modelo IV ( Infancia e suas linguagens) 2
8 pág.

modelo IV ( Infancia e suas linguagens) 2


Disciplina<strong>paper</strong>78 materiais352 seguidores
Pré-visualização3 páginas
2
INFÂNCIA E SUAS LINGUAGENS
Acadêmicos¹
Tutor Externo²
Esse trabalho irá apresentar um estudo sobre a infância e suas linguagens, que tem o objetivo de melhorar o conhecimento sobre estas linguagens, Ao falarmos em linguagens não só estamos falando em linguagem oral e escrita, mas sim em vários meios que podemos oferecer para que as crianças aprendam, e também para ampliar nossos conhecimentos. Quando trabalhamos com crianças temos que pensar nas diferentes linguagens, nos gestos na arte na música nos desenhos nas contações de histórias, também nas manhas que as crianças fazem para chamar atenção, pois lúdico é o estado natural de aprendizado das crianças, os jogos, a imitação, faz de conta, fazendo com que a criança fique mais esperta e tenha um bom raciocínio. É necessário que o desenvolvimento de múltiplas linguagens na Educação Infantil por meio das atividades lúdicas a criança se diverte, joga e brinca aprendendo a se desenvolver de uma maneira natural.
Palavras-chave: Infância. Educação. Crianças. 
1. INTRODUÇÃO
Este trabalho tem como objetivo um breve estudo na área das linguagens infantis, como são trabalhadas e desenvolvidas as atividades na educação infantil, qual o papel do educador para que essas linguagens sejam trabalhadas e desenvolvidas de forma educativa e criativa respeitando o limite de cada indivíduo, sendo que cada processo deve ocorrer de forma natural fazendo assim uma técnica desenvolvida para uma atividade que proporcionara novas experiências para o sujeito, possibilitando um novo outro olhar do mesmo mundo, olhar esse mais atraente. 
Que se torna possível através das cores que facilitam essa interação com o meio a ser trabalhado possibilitando um maravilhoso trabalho visual. Dentro desse contexto encontramos também um excelente recurso para interagir com esse mundo, sendo esse o lúdico, desenvolvendo assim uma curiosidade benéfica que por sua vez vem a desenvolver a comunicação onde através de ver e ouvir o sujeito desenvolve o interesse pela fala, sendo essa por sua vez a Linguagem Oral, que logo passa a ser acompanhado pela escrita. É muito importante organizar os trabalhos pedagógicos na educação infantil antes de passar para as crianças, ter um foco de analisar as diversas linguagens. As brincadeiras, desenhos, e as musicas são algumas das varias maneiras de ensinar brincando utilizando a imaginação, pois o desenvolvimento humano ocorre a partir do contato com outras crianças e com meio em que vive.
Falaremos também de algumas linguagens, da arte visual, linguagem corporal, linguagem matemática que são algumas das diversas linguagens a serem trabalhadas, foi utilizada diversos meio para complementar o trabalho com livros, sites e vídeos. 
2. FUNDAMENTAÇÃO TEÓRICA
Entendemos que na escola e um espaço privilegiado para que tenha interação dos alunos. A escola e um espaço educativo e social são fundamentais que nele haja um espaço adequado e planejado para o desenvolvimento de diversas atividades que ajudem no desenvolvimento das crianças. As atividades lúdicas podem ser tarefas do dia-a-dia na educação infantil. As crianças utilizam as diversas linguagens como: A linguagens das artes visuais, linguagem corporal, linguagem matemática e varias outras, Estas linguagens estão abertas ao enriquecimento, a investigação, à pesquisa, ao estudo aprofundando pratica pedagógica. A criança tem algumas dificuldades ao se expressar oralmente, pois não domina a linguagem verbal, tanto em sua forma oral como na escrita. Então podemos oferecer outras maneiras delas se comunicar como a dança, a música e varias outras formas para facilitar a comunicação. 
A construção do conceito se da pelo meio da linguagem condicionando a criança na formação de seus próprios conceitos, os primeiros tipos de comunicação nos primeiros meses de vida são através do sorriso, do choro e dos gestos, esses são os sinais comunicativos que constituem uma demonstração do mundo. Elas ouvem o que é dito ao seu redor e organizam o que escutam,
A partir dos dois anos de vida a criança já desenvolve a capacidade da fala e de entendimento das palavras mais longas, começam também a montar frases e a serem entendida de uma melhor forma.
 O desenvolvimento da linguagem só acontece a partir do momento em que a criança interage com seus parceiros de rotina, como os colegas de escola, professores, mãe, pai. No centro de educação infantil as crianças brincam, exploram, recebem atenção e cuidados, são estimuladas a aprenderem em seu dia a dia, a musicalização e uma forte ferramenta no desenvolvimento da linguagem, pois a criança estimula a fala através das cantigas, outro fato muito importante e a roda de conversa onde as crianças sentam no chão e relatam para a professora e seus colegas de turma o que fez no seu tempo livre durante o fim de semana, e uma ferramenta muito rica ajuda à criança na perda da timidez e desenvolve sua oralidade.
 A linguagem da criança se caracteriza pela imaginação simbolismo, ludicidade, a oralidade e um dos eixos norteadores da ação pedagógica com as crianças, acontecem através da linguagem, à criança se comunica com o mundo ao seu redor. 
Através da expressão a criança pode- se dizer muitas coisas, pois percebemos quando esta triste, ou alegre, sem necessitar do usar a fala, na educação infantil as palavras tem um tempo para ser pensada e elaborada, a criança escuta o adulto e acaba gravando o que foi dito, em seguida ela esta a pronunciar o que ouviu. Demonstra sua linguagem pelos desenhos que se desenha, pela musica que canta, pelo jeito de brincar, o material utilizado e um dos fatores mais importantes para desenvolver a linguagem da criança, é fundamental que o educador tenha um planejamento e o material necessário para poder ajudar seus educandos a desenvolverem sua linguagem. No inicio do ano letivo na educação infantil as crianças tem bastante dificuldade para se expressarem, mas com a convivência com as outras crianças eles vão desenvolvendo com facilidade pouco a pouco. As crianças possuem diversos tipos de linguagens, diversas maneiras de pensar, brincar e agir, por isso o educador para compreender melhor a criança deve se entrar no mundo dela para poder entendê-la.
Se nós acreditamos que as crianças têm teorias, interpretações e questões próprias e que são protagonistas dos processos de construção do conhecimento, então os verbos mais importantes na prática educativa não são mais \u201cfalar\u201d, \u201cexplicar\u201d ou \u201ctransmitir\u201d, é apenas \u201cescutar\u201d. Escutar significa estar aberto aos outros e ao que eles tem a dizer, ouvindo as cem (e mais) linguagens com todos os nossos sentidos. Escutar é um verbo ativo, pois significa não só gravar uma mensagem, mas também interpretá-la, e essa mensagem adquire sentido no momento em que o ouvinte a recebe e avalia. (RINALDI, 2012, p.228).
O Professor um mediador deve estimular as crianças a cantar a desenhar sem ter a preocupação de que está boa ou ruim, a criança têm que ser criança, tem que deixar fluir a imaginação delas, Elas se encantam com tão, pouco uma simples contação de história elas navegam por um mundo imaginário que e só delas, embarcando nas suas próprias fantasias. É importante que o educador faça com que as crianças participem de diversas atividades. Esse espaço deve ser criativo para que chame atenção das crianças não deve ser um espaço visto como lugar comum e sim como um espaço imaginário, eles adoram estar rodeados de coisas novas.
 As brincadeiras que são oferecidas a criança devem estar de acordo com a idade delas, as brincadeiras é um canal de comunicação de pensamentos e sentimentos, por meio de manuseio de brinquedos. Há brinquedos que despertam ternura e carinho, que são aqueles que a criança carrega desde bebê, bem com provocam aconchego e oferece consolo a criança. Bolas ou objetos redondos visam o desenvolvimento da coordenação dos movimentos, brinquedos musicais propiciam a exploração de sons e desenvolvem a percepção auditiva; os brinquedos para manipulação tendem a desenvolver o pensamento e as habilidades psicomotoras