A maior rede de estudos do Brasil

Grátis
6 pág.
AMC Banco de questões P2

Pré-visualização | Página 1 de 2

Banco de questões 
Anatomia Médico-Cirúrgica – P2 
 
1) O método para evitar que se refaça uma hérnia hiatal após a sua 
correção cirúrgica é: 
a) Sutura do esôfago no diafragma. 
b) Sutura do estômago no diafragma. 
c) Esofagiectomia. 
d) Fundoplicatura gástrica. (também achei artigo falando disso) 
e) Esofagiectomia com interposição de alça de cólon transverso. 
f) Gastrectomia. 
g) Gastrectomia parcial com by-pass em “Y” de Roux. 
h) Sutura do duodeno no diafragma. 
 
2) Após a passagem de um cateter nasoenteral (CNE) em um paciente de 
75 anos, internado por AVE isquêmico, entubado e em coma induzido, 
deve-se realizar o controle de qualidade do procedimento, para 
assegurar que o CNE esteja no lugar correto. Qual dos achados abaixo 
poderia indicar que o procedimento deva ser refeito? 
a) Observação do CNE na topografia do antro à radiografia. 
b) Ausência de sons no espaço de Traube ao se injetar ar pelo CNE. 
c) Presença de cianose de extremidades. 
d) Presença de hemorragia digestiva alta. 
e) Presença de distensão abdominal. 
f) Aspiração de suco gástrico pelo CNE. 
g) Taquicardia no monitor. 
h) Anisocoria ao exame neurológico. 
 
3) Um paciente de 22 anos é admitido no Serviço de Urgência com história 
de ter sido vítima de PAF, com orifício de entrada visível na região do 
hipocôndrio esquerdo, na sua face anterior. Utilizando os seus 
conhecimentos anatômicos, diga qual das estruturas abaixo 
provavelmente não terá sido atingida: 
a) Hemicúpula diafragmática esquerda. 
b) Fundo gástrico. 
c) Cauda do pâncreas. 
d) Base pulmonar esquerda. 
e) Fissura esquerda do cólon. 
f) Baço. 
g) Alças de intestino delgado. 
h) Todas as estruturas acima poderiam ter sido atingidas. 
4) Um paciente jovem, de 25 anos, dá entrada no Serviço de Urgência com 
queixa de dor abdominal. A dor é mais intensa à direita, em um ponto 
localizado na junção entre o terço lateral e o terço médio de uma linha 
que vai da cicatriz umbilical à espinha ilíaca antero-superior. Este ponto, 
clássico nas apresentações clínicas de apendicite aguda, denomina-
se: 
a) Ponto de Jobert. 
b) Ponto cístico. 
c) Ponto de Castell. 
d) Ponto de McBurney. 
e) Ponto de Wirsung. 
f) Ponto de Trendelenburg. 
g) Ponto de Poupart. 
h) Ponto de Treitz. 
 
5) A seguinte estrutura não faz parte do mecanismo fisiológico de 
impedimento à doença do refluxo gastroesofagiano: 
a) Reflexões peritoneais em torno do esôfago. 
b) Morfologia dos pilares do diafragma. 
c) Pressão intraesofagiana. 
d) Musculatura da parede do esôfago. 
e) Pressão intragástrica. 
 
6) Na síndrome compartimental aguda, qual dos achados não é comum: 
(não dava para ler a pergunta toda, chutei) 
a) Dor. 
b) Parestesia. 
c) Redução da temperatura na região. 
d) Ausência de pulso distal. 
e) Comprometimento do enchimento capilar distal. 
f) Tensão muscular. 
g) Paralisia da musculatura envolvida no compartimento. 
h) Câimbras. 
 
7) Em um paciente de 34 anos com sobrepeso, diagnosticado com hérnia 
discal lombar, determine o fator anatômico que explica a queixa de dor 
lombar, com irradiação para a região posterior da coxa direita: 
a) Espasmo muscular produzido pelo sobrepeso. 
b) Compressão da dura-máter pelo núcleo pulposo. 
c) Fratura-achatamento de corpos vertebrais lombares. 
d) Compressão de raízes nervosas pelo núcleo pulposo. 
e) Rotura de fibras do ligamento longitudinal posterior. 
f) Rotura de fibras do ângulo fibroso do disco intervertebral. 
g) Lesão de fibras do ligamento flavo (amarelo). 
h) Fissura óssea em processos transversos lombares à direita. 
 
8) Durante a passagem de um cateter vesical em um paciente de 85 anos 
do sexo masculino, os seguintes fatores podem dificultar o 
procedimento ou mesmo contraindicá-lo, exceto: 
a) Posicionamento do pênis em direção inferior. 
b) Presença de hiperplasia benigna da próstata. 
c) Agitação psicomotora do paciente. 
d) Curvatura ao nível da uretra membranácea. 
e) Tônus do esfíncter da uretra. 
f) Tônus da musculatura do trígono vesical. 
g) Fratura dos ossos do quadril (?) 
h) Diagnóstico de lesão traumática do trato urinário. 
 
9) Nos traumatismos abdominais fechados, entre as estruturas abdominais, 
qual é a mais frequentemente lesionada? 
a) Estômago. 
b) Pâncreas. 
c) Baço. 
d) Diafragma. 
e) Junção duodeno-jejunal. 
f) Suprarrenais. 
g) Cólon sigmoide. 
h) Ceco e cólon ascendente. 
 
10) Em relação à cirurgia bariátrica conhecida como Cirurgia ____ 
gástrico com “Y” de Roux (técnica de Fabi-Capella), utilizando seus 
conhecimentos anatômicos, é correto afirmar: 
a) É uma cirurgia que tem somente um componente 
b) A secreção biliar acompanha o bolo alimentar em todo o seu trajeto. 
c) QUESTÃO CORTADA 
 
11) Em relação à possibilidade de uma úlcera gástrica na parede 
anterior, assinale a alternativa incorreta: 
a) Poderá haver peritonite química (irritação peritoneal por suco 
gástrico). 
b) Poderá haver pneumoperitôneo. 
c) Poderá haver perda da macicez à percussão no hipocôndrio direito 
(sinal de Jobert). 
d) Poderá haver o sinal da descompressão dolorosa (sinal de 
Bloomberg). 
e) Poderá haver a presença do “abdome em tábua”, com defesa, 
consequente à peritonite. 
f) Poderá haver distensão abdominal. 
g) Poderá haver comprometimento pancreático. 
h) À radiografia do abdome em posição ortostática, pode-se observar 
uma fina lâmina de ar desenhando o contorno hepático superior. 
 
12) Durante a realização de uma punção lombar com fins 
diagnósticos, após a penetração da agulha na pele, você perceberá 
uma pequena resistência sendo vencida (“popping” sensation) quando 
a ponta da agulha atravessar a seguinte estrutura: 
a) Cauda equina. 
b) Tecido subcutâneo. 
c) Tecido extradural. 
d) Duramáter. 
e) Ligamento supraespinhal. 
f) Ligamento interespinhal. 
g) Ligamento flavo (amarelo). 
h) Aracnóide. 
 
13) Entre os diagnósticos diferenciais de uma dor no hipocôndrio 
direito, podemos citar as opções abaixo, exceto: 
a) Colecistite aguda. 
b) Cólica biliar. 
c) Pancreatite aguda. (dor em barra) 
d) Pneumonia da base direita. 
e) Diverticulite aguda. 
f) Distensão da cápsula hepática por congestão hepática. 
g) Úlcera gástrica. 
h) Úlcera duodenal. 
 
14) No exame clínico de um paciente com suposta hepatomegalia, 
qual é a direção para a qual crescem o fígado e o baço? 
a) O fígado cresce inferiormente e o baço idem. 
b) O fígado cresce para a esquerda e o baço inferiormente. 
c) O fígado cresce em direção à FIE e o baço em direção à FID. 
d) O fígado cresce inferiormente e o baço em direção à FID. 
e) O fígado cresce para a esquerda e o baço para a direita. 
f) O fígado cresce em direção à FIE e o baço inferiormente. 
g) O fígado cresce inferiormente e o baço para a direita. 
h) O fígado cresce para a esquerda e o baço em direção à FID. 
 
15) O cruzamento da linha hemiclavicular direita com o rebordo costal 
direito corresponde, ao exame clínico, ao: 
a) Ponto de Louis. 
b) Ponto de Jobert. 
c) Ponto de Piorri. 
d) Ponto de McBurney. 
e) Ponto cístico. 
f) Ponto para palpação da primeira constricção do ureter direito. 
g) Ponto de Vater. 
h) Ponto de Rigler. 
 
16) A apendicite aguda pode ter diversas apresentações, sendo por 
vezes um diagnóstico difícil, principalmente no início e em casos de 
apêndice retrocecal. No entanto, há uma apresentação clinica 
clássica: 
a) Dor no flanco direito, com irradiação para o hipocôndrio direito 
b) Do em barra mesogastrica com irradiação bilateral para o dorso 
c) Dor no hipocôndrio direito no início do quadro evoluindo para a fossa 
ilíaca direita 
d) Dor na fossa ilíaca esquerda com irradiação para o hipogástrico 
e) Dor na região lombar direita no início do quadro irradiando-se 
anteriormente 
f) Dor na região periumbilical no inicio do quadro evoluindo para a 
fossa ilíaca direita 
g) Dor epigástrica no inicio do quadro evoluindo para a fossa ilica direita 
h)