A maior rede de estudos do Brasil

Grátis
12 pág.
3022685 DEONTOLOGIA

Pré-visualização | Página 1 de 4

Lista de Exercícios de Deontologia Farmacêutica
Prof.: Paulo Henrique
Aluno. SIMONE EUFRASIO PASSOS
1-Assinale a alternativa que identifica a resolução do Conselho Federal de Farmácia, a qual dispõe sobre o Código de Ética Farmacêutica, o Código de Processo Ético e estabelece as infrações e as regras de aplicação das sanções disciplinares. 
A) 600, de 25 de julho de 2014. 
B) 594, de 29 de novembro de 2013. 
C) 599, de 24 de julho de 2014. 
· D) 596, de 21 de fevereiro de 2014.
2-O Código de Ética Farmacêutica é constituído por normas que se aplicam aos farmacêuticos, em qualquer cargo ou função, independentemente do estabelecimento ou instituição a que estejam prestando serviço, de acordo com princípios fundamentais. Analise-os. 
I. Ao farmacêutico cabe zelar pelo perfeito desempenho ético da farmácia e pelo prestígio e bom conceito da profissão.
II. O farmacêutico deve denunciar às autoridades competentes quaisquer formas de poluição, deterioração do meio ambiente ou riscos inerentes ao trabalho, prejudiciais à saúde e à vida. 
III. O farmacêutico deve manter segredo sobre fato sigiloso de que tenha conhecimento em razão da sua atividade profissional e exigir o mesmo comportamento do pessoal sob sua direção.
IV.	 O farmacêutico deve ser solidário com as ações em defesa da dignidade profissional e empenhar-se para melhorar as condições de saúde e os padrões dos serviços farmacêuticos, assumindo sua parcela de responsabilidade em relação à assistência farmacêutica, à educação sanitária e à legislação referente à saúde.
· I, II, III e IV. 
B) I e II, apenas. 
C) I e III, apenas. 
D) III e IV, apenas. 
E) I, II e III, apenas.
3-Analise as afirmativas a seguir levando em consideração as normas que se aplicam aos Farmacêuticos, estabelecidas no Código de Ética Farmacêutica. Neste sentido é correto afirmar: 
A) Cabe ao profissional farmacêutico zelar pelo perfeito desempenho ético da farmácia e pelo prestígio e bom conceito da profissão podendo fazer consultas de assistência farmacêutica e, fazer a prescrição de medicamento adequado ao paciente. 
B) O farmacêutico pode permitir a utilização do seu nome, mesmo como responsável técnico, pelos estabelecimentos públicos ou privados, ainda que não exerça, pessoal e efetivamente, a profissão, porém esteja assessorado por auxiliares competentes.
C) O farmacêutico que exercer simultaneamente a profissão farmacêutica e a médica deve manter segredo sobre fato sigiloso de que tenha conhecimento em razão da sua atividade profissional e exigir o mesmo comportamento do pessoal sob sua direção. 
· D) O farmacêutico deve ser solidário com as ações em defesa da dignidade profissional e empenhar-se para melhorar as condições de saúde e os padrões dos serviços farmacêuticos, assumindo sua parcela de responsabilidade em relação à assistência farmacêutica, à educação sanitária e a legislação referente a saúde.
4-A resolução do Conselho Federal de Farmácia no. 596 de 21 de fevereiro de 2014 apresenta o novo código de ética da profissão farmacêutica. E afirma que é direito do farmacêutico: 
A ( ) Exercer simultaneamente a medicina; 
· B ( ) Participar de experimentos bélicos, desde que devidamente aprovados por comitê de ética em pesquisa; 
C ( ) Exigir dos profissionais da saúde o cumprimento da legislação sanitária vigente, em especial, quanto à legibilidade da prescrição; 
D ( ) Impor o tratamento correto, a despeito do direito de decisão do usuário sobre seu tratamento, sua própria saúde e bem-estar, quando o usuário decididamente abandonar o tratamento; 
E ( ) Restringir o acesso à informação sobre as práticas terapêuticas, quando o paciente apresentar resistência ao tratamento proposto.
5-De acordo com o código de ética do profissional farmacêutico, é vedado: 
(A) receber remuneração por seu desempenho; 
(B) comunicar às autoridades a desobediência de profissionais ao código de ética; 
· (C) prescrever antibióticos; 
(D) atualizar-se cientificamente; 
(E) atuar na área judicial.
6-Segundo a Resolução do CFF nº 596, de 21 de fevereiro de 2014, que Aprova o Código de Ética Farmacêutico, o farmacêutico deve: 
A) comunicar previamente ao Conselho Regional de Farmácia, por escrito, o afastamento temporário das atividades profissionais pelas quais detém responsabilidade técnica, independentemente da existência de farmacêutico substituto. 
B) comunicar previamente ao Conselho Regional de Farmácia, por escrito, o afastamento temporário das atividades profissionais pelas quais detém responsabilidade técnica, quando não houver outro farmacêutico que, legalmente, o substitua. 
· C) comunicar em até 48 horas após o afastamento ao Conselho Regional de Farmácia, por escrito, o afastamento temporário das atividades profissionais pelas quais detém responsabilidade técnica, independentemente da existência de farmacêutico substituto. Quando afastamento for por motivo de férias, congressos, cursos de aperfeiçoamento, atividades administrativas ou outras previamente agendadas.
D) comunicar previamente ao Conselho Regional de Farmácia, por escrito, o afastamento temporário das atividades profissionais pelas quais detém responsabilidade técnica, quando não houver outro farmacêutico que, legalmente, o substitua, apenas no setor privado. 
E) comunicar ao Conselho Regional de Farmácia, por escrito, em um prazo de até 15 dias, o afastamento temporário das atividades profissionais pelas quais detém responsabilidade técnica, independentemente da existência de farmacêutico substituto, caso esse afastamento se dê por motivo de doença, acidente pessoal, óbito familiar ou por outro imprevisível.
7-Em conformidade com o Código de Ética Profissional, a respeito do que é vedado ao Farmacêutico quando atuando no serviço público, marcar C para as afirmativas Certas, E para as Erradas e, após, assinalar a alternativa que apresenta a sequência CORRETA: 
(E ) Utilizar-se do serviço, emprego ou cargo para executar trabalhos de empresa privada de sua propriedade ou de outrem, como forma de obter vantagens pessoais. 
(E ) Cobrar ou receber remuneração do usuário do serviço. 
(E ) Reduzir, irregularmente, quando em função de chefia ou coordenação, a remuneração devida a outro Farmacêutico. 
a) C - C - C 
b) C - E - C 
c) E - C - E 
· d) E - E - E 
e) C - C – E
8-De acordo com o Código de Ética da Profissão Farmacêutica, o profissional que: 1º - interage com o profissional prescritor, quando necessário, para garantir a segurança e eficácia da terapêutica; 2º - respeita o direito de decisão do usuário sobre o seu tratamento, sua própria saúde e bem-estar, exceto em situações específicas e; 3º- exige dos profissionais de saúde o cumprimento da legislação sanitária vigente, está observando, respectivamente: 
· um direito / um dever / um direito. 
(B) um dever / um direito / um dever. 
(C) um dever / um dever / um dever. 
(D) um direito / um dever / um dever. 
(E) um direito / um direito / um dever.
9-De acordo com o Código de Ética da Profissão Farmacêutica aprovado pela resolução nº 596/2014, são deveres do profissional farmacêutico, EXCETO: 
A) Guardar sigilo de fatos e informações de que tenha conhecimento no exercício da profissão, excetuando-se os casos amparados pela legislação vigente. 
· B) Exercer profissão farmacêutica respeitando os atos, as diretrizes, as normas técnicas e a legislação vigentes. 
C) Respeitar direito de decisão do usuário sobre seu tratamento, mesmo nas situações em que sua própria saúde estiver em risco ou coloque em risco a integridade do ser humano ou da coletividade.
D) Dispor de serviços profissionais às autoridades constituídas, ainda que sem remuneração ou qualquer vantagem pessoal, em caso como catástrofe ou epidemia.
10-O farmacêutico, durante o tempo em que permanecer inscrito em um Conselho Regional de Farmácia, independentemente de estar ou não no exercício efetivo da profissão, não deve: 
a) Comunicar às autoridades sanitárias e profissionais, com discrição e fundamento, fatos que caracterizem infringência a este Código e às normas que regulam o exercício