A maior rede de estudos do Brasil

Grátis
1 pág.
Mastigação e Deglutição FOLDER 2

Pré-visualização | Página 1 de 1

Mastigação e Deglutição
Mastigação Típica: 
A mastigação é uma das funções mais importantes do sistema estomatognático e é primeiro processo da digestão.
A mastigação pode ser: Simultânea ou Alternada, com movimentos verticais e de rotação da mandíbula.
Previne: Deformações nas arcadas dentárias e distúrbios na Articulação Temporomandibular (ATM) que casam dores crônicas de cabeça fragmenta os alimente de maneira correta.
Fatores que interferem negativamente na mastigação: 
Idade, estresse, problemas odontológicos, distúrbios na articulação temporomandibular (ATM), fraqueza dos músculos responsáveis pela mastigação e entre outros.
Principais riscos de uma mastigação atípica:
 Má digestão; má absorção dos nutrientes; aumento de peso.
Deglutição: A deglutição no padrão infantil acontece de duas formas diferentes:
 
Deglutição Infantil Normal: 
Para acontecer a deglutição no recém-nascido ele deve impulsionar a língua para frente para criar um vedamento e conseguir realizar a pressão necessária para deglutir. 
 
Deglutição Madura Normal: 
Com o amadurecimento do sistema neuromuscular e o nascimento dos dentes molares começa o aprendizado da mastigação e a criança começa então a adquirir o padrão de deglutição normal (em torno de 18 meses). 
 
Deglutição no padrão adulto: 
São três as fases da mastigação: 
1. Corte frontal do alimento. 
2. Trituração nos dentes laterais 
3. Moagem com os dentes molares.
O processo de deglutição pode ser dividido em três etapas: 
1.Preparatória ou Bucal 
2.Fase faríngea 
3.Fase esofágica
Deglutição atípica: 
A deglutição atípica é uma forma inadequada da língua e outros músculos realizarem o ato de deglutição. 
 
Geralmente ocorre por:
Problemas de postura inadequada da cabeça; por alterações do tônus ou postura lingual.
Estudos mostraram que indivíduos com obesidade apresentam problemas na mastigação e deglutição.
 Como funciona - A mastigação é a fase oral da digestão. Sua função é modificar a consistência do bolo alimentar e produzir a saciedade. “Nessa fase, os movimentos são voluntários. Na passagem do bolo alimentar pelo palato mole, se inicia a segunda fase da deglutição. A partir daí, é um processo totalmente involuntário. Por isso na parte voluntária, o indivíduo precisa mastigar de forma adequada, para não atrapalhar todo o processo digestivo”. Pessoas com obesidade, apresentam maiores problemas de mastigação e deglutição, tonicidade dos lábios, língua e bochecha diminuída, além de outras alterações importantes. A mastigação adequada dos alimentos é fundamental não só para que todas as estruturas possam trabalhar normalmente, como também para ajudar nos processos de saciedade do indivíduo, evitando o sobrepeso e refeições maiores que o necessário.
 
Você sabe quantas vezes é necessário mastigar um alimento antes de engolir?
Estudos mostram que mastigar 32 vezes é o suficiente. 
Mas o importante é comer com calma, triturando todo o alimento.
Que tal colocar em prática?

Crie agora seu perfil grátis para visualizar sem restrições.