A maior rede de estudos do Brasil

Grátis
14 pág.
palestra-senai_manu

Pré-visualização | Página 1 de 1

Palestra: 
e Meio-ambiente
      Eng. Emmanuelle Maria Gonçalves Lorena
1)Titulação Acadêmica:
      	 EMMANUELLE MARIA GONÇALVES LORENA
       	 Mestranda em Engenharia Ambiental
      	 Especialista em Gestão da Qualidade e Produtividade
      	 Engenheiro Civil 
2) Cargo e Função:
	 Pesquisadora: CITAR - Centro de Inovação Tecnológica Aplicada aos Recursos Naturais
	 Lorenas Arquitetura e Engenharia Ltda
    
 
 
Celular/WhatsApp : 81 9 88755540 
E-mail : emmanuelle@lorenas.com.br
Rio + 10 Protocolo de Kyoto
Relatório Brundtland na ONU difundindo a expressão de Desenvolvimento Sustentável
Conferência da ONU sobre Meio Ambiente - Estocolmo
Criação da Comissão Mundial sobre Meio Ambiente
Conferência da ONU – Meio Ambiente
Rio 1992
Clube de Roma
Conferência da ONU – Meio Ambiente
Rio + 20 Durban
2011
2002
1992
1987
1983
1972
1968
Linha do Tempo do Desenvolvimento Sustentável
“Desenvolvimento sustentável é aquele que busca as necessidades presentes sem comprometer a capacidade das gerações futuras de atender suas próprias necessidades.” 
Relatório Nosso Futuro Comum (1987)
“O desenvolvimento sustentável procura a melhoria da qualidade de vida de todos os habitantes do mundo sem aumentar o uso de recursos naturais além da capacidade da Terra.”
Cúpula Mundial 
(2002)
Crescimento Econômico
Progresso Social
Preservação Ambiental
Socio-ambiental
Eco
 eficiência
Socio-
economico
DS
Desenvolvimento Sustentável (DS)
Pilares de um projeto sustentável: 
 Ambientalmente corretos; 
 economicamente viáveis; 
 Socialmente justos. 
Sustentabilidade Social
Sustentabilidade Econômica
Sustentabilidade Ambiental
SUSTENTABILIDADE
Vantagem Competitiva
Qualidade dos Produtos e Serviços
Custos
Estratégias do Negócio
Foco
Mercado
Resultado
Tecnologias Limpas
Utilização sustentável dos recursos naturais
Atendimento à Legislação
Gestão de impactos ambientais:
Efluentes e Resíduos
Reciclagem
Assumir Responsabilidade Social
Compromisso com Recursos Humanos
Participação e Promoção de Projetos de cunho social
Suporte no crescimento e desenvolvimento da comunidade
8
Sistemas de Certificação
Programas Setoriais da Qualidade (PSQs)
 Sistema de Qualificação de Materiais, Componentes e Sistemas Construtivos (SiMaC) 
Sistema de Avaliação da Conformidade de Empresas de Serviços e Obras da Construção Civil (SiAC).
Rechenthin mostra que o PAP 
8
9
SISTEMAS DE CERTIFICAÇÃO DE SUSTENTABILIDADE
As preocupações com os impactos ambientais gerados pela indústria da construção, durante as fases de planejamento e construção, ou durante a operação, são cada vez maiores e seus impactos evidenciados nas diferentes extensões da sustentabilidade (DING, 2008).
Para atenuar os impactos negativos ao meio ambiente, foram desenvolvidos vários sistemas de certificação de sustentabilidade, que têm sido adotadas pelo setor da construção, como mecanismos para melhorar a competitividade no setor , aumentar a produtividade, diminuir custos de operação, representando significativos ganhos sociais e econômicos. (CÔRTES, 2012). 
Um projeto para ser considerado sustentável tem que oferecer muito mais do que um simples projeto de aproveitamento de água de chuva, da ventilação natural, de telhado verde e do uso placas fotovoltaica. Para merecer e receber o selo de empreendimento sustentável, o projeto precisa ser ecologicamente correto, economicamente viável, socialmente justo e culturalmente aceito (LEITE, 2013). 
9
10
Sistemas de Certificação de Sustentabilidade
	CERTIFICAÇÃO	MUNDO	BRASIL
	LEED	150.000	268
	HQE/AQUA	2.200.000	158
	PROCEL	------	19
	SELO AZUL	------	10
	BREEM	1.200.000	2
	DGNB	750	---
Rechenthin mostra que o PAP 
10
Sistemas de Certificação LEED
LEED (Leadership in Energy and Environmental Design) é um sistema internacional de certificação e orientação ambiental para edificações, utilizado em 143 países, e possui o intuito de incentivar a transformação dos projetos, obra e operação das edificações, sempre com foco na sustentabilidade de suas atuações. 
Surgiu nos Estados Unidos em 1999 e a versão em vigor no momento é a de 2015. É conferida pelo GBC Brasil. 
(+850 empresas)(http://www.gbcbrasil.org.br/)
 
Atualmente são 268 empreendimentos brasileiros já certificados pelo LEED e outros 1009 registrados, aguardando o processo de certificação. 
11
12
13
	CATEGORIAS	CRÉDITOS		Nº de Projetos	MEDIDAS	
	Espaço Sustentável	Pré-requisito 	Prevenção da poluição na atividade da Construção	9/12	Adoção de lava rodas. Proibição de entrada bem como de circulação de veículos com vazamentos	
	Uso Racional da água	Crédito 1	Uso eficiente de água no paisagismo	10/12	Coleta de água pluvial; Reutilização de água para irrigação e lavagem de equipamento.	
	Energia e Atmosfera	Crédito 2	Geração local de energia renovável	8/12	Geração de energia local (solar, eólica e biogás); Uso de células fotovoltaicas em garagem solar para melhorar a eficiência energética da construção.	
	Materiais e Recursos	Crédito 2	Gestão de resíduos da construção. 	9/12	Organização dos resíduos, da geração ao acondicionamento; Implantação de baias de resíduos contaminados; Destinação dos resíduos recicláveis às cooperativas de catadores.	
Processamento dos Dados Coletados
Análises das Medidas Construtivas
13