A maior rede de estudos do Brasil

Grátis
39 pág.
(Aula) Exercícios resistidos 2017.1

Pré-visualização | Página 2 de 2

do joelho 
(Kisner; Colby, 2009) 
 Dorsiflexão e flexão plantar do tornozelo 
(Kisner; Colby, 2009) 
 Inversão e eversão do pé 
 Flexão e extensão dos artelhos 
(Kisner; Colby, 2009) 
 Regimes isotônicos 
◦ Técnica de Delorme (Exercício com resistência 
progressiva) 
 Procedimentos 
◦ Determinar a 10RM 
◦ O paciente então executa 
 10 repetições com ½ de 10RM 
 (RM –Repetição máxima:é a maior quantidade de peso que 
um músculo pode mover através da ADM um número 
específico de vezes) 
 10 repetições com ¾ de 10 RM 
 10 repetições com 10 RM 
◦ O paciente faz os 3 turnos em sessão de exercícios com 
um período breve de repouso entre eles 
◦ A quantidade de peso é aumentada a cada semana à 
medida que a força aumenta. 
(Kisner; Colby, 2009) 
 Regimes isotônicos 
◦ Técnica de Oxford 
 É o reverso da técnica de Delorme. Foi elaborado para 
diminuir a resistência à medida que a fadiga muscular 
se desenvolve. 
◦ Procedimento 
 Determine a 10 RM 
 O paciente então realiza 
 10 repetições com 10 RM completas 
 10 repetições com ¾ da 10 RM 
 10 repetições com ½ da 10 RM 
 Devem ser feitos exercícios ativos antes dos exercícios 
resistidos. 
(Kisner; Colby, 2009) 
 Exercício resistido progressivo ajustado diariamente-
Técnica ERPAD 
◦ Foi desenvolvido por Knight para determinar mais 
objetivamente quando aumentar a resistência e como 
aumentá-la em um programa de exercícios. 
◦ Procedimento 
 Determine um peso de trabalho inicial (6 RM) 
 O paciente faz: 
 Etapa nº1: 10 repetições com ½ do peso de trabalho 
 Etapa nº 2: 6 repetições de ¾ do peso de trabalho 
 Etapa nº 3: quantos repetições forem possíveis no peso de trabalho 
total. 
 Etapa nº 4: quantas repetições forem possíveis do peso de trabalho 
ajustado. 
◦ O peso de trabalho ajustado é baseado no número de 
repetições do peso de trabalho total realizado na etapa nº 
3. 
◦ O número de repetições feitas na etapa nº4 é usado para 
determinar o peso de trabalho para o dia seguinte. 
 
(Kisner; Colby, 2009) 
 Diretrizes para ajuste do peso de trabalho 
Número de 
repetições feitas 
durante a etapa nº3 
 
Ajuste de peso de trabalho para 
A etapa nº 4 O dia seguinte 
0-2 
Diminuir 2,5-5 Kg e 
repetir a etapa 
Diminuir 2,5-5Kg 
3-4 Diminuir 0-2,5Kg O mesmo peso 
5-6 
Manter o mesmo 
peso 
Aumentar 2,5-5Kg 
7-10 Aumentar 2,5-5Kg Aumentar 2,5-7Kg 
11 Aumentar 5-7,5 Kg Aumentar 5-10Kg 
(Kisner; Colby, 2009)