal em 2018 / Ministério da Saúde, Secretaria de Vigilância em Saúde, Departamento de 
Análise em Saúde e Vigilância de Doenças não Transmissíveis. \u2013 Brasília: Ministério da Saúde, 2019.
132.: il.
Modo de acesso: 
World Wide Web: http://bvsms.saude.gov.br/bvs/publicacoes/vigitel_brasil_2018 _vigilancia_fatores_risco.pdf
ISBN 978-85-334-2705-1
1. Doença crônica. 2. Fatores de risco. 3. Vigilância sanitária de serviços de saúde. I. Título.
CDU 616.039.33
Catalogação na fonte \u2013 Coordenação-Geral de Documentação e Informação \u2013 Editora MS \u2013 OS 2019/0085
Título para indexação:
Vigitel Brazil 2018: surveillance of risk and protective factors for chronic diseases by telephone survey: estimates of 
frequency and sociodemographic distribution of risk and protective factors for chronic diseases in the capitals of the 26 
Brazilian states and the Federal District in 2018
Agradecimentos
A implantação e manutenção da Vigilância de Fatores de Risco e Proteção para 
Doenças Crônicas por Inquérito Telefônico (Vigitel), desde 2006, em todas as capitais 
dos 26 estados brasileiros e no Distrito Federal, tem sido um processo de construção 
coletiva, envolvendo diversas instituições, parceiros, dirigentes e técnicos.
Nesta publicação, que divulga resultados do décimo terceiro ano de operação do 
sistema, gostaríamos de agradecer às empresas telefônicas Oi S.A., Global Village 
Telecom Ltda., Telefônica Brasil S.A. e Instituto Embratel Claro pela colaboração 
prestada no sorteio e extração das amostras probabilísticas das linhas telefônicas 
sorteadas em cada cidade. Agradecemos também ao Grupo Técnico Assessor do 
Vigitel, que tem contribuído na revisão dos questionários e na discussão metodológica 
para o aperfeiçoamento deste sistema, e aos técnicos e entrevistadores comprometidos 
com a qualidade na coleta das informações.
Finalmente, agradecemos aos mais de 52 mil brasileiros que, com sua aquiescência 
em participar das entrevistas telefônicas e com a atenção e o tempo que dedicaram a 
responder ao questionário do Vigitel, permitiram a continuidade de um sistema de 
monitoramento de fatores de risco para doenças crônicas de grande importância para 
a Saúde Pública brasileira.
Equipe de elaboração e organização do Vigitel
Lista de tabelas
Tabela 1 Percentual de adultos (\u2265 18 anos) fumantes, por sexo, segundo as capitais 
dos estados brasileiros e o Distrito Federal. Vigitel, 2018.
28
Tabela 2 Percentual de fumantes no conjunto da população adulta (\u2265 18 anos) das 
capitais dos estados brasileiros e do Distrito Federal, por sexo, segundo idade 
e anos de escolaridade. Vigitel, 2018.
30
Tabela 3 Percentual de adultos (\u2265 18 anos) que fumam 20 ou mais cigarros por dia, 
por sexo, segundo as capitais dos estados brasileiros e o Distrito Federal. 
Vigitel, 2018.
31
Tabela 4 Percentual de indivíduos que fumam 20 ou mais cigarros por dia no conjunto 
da população adulta (\u2265 18 anos) das capitais dos estados brasileiros 
e do Distrito Federal, por sexo, segundo idade e anos de escolaridade. 
Vigitel, 2018.
33
Tabela 5 Percentual de adultos (\u2265 18 anos) fumantes passivos no domicílio, por sexo, 
segundo as capitais dos estados brasileiros e o Distrito Federal. Vigitel, 2018.
34
Tabela 6 Percentual de fumantes passivos no domicílio no conjunto da população 
adulta (\u2265 18 anos) das capitais dos estados brasileiros e do Distrito Federal, 
por sexo, segundo idade e anos de escolaridade. Vigitel, 2018.
36
Tabela 7 Percentual de adultos (\u2265 18 anos) fumantes passivos no local de trabalho, 
por sexo, segundo as capitais dos estados brasileiros e o Distrito Federal. 
Vigitel, 2018.
37
Tabela 8 Percentual de fumantes passivos no local de trabalho no conjunto da 
população adulta (\u2265 18 anos) das capitais dos estados brasileiros e do Distrito 
Federal, por sexo, segundo idade e anos de escolaridade. Vigitel, 2018.
39
Tabela 9 Percentual de adultos (\u2265 18 anos) com excesso de peso (IMC \u2265 25 kg/m2), 
por sexo, segundo as capitais dos estados brasileiros e o Distrito Federal. 
Vigitel, 2018.
40
Tabela 10 Percentual de indivíduos com excesso de peso (IMC \u2265 25 kg/m2) no conjunto 
da população adulta (\u2265 18 anos) das capitais dos estados brasileiros 
e do Distrito Federal, por sexo, segundo idade e anos de escolaridade. 
Vigitel, 2018.
42
Tabela 11 Percentual de adultos (\u2265 18 anos) com obesidade (IMC \u2265 30 kg/m2), 
por sexo, segundo as capitais dos estados brasileiros e o Distrito Federal. 
Vigitel, 2018.
43
Tabela 12 Percentual de indivíduos com obesidade (IMC \u2265 30 kg/m2) no conjunto da 
população adulta (\u2265 18 anos) das capitais