Lista de Kc e Kp com gabarito
2 pág.

Lista de Kc e Kp com gabarito


DisciplinaEquilibrio Quimico115 materiais939 seguidores
Pré-visualização1 página
Lista 2 \u2013 Físico- Química C 
 
RELAÇÃO ENTRE CONSTANTES DE EQUILÍBRIO KC E KP 
Kc = Kp e Kp = Kc . (R . T)\u2206n \uf044n = (\u3a3nprod - \u3a3nreag) 
 (R . T)\u2206n 
Vejamos algumas reações em equilíbrio químico e como determinar essas expressões 
para elas. 
Observação importante: \u2206n envolve apenas os coeficientes das substâncias que 
estão no estado gasoso. 
1 N2(g) + 3 H2(g) \u2194 2 NH3(g) 
Kp = Kc . (R . T)
(2 \u2013 4) 
Kp = Kc . (R . T)
-2 
HCl(aq) + AgNO3(aq) \u2194 AgCl(s) + HNO3(aq) 
Kc = não definido \u2013 não possui gases. 
C(s) + O2(g) \u2194 CO2(g) 
Kp = Kc . (R . T)
(1- 1 ) 
Kp = Kc . (R . T)
0 
Kc = Kp 
 
Exemplos. 
1-) A 127°C, em um recipiente de 500 mL encontram-se, em equilíbrio, 0,46 g de NO2 e 
1,84 g de N2O4. Calcular as constantes de equilíbrio Kc e Kp da reação 
2 NO2 (g) \u21c4 N2O4(g) 
 Dados: 
 Massas molares: NO2 = 46 g/mol; N2O4 = 92 g/mol 
 R = 0,082 atm.L.K-1 .mol-1 
\u2022 Encontrando a molaridade dos reagentes e produtos 
M NO2 = _m_ = 0,46 = 0,02 mol/L M N2O4 = _m_ = 1,84 = 0,04 
mol/L 
 M. V 46 . 0,5 M. V 92. 0,5 
\u2022 Calculo da constante de equilíbrio 
Kc = [ N2O4 ] = 0,04 = 100 mol/L
-1 
 [ NO2 ]
2 (0,01)2 
\u2022 Transformando Kc em Kp 
Kp = ? Kc = 100 mol/L-1 R = 0,082 atm.L.K-1 .mol-1 T = 127°C + 273 = 400 
K \u2206n = 1 \u2013 2 = -1 
Kp = Kc . (RT)\u2206n 
 
Kp = 100 . (0,082 . 400) -1 
 
Kp = 100 . 0,0305 
 
Kp = 3,05 atm -1 
2-) No sistema em equilíbrio N2(g) + 3 H2(g) \u21c4 2 NH3(g), a 27°C, as pressões parciais de 
cada gás são: pN2 = 0,4 atm, pH2 = 1,0 atm e pNH3 = 0,2 atm. Calcular as constantes de 
equilíbrio Kp e Kc desse equilíbrio, na temperatura dada. (R = 8,2 x 10-2 atm.L.K-1.mol-
1) 
\u2022 Calculando o Kp 
Kp = p(NH3 )
2___ = (0,2)2 = 0,1 atm-2 
 p(N2) . p(H2)
3 0,4. (1)3 
\u2022 Transformando Kp em Kc 
KC = ? Kp = 0,1 atm
-2 T = 27 + 273 = 300 K \u2206n = 2 \u2013 4 = -2 
KC = KP __ = 0,1____ = 0.1____ = 60,516 mol/L
-2 
 (R . T)\u2206n (0,082 . 300)-2 1,652 .10 -3 
 
EXERCÍCIOS PROPOSTOS 
1. A 427º C, a constante Kc, do equilíbrio PC\u21135(g) \u21c4 PC\u21133(g) + C\u21132(g) vale 60 mol/L. 
Calcule o valor da constante Kp. Resp. 3444 atm. 
2. A constante Kp, do equilíbrio 2 NO(g) + O2(g) \u21c4 2 NO2(g) é igual a 0,04 atm-1, a 147ºC. 
Descubra o valor da constante de equilíbrio Kc Resp. 1,38 mol/L-1 
3. Num recipiente de 2 L de capacidade encontram-se 1,8 g de água, 2 g de gás 
hidrogênio e 1,6 g de gás oxigênio em equilíbrio, a 427ºC. Calcule os valores da 
constantes Kc e Kp para o equilíbrio: Resp. kc= 2,5 mol/L; Kp = 143,5 atm. 
 2H2O(g) 2H2 (g) + O2 (g) 
4. Na reação PC\u21135(g) \u21c4 PC\u21133(g) + C\u21132(g), a constantes Kc vale 32,8 a 727°C. Em um 
recipiente estão em equilíbrio 1,5 x 10-3 mol/L de PC\u21135 e 2,0 x 10
-1 mol/L de C\u21132. 
Calcular: 
a) A concentração molar do PC\u21133 nesse equilíbrio. Resp. 0,246 mol/L 
b) O valor da constante de equilíbrio Kp. Resp = 2689,6 atm 
(R = 8,2 x 10-2 atm.L.K-1.mol-1) 
5. A reação para a formação do NOC\u2113(g): 2 NO(g) + C\u21132(g) \u21c4 2 NOC\u2113(g) foi estudada a 
25 °C. Nesta temperatura, e a partir de determinadas condições iniciais, as pressões 
encontradas no equilíbrio foram: pNOC\u2113 = 1,2 atm; pNO = 5,0 x 10-2 atm; e pC\u21132 = 3,0 
x 10-1 atm. 
a) Calcule o valor de Kp para essa reação a 25 °C. Resp . 1920 atm 
b) Utilizando o resultado do item \u201ca\u201d, calcule o Kc para essa reação. (R = 0,082 atm.L.K-
1.mol-1) Resp. 46917,12 L.mol