Hematopoese
4 pág.

Hematopoese


DisciplinaHematologia5.412 materiais31.295 seguidores
Pré-visualização2 páginas
PROBLEMA 01-TUTORIA
SANGUE SABE TUDO? 
OBJETIVOS: 
1. Definir o volume sanguíneo, fluxo e viscosidade (cálculos). 2. Caracterizar a composição sanguínea (plasma, soro e elementos figurados). 3. Descrever as proteínas plasmáticas, suas origens e funções. 4. Explicar a origem e função dos elementos figurados (ênfase nos linfócitos CD4 e CD8) 5. Definir a tipagem sanguínea (falso O, fator Rh). 6. Explicar a eritroblastose fetal. 7. Definir as noções e parâmetros do hemograma. 
RESOLUÇÃO: 
1. Volume, fluxo e viscosidade: \u2022Volume: o volume total de sangue de um homem adulto (70kg) é cerca de 5L, ou sejam 7% do peso corporal. São fatores determinantes para o volume de sangue a idade, o sexo e a altura do paciente. O volume plasmático + o volume dos glóbulos vermelhos = volume total de sangue. \u2022Fluxo: varia em função da viscosidade do sangue, do calibre e comprimento do vaso, da diferença de pressão e da resistência. O fluxo é mantido normal pelos batimentos cardíacos. Os eritrócitos situam-se em posição central no fluxo, mantendo uma coluna contínua, separada da parede vascular por uma espécie de envoltório de plasma. Os leucócitos e plaquetas circulam ocupando a posição lateral, próximos à parede vascular. \u2022Viscosidade: depende do valor do hematócrito, estando relacionada com a consistência do fluído. É influenciado pela: temperatura (-1°C, aumenta 2% a viscosidade); consistência do fluído; concentração e tipos de proteínas plasmáticas. OHM: F= ; R= ; F= ; Bernouille: F= ; 
2. Plasma, soro e elementos figurados: \u2022Plasma: fluído amarelado no qual células, plaquetas, compostos orgânicos e eletrólitos estão suspensos ou dissolvidos. É composto principalmente de: *componentes orgânicos: aminoácidos, vitaminas, hormônios, glicose, ácidos graxos e proteínas diversas. *componentes inorgânicos: água, bicarbonato, cloreto, fósforo, potássio, sódio, cálcio e nitrogênio. O plasma possui fatores de coagulação. \u2022Soro: constituí-se da centrifugação do sangue sem anticoagulantes que levará à coagulação do material centrifugado. Durante esse processo, há consumo de fibrinogênio, assim como todos os fatores envolvidos na coagulação com liberação de substâncias que se encontravam dentro das plaquetas. Portanto, o soro se difere do plasma por não possuir os fatores de coagulação, como plaquetas e fibrinogênio. \u2022Elementos figurados: possuem uma camada leucocitária (1%), constituída de leucócitos e plaquetas. E hemácias (45%). 
	
	 PRODUTO
	 FUNÇÃO
	 ERITRÓCITO
	Hemoglobina
	Transporta O2 e CO2
	 NEUTRÓFILO G
	Grânulos específicos e lisossomos
	Fagocitose de bactérias
	 EOSINÓFILO G
	Grânulos específicos e subst. hemacologicamente ativas
	Defesa contra parasitas e modulação de processo inflamatório
	 BASÓFILO G
	Grânulos específicos contendo histamina e heparina
	Liberação de histamina e outros mediadores de inflamação
	 MONÓCITO AG
	Lisossomos 
	Diferenciação em macrófagos teciduais que fagocitam protozoários, bactérias, vírus e células 
	 PLAQUETAS
	Fatores de coagulação
	Coagulação sanguínea
	 LINFÓCITO-B AG
	Imunoglobulinas 
	Diferenciação em plasmócitos
	 LINFÓCITO-T AG
	Substâncias que matam células e controlam a atividade de outros leucócitos
	Destruição de células infectadas por vírus
	 LINFÓCITO-NK AG
	Células matadoras
	Destruição de células tumorais infectadas por vírus
G: presença de GRANULÓCITOS; AG: ausência de granulócitos.
3. Proteínas plasmáticas (funções/origem): \u2022Albumina: proteína mais abundante no sangue, correspondendo a 60% das proteínas plasmáticas presentes no sangue. É sintetizada exclusivamente pelo fígado, aparecendo primeiramente no citoplasma dos hepatócitos como um precursor chamado pró-albumina. *funções: manutenção da pressão oncótica, transporte de hormônios tireoidianos e lipossolúveis, ácidos graxos livres, bilirrubina não-conjugada, fármacos e drogas (aumento da libido, união competitiva com o íon cálcio) e controle do pH. \u2022Globulinas: as proteínas da globulina incluem enzimas, transportadores de proteínas e gamaglobulina, ou anticorpos, algo que o corpo produz para combater as infecções. *\u3b1-1-globulina: a \u3b1-antitripsina responde por cerca de 90% das proteínas que correm na faixa das \u3b1-1-globulinas. Inibidoras de serinoproteases (cuja função é degradar outras proteínas) abrem caminho para os leucócitos, geralmente clivando ligações peptídicas específicas. A \u3b1-1-glicoproteína ácida (65%) possui função primária de transportar progesterona. É uma proteína de fase aguda e pode estar diminuída devido a uma doença hepática, desnutrição e síndrome nefrótica. É encontrada também a \u3b1-lipoproteína (HDL) e a \u3b1-fetoproteína, com origem placentária e fetal. * \u3b1-2-globulina: incluem a haptoglobina e a \u3b1-2-macroglobulina. A \u3b1-2-macroglobulina possuí a função de transporte hormonal e inibição das proteínas proteolíticas. Aumenta em casos de síndrome nefrótica. A haptoglobulina (50%) possui a função de formar um complexo protéico com hemoglobina livre plasmática. *ß-globulina: composta pelas ß-lipoproteínas (LDL), transferrina, C3 e outros componentes do complemento. A função da transferrina é de transportar ferro plasmático. * \u3b3-globulina: são as imunoglobulinas fabricadas pelos linfócitos, importantes para a defesa do organismo (anticorpos). É o grupo de globulinas de migração mais rápida, onde se encontra a maioria dos anticorpos. \u2022Lipoproteínas: são complexos macromoleculares esféricos de lipídeos e proteínas específicos (apolipoproteínas). Incluem os quilomícron, VLDL, LDL, HDL, IDL. Possuem a função de manter solúveis seus componentes lipídicos naturalmente insolúveis no plasma e promover o transporte eficiente de lipídeos nos tecidos. São compostos por uma camada anfipática externa polar e hidrofílica. O interior é apolar e hidrofóbico, constituindo-se de TAG e obtidos a partir da dieta.