A maior rede de estudos do Brasil

Grátis
4 pág.
Exercicios Sistema de Garantia da Qualidade

Pré-visualização | Página 1 de 2

SISTEMA DE GARANTIA DA QUALIDADE
Unidade 1
Ferramenta da qualidade extensivamente usada na análise e resolução de problemas e que auxilia na priorização de problemas inerentes aos processos produtivos. A partir da definição de um conjunto de problemas enfrentados no processo produtivo, a ferramenta facilita a identificação daqueles mais impactantes para os resultados do processo. A ferramenta permite ordenar de forma decrescente (do mais crítico para o menos crítico) os problemas a serem tratados individualmente, levando em consideração cada uma das variáveis e fatores que causam o dito problema e permitindo analisar individualmente as características de cada fator. Além da ordenação (ou hierarquização) dos problemas, a ferramenta ilustra por meio de gráficos de linhas e barras quanto um conjunto de problemas impacta para o resultado do processo (por exemplo: os três primeiros problemas da ordenação respondem por 63,4% dos problemas de qualidade relativos ao empacotamento de um produto). Assim, esta ferramenta antecede outras ferramentas de qualidade que usam de métricas e parâmetros estatísticos para auxiliar na caracterização e definição de soluções e ações adequadas às necessidades de melhoria do processo produtivo.
Qual das ferramentas da qualidade que auxiliam no processo de tomada de decisão o texto está fazendo menção?
R: Diagrama de Pareto.
O conceito atual de qualidade está vinculado a questões relacionadas a:
R: A capacidade da empresa em atender às necessidades e superar as expectativas dos clientes.
Qual foi o conceito revolucionário de qualidade apresentado por Deming?
R: Qualidade é a satisfação do cliente.
Quem criou o cálculo dos limites de controle e foi o responsável pelo início da utilização de cartas de controle para monitoramento do desempenho de processos industriais utilizando técnicas estatísticas e medições por amostragem?
R: Walter Shewhart.
Considerando as informações apresentadas, relativas ao MASP, avalie as afirmações a seguir.
II. O MASP é um método complexo estruturado com base na identificação e investigação de causas para determinação das ações de melhoria.
III. O MASP baseia-se na obtenção de dados que justifiquem ou comprovem fatos previamente apurados que causem problemas.
R: II e III.
Quem foi o responsável pela criação do Diagrama de Causa e Efeito e pelo Programa 5S's?
R: Kaoru Ishikawa.
Uma linha de produção que fabrica pães de forma apresentou incrementos não justificados nos custos totais de produção. Diante dessa situação, o gerente da fábrica solicitou aos especialistas da qualidade que verificassem as causas para tal fato, mediante a metodologia PDCA.
Como forma de preparação para a aplicação do ciclo PDCA, os técnicos de qualidade da planta decidiram realizar um estudo preliminar. Neste estudo, encontraram os documentos de descrição dos processos da empresa, correspondentes a vários parâmetros do processo, porém estes documentos não apresentavam revisão há quatro anos. Diante desse fato, a equipe de qualidade decidiu coletar informações e depoimentos dos operários e supervisores de fábrica. Os relatos apontaram que as etapas de pesagem e dosagem eram as mais prováveis de conter desvios e falhas.
Considerando a aplicação do método requerido para a resolução do problema, o que é correto afirmar?
R: Na etapa de planejar (plan) deve-se estruturar a estratégia de abordagem do problema, não considerando as informações preliminares, pois já estão desatualizadas devido à falta de revisão há 4 anos. (SEM CONFIRMAÇÃO)
O conceito de qualidade segundo a ISO 8402 fala sobre:
R: A capacidade que a empresa tem de satisfazer as necessidades explícitas ou implícitas dos clientes.
Quais foram as principais contribuições de Genichi Taguchi?
R: A criação do Projeto de Experimentos.
Quem são os dois cidadãos americanos que foram ensinar técnicas de controle da qualidade aos japoneses?
R: Edwards Deming e Joseph Juran.
Unidade 2
O que deve ser preenchido na coluna "WHERE" do Plano de Ação?
R: O local, célula, máquina pavilhão ou setor em que a ação será realizada.
Quando utilizarmos a técnica dos 5 Porquês, devemos:
R: Fazer sucessivos questionamentos, sempre relacionando à causa anterior.
Para identificação da causa raiz de uma não conformidade é necessário, geralmente, a utilização de quantos porquês?
R: São necessários de 5 a 7 porquês.
A técnica dos 5 Porquês serve para:
R: Identificar a causa raiz de um problema de qualidade.
O Plano de Ação também é conhecido como:
R: 5W2H.
Segundo a teoria, o que acontece se utilizarmos mais de 5 porquês na busca da causa de uma não conformidade?
R: Estaremos identificando a real fonte geradora da não conformidade.
Para a correta utilização da técnica dos 5 Porquês, devemos:
R: Apontar para a alta direção, onde a empresa deve concentrar seus investimentos.
O que deve ser preenchido na coluna "WHAT" do Plano de Ação?
R: A ação a ser realizada, a descrição do que deve ser feito para eliminar ou estancar o problema de qualidade.
O Plano de Ação serve para:
R: Registrar as ações a serem implementadas, definindo os prazos, os responsáveis e o custos para a implementação das ações corretivas ou de melhoria, além de definir por que e como a ação deve ser implementada.
O que deve ser preenchido na coluna "HOW" do Plano de Ação?
R: Como a ação será implementada.
Unidade 3
O que é um diagrama de Pareto?
R: É um gráfico de barras que ordena as ocorrências da maior para a menor.
Através da análise de Pareto podemos:
R: Definir ações sobre as causas que terão maior impacto se resolvidas.
Qual simbologia dever ser utilizada para representar um ponto de decisão (sim/não) no processo?
R: Um losango.
A simbologia que é utilizada para representar o início e o final de um processo é:
R: Uma elipse.
Quais são os benefícios que o fluxograma pode proporcionar para uma organização?
R: O fluxograma pode proporcionar uma excelente visão do processo, mostrar como as diversas atividades que compõem um processo estão relacionadas entre si e ainda auxiliar na identificação de problemas.
Em um sistema de gestão da qualidade, a análise de Pareto serve para:
R: Priorizar os problemas de qualidade.
Assinale a alternativa que melhor define o fluxograma:
R: Fluxograma é a representação gráfica das relações existentes entre as atividades de um processo.
Durante a elaboração do fluxograma, é fundamental:
R: Que o fluxograma seja consistente com o nível de detalhe que requer o processo.
A análise de Pareto permite:
R: Determinarmos o ponto ótimo dos parâmetros de processo.
A análise de Pareto permite:
R: Compararmos o antes e o depois e verificar facilmente, de forma gráfica, o efeito da melhoria implementada. (SEM CONFIRMAÇÃO)
Na área da qualidade, o que significa a relação 80/20 ou 20/80?
R: Quer dizer que 80% dos problemas de qualidade são gerados por 20% das causas.
Unidade 4
A etapa "P" do PDCA consiste em planejar o que deve ser feito. Quantas etapas do MASP fazem referência à etapa "P" do PDCA?
R: 4 etapas.
Indique a ordem correta das etapas do PDCA:
R: Planejar, fazer, verificar e agir.
Indique a afirmativa correta que apresenta a relação entre o PDCA e o MASP:
R: O MASP é um desdobramento do PDCA. O MASP é um método específico para solução de problemas e foi criado com base no Ciclo PDCA.
Indique a alternativa que melhor descreve o que é o MASP:
R: O MASP, de forma simplificada, é uma metodologia para identificação de um problema, estruturação de ações corretivas, implementação destas ações, verificação da eficácia e padronização dos procedimentos. São etapas que devem ser seguidas para eliminar a fonte geradora de uma não conformidade e evitar a sua reincidência.
O MASP se aplica a:
R: Problemas significativos, complexos e que estão mal estruturados.
A etapa 6 do MASP consiste em verificar a eficácia das ações corretivas. Aponte o que deve ser feito caso o resultado da etapa 6 indique que as ações implementadas não foram eficazes:
R: Retornar à etapa 1 - Identificação do Problema.
Quantas etapas fazem parte do

Crie agora seu perfil grátis para visualizar sem restrições.