Buscar

HISTÓRIA DA PSIQUIATRIA E DA REFORMA PSIQUIÁTRICA - Simulado

Faça como milhares de estudantes: teste grátis o Passei Direto

Esse e outros conteúdos desbloqueados

16 milhões de materiais de várias disciplinas

Impressão de materiais

Agora você pode testar o

Passei Direto grátis

Faça como milhares de estudantes: teste grátis o Passei Direto

Esse e outros conteúdos desbloqueados

16 milhões de materiais de várias disciplinas

Impressão de materiais

Agora você pode testar o

Passei Direto grátis

Faça como milhares de estudantes: teste grátis o Passei Direto

Esse e outros conteúdos desbloqueados

16 milhões de materiais de várias disciplinas

Impressão de materiais

Agora você pode testar o

Passei Direto grátis

Você viu 3, do total de 3 páginas

Prévia do material em texto

NPG - HISTÓRIA DA PSIQUIATRIA E DA REFORMA PSIQUIÁTRICA
	 
	 
	 1.
	Ref.: 750276
	Pontos: 1,00  / 1,00
	
	Durante o século XVII a Europa vive profundas transformações em um período chamado Renascimento. No contexto da loucura este período é chamado de "Grande Internação" no qual a loucura é:
		
	 
	Exilada nos hospitais gerais junto com outros indesejados
	
	Levada para tratamento nos hospitais gerais com base na ciência médica
	
	Levada para tratamento nos hospícios com base na ciência médica
	
	Exilada nos hospícios junto com outros indesejados
	
	Levada para tratamento nos hospitais gerais e exilada nos hospícios
	
	
	 2.
	Ref.: 750289
	Pontos: 1,00  / 1,00
	
	O movimento que propôs a não repressão e análise do discurso do louco foi:
		
	
	Psicanálise
	
	Psiquiatria de setor
	
	Psiquiatria forense
	
	Comunidades terapêuticas
	 
	Antipsiquiatria
	
	
	 3.
	Ref.: 750293
	Pontos: 1,00  / 1,00
	
	As primeiras mudanças promovidas na gestão de Franco Basaglia do Hospital Psiquiátrico de Gorizia incluíam:
		
	
	Eliminação dos passeios ao ar livre
	 
	Fim das ações institucionais de contenção
	
	Criação de condições para reuniões de médicos
	
	Eliminação de condições para reuniões e encontro entre pessoal médico e pacientes
	
	Reforço das ações institucionais de contenção
	
	
	 4.
	Ref.: 750268
	Pontos: 1,00  / 1,00
	
	Assinale a resposta correta. O conceito de loucura:
		
	
	É facilmente construído pois possui poucos fatores ou aspectos
	 
	Não é facilmente construído pois possui muitos fatores ou aspectos envolvidos
	
	É definido através do CID-10
	
	Tem se mantido estável ao longo da história desde a Roma antiga
	
	Compreende um conjunto pequeno de manifestações
	
	
	 5.
	Ref.: 750297
	Pontos: 1,00  / 1,00
	
	Pode-se dizer que, na Europa, a psiquiatria nasce vinculada ao asilo. Já no Brasil podemos afirmar que:
		
	
	O modelo asilar foi preferido em relação ao hospitalocentrismo.
	 
	Os asilos precedem a atividade psiquiátrica formal.
	
	As políticas públicas não destinavam verbas suficientes para a construção de asilos.
	
	Os asilos chegam tardiamente.
	
	Os asilos nunca existiram pois as políticas públicas optaram por abordagem diversa.
	
	
	 6.
	Ref.: 750318
	Pontos: 1,00  / 1,00
	
	Pode-se afirmar sobre o modelo de atenção dos hospitais dia:
		
	
	Estão extintos
	
	É o modelo básico para atenção segundo o Ministério da Saúde
	
	Estão em superação sendo transformados em casas de saúde
	 
	Estão em superação sendo transformados em CAPS
	
	Estão em superação sendo transformados em manicômios
	
	
	 7.
	Ref.: 1039436
	Pontos: 1,00  / 1,00
	
	(RIS-ESP/CE, 2013, adaptada) A atuação do movimento de luta antimanicomial tem tido um importante papel na efetivação da Reforma Psiquiátrica com o consequente fim dos hospitais psiquiátricos e fortalecimento da rede de atenção à saúde mental de base comunitária e atenção à saúde, em conformidade com os princípios e diretrizes do Sistema Único de Saúde (SUS). Nesse sentido a marca do movimento social é a luta pela(s):
		
	
	Mudanças no modo de cuidar do chamado louco, mantendo a alternância de modelos diferenciados de cuidar, tanto fundamentado no modelo asilar quanto no modelo dos novos serviços.
	
	Desospitalização e desmedicalização promovida por ambulatório especializado de saúde mental.
	
	Garantia dos direitos trabalhistas dos trabalhadores médicos das instituições psiquiátricas.
	 
	Transformação das práticas e concepções sobre a relação sociedade e loucura no Brasil, na garantia de seus direitos e de sua reinserção social, sobretudo no que diz respeito às denúncias da violação de tais direitos.
	
	Desospitalização e consequente aumento de ambulatórios psiquiátricos somente
	
	
	 8.
	Ref.: 750272
	Pontos: 1,00  / 1,00
	
	Assinale a INCORRETA. A definição de transtornos mentais disposta no DSM-5:
		
	
	Exclui reações a fatos estressores (e.g.: perda de entes queridos) e comportamentos sociais desviados
	
	Aborda transtorno mental como síndrome
	
	Associa a sofrimento ou deficiência social e ocupacional entre outras
	
	Inclui manifestações comportamentais, emocionais e cognitivas
	 
	Não aborda transtorno mental como síndrome
	
	
	 9.
	Ref.: 750308
	Pontos: 1,00  / 1,00
	
	Uma das mais importantes iniciativas para a Reforma Psiquiátrica brasileira foi o Movimento dos Trabalhadores em Saúde Mental que surge em 1978. Assinale a alternativa NÃO corresponde às consequências deste movimento:
		
	 
	Todos os encontros de trabalhadores de saúde mental foram suspensos
	
	O primeiro encontro de trabalhadores da área de saúde mental no Congresso Brasileiro de Psiquiatria em Camboriú.
	
	Demissão pelo Ministro da Saúde de 260 profissionais de saúde mental em um episódio conhecido como "Crise da Dinsam"
	
	A primeira greve de trabalhadores públicos após a ditadura ocorrida em 1978
	
	Uma série de denúncias de jovens médicos psiquiatras, sobre as precárias condições a que eram submetidos os pacientes dos hospitais psiquiátricos do Ministério da Saúde
	
	
	 10.
	Ref.: 750287
	Pontos: 1,00  / 1,00
	
	Ao fim do século XIX os hospícios se tornaram verdadeiros armazéns de enfermidades mentais. Isto aconteceu porque:
		
	
	As famílias ficavam com seus ditos doentes
	
	O número de doentes mentais diminuiu
	 
	A cultura de internação e isolamento havia se estabelecido na sociedade e não havia cura
	
	Os doentes mentais crônicos eram curados
	
	A internação era algo distante da cultura na sociedade