Logo Passei Direto

A maior rede de estudos do Brasil

Grátis
8 pág.
APOL 02 - DIREITO INTERNACIONAL E CONTRATOS - COMÉRCIO EXTERIOR - UNINTER

Pré-visualização | Página 1 de 3

Questão 1/10 - Direito Internacional e Contratos 
Os Contratos Internacionais são de extrema importância para a condução das operações de 
comércio exterior. Todavia, torna-se cada vez mais frequente as dificuldades de os 
negociadores concluírem os contratos, tendo em vista a falta de consenso entre eles, no sentido 
de estabelecerem a lei que irá regulamentar o contrato ou mesmo as a cláusulas que deverão 
reger o contrato. 
A respeito Convenção de Viena sobre Compra e Venda de Mercadorias de 1980, ratificada pela 
República Federativa do Brasil, assinale a opção correta, de acordo com os conteúdos 
abordados nas aulas e no livro-base. 
I. Em relação ao referido tratado, para todos aqueles Estados que o ratificaram, são 
uniformizados os critérios referentes aos contratos internacionais de compra e venda de 
mercadorias. 
II. As partes poderão, assim, aplicar a Convenção dentro de suas relações contratuais ou para 
resolver eventuais controvérsias decorrentes do contrato. 
III. Com a ratificação, por parte do Brasil, da Convenção de Viena sobre Compra e Venda de 
Mercadorias, confere-se maior segurança jurídica aos contratantes, no que diz respeito ao 
cumprimento e a observância das cláusulas essenciais do contrato e, consequentemente, das 
obrigações a serem cumpridas dentro da relação contratual; 
IV. Com a existência de maior segurança jurídica, por causa da ratificação do Convenio de 
Viena, haverá a redução do custo das transações comerciais, as quais passam a ser mais 
rápidas e transparentes, visto que as regras contratadas são aquelas contidas no tratado. 
Nota: 10.0 
 
A As assertivas I e II são verdadeiras. 
 
B As assertivas II e III são verdadeiras. 
 
C As assertivas I, II e III são verdadeiras. 
 
D As assertivas I e IV são verdadeiras. 
 
E As assertivas I, II, III e IV são verdadeiras. 
Você acertou! 
ROTA 5 - Tema 02 da Rota: Convenção de Viena sobre Compra e Venda de Mercadorias de 1980 
Em relação ao referido tratado, para todos aqueles Estados que o ratificaram, são uniformizados os critérios 
referentes aos contratos internacionais de compra e venda de mercadorias. 
As partes poderão, assim, aplicar a Convenção dentro de suas relações contratuais ou para resolver 
eventuais controvérsias decorrentes do contrato. Com a ratificação, por parte do Brasil, da Convenção de 
Viena sobre Compra e Venda de Mercadorias, confere-se maior segurança jurídica aos contratantes, no que 
diz respeito ao cumprimento e a observância das cláusulas essenciais do contrato e, consequentemente, das 
obrigações a serem cumpridas dentro da relação contratual. Com a existência de maior segurança jurídica, 
por causa da ratificação do Convenio de Viena, haverá a redução do custo das transações comerciais, as 
quais passam a ser mais rápidas e transparentes, visto que as regras contratadas são aquelas contidas no 
tratado. 
 
Questão 2/10 - Direito Internacional e Contratos 
O direito internacional privado é de natureza jurídica de direito interno, uma vez que trabalha 
com temas que ocorrem dentro da jurisdição do Estado. Ademais, de acordo com o seu objeto 
de estudo, tem natureza jurídica tanto de direito internacional privado quanto de direito público. 
De acordo com os conteúdos abordados nas aulas e no livro-base, analise as afirmações e 
assinale a alternativa correta: 
I. O direito internacional privado é eminentemente conflitual, já que seu principal objetivo de 
estudo é resolver conflito de lei no espaço. 
II – O direito internacional privado apresenta dois métodos de solução de conflito de espaço: o 
método conflitual e o método uniformizador. 
III – O método conflitual é aquele que se utiliza dos elementos de conexão. 
IV – No método uniformizador, os tratados e as grandes convenções internacionais, aplicando 
no sentido de unificar ou harmonizar as legislações do Estado em relação aos temas de grande 
interesse do direito internacional privado, dando maior segurança jurídica no cumprimento das 
regras. 
Nota: 10.0 
 
A As assertivas I, II e IV são verdadeiras. 
 
B As assertivas II e III são verdadeiras. 
 
C As assertivas I e II são verdadeiras. 
 
D As assertivas I e IV são verdadeiras. 
 
E As assertivas I, II, III e IV são verdadeiras. 
Você acertou! 
GOMES, Eduardo Biancchi e MONTENEGRO, Juliana Ferreira. Introdução aos estudos de direito 
internacional. 1ª ed. Curitiba: Intersaberes, 2016. (Página 139). 
O direito internacional privado é eminentemente conflitual, já que seu principal objetivo de estudo é 
resolver conflito de lei no espaço. Esse direito apresenta dois métodos de solução de conflito de espaço: o 
método conflitual - aquele que se utiliza dos elementos de conexão - e o método formizador, no qual os 
tratados e as grandes convenções internacionais, aplicando no sentido de unificar ou harmonizar as 
legislações do Estado em relação aos temas de grande interesse do direito internacional privado, dando 
maior segurança jurídica no cumprimento das regras. 
 
Questão 3/10 - Direito Internacional e Contratos 
A nacionalidade surge neste período como um elemento agregador, constituindo-se no vinculo 
jurídico e político que une um povo a um Estado. Sendo essa considerada como uma condição 
de pertence, que um cidadão possui em relação a uma determinada nação com a qual se 
identifica. 
De acordo com os conteúdos abordados nas aulas e no livro-base, analise as afirmações e 
assinale a alternativa que corresponde com os brasileiros considerados naturalizados: 
I. Os estrangeiros de qualquer nacionalidade, residentes na República Federativa do Brasil há 
mais de quinze anos ininterruptos e sem condenação penal, desde que requeiram a 
nacionalidade brasileira. 
II. Os nascidos no estrangeiro, de pai brasileiro ou mãe brasileira, desde que qualquer deles 
esteja a serviço da República Federativa do Brasil; 
III. Os nascidos no estrangeiro, de pai brasileiro ou de mãe brasileira, desde que sejam 
registrados em repartição brasileira competente ou venham a residir na República Federativa 
do Brasil e optem, em qualquer tempo, depois de atingida a maioridade, pela nacionalidade 
brasileira; 
IV. Os que, na forma da lei, adquiram a nacionalidade brasileira, exigidas aos originários de 
países de língua portuguesa apenas residência por um ano ininterrupto e idoneidade moral. 
Nota: 10.0 
 
A As assertivas I, II e IV são verdadeiras. 
 
B As assertivas II e III são verdadeiras. 
 
C As assertivas I e II são verdadeiras. 
 
D As assertivas I e IV são verdadeiras. 
Você acertou! 
GOMES, Eduardo Biancchi e MONTENEGRO, Juliana Ferreira. Introdução aos estudos de direito 
internacional. 1ª ed. Curitiba: Intersaber, 2016. (Página 107). 
Art. 12 da Constituição. São brasileiros: 
I - naturalizados: 
a) os que, na forma da lei, adquiram a nacionalidade brasileira, exigidas aos originários de países de 
língua portuguesa apenas residência por um ano ininterrupto e idoneidade moral; 
b) os estrangeiros de qualquer nacionalidade, residentes na República Federativa do Brasil há mais de 
quinze anos ininterruptos e sem condenação penal, desde que requeiram a nacionalidade brasileira. 
 1º Aos portugueses com residência permanente no País, se houver reciprocidade em favor de 
brasileiros, serão atribuídos os direitos inerentes ao brasileiro, salvo os casos previstos nesta 
Constituição. 
 
E As assertivas I, II, III e IV são verdadeiras. 
 
Questão 4/10 - Direito Internacional e Contratos 
Em virtude do constante processo de transformação econômica dos Estados e do modelo do 
livre-comércio, adotado após a Segunda Guerra Mundial e a própria criação da Organização 
Mundial do Comércio, torna-se cada vez mais necessário que os Estados busquem realizar 
atos de comércio. 
A respeito dos Contratos Internacionais e comércio exterior, assinale a opção correta, de acordo 
com os conteúdos abordados nas aulas e no livro-base. 
I. Os contratos internacionais possuem grande importância prática dentro das operações de 
comércio
Página123