A maior rede de estudos do Brasil

Grátis
5 pág.
afetividade

Pré-visualização | Página 1 de 2

15/05/2020 UNIASSELVI - Centro Universitário Leonardo Da Vinci - Portal do Aluno - Portal do Aluno - Grupo UNIASSELVI
https://portaldoalunoead.uniasselvi.com.br/ava/notas/request_gabarito_n2.php 1/5
Acadêmico: Sara Dias (1144826)
Disciplina: Afetividade e Sexualidade na Educação Inclusiva (LEE18)
Avaliação: Avaliação II - Individual FLEX ( Cod.:512618) ( peso.:1,50)
Prova: 17998494
Nota da Prova: 10,00
Legenda: Resposta Certa Sua Resposta Errada 
1. "Ao longo da história, a atividade sexual sempre foi objeto de preocupação moral e, como tal, submetida a
dispositivos de controle das práticas e comportamentos sexuais. Como esses dispositivos são construídos com
base nos valores e ideologias predominantes na sociedade, eles assumem formas diferentes à medida que a
sociedade muda" (ARAUJO, 2002). Além da sexualidade, a linguagem, muitos de nossos conceitos e referenciais
estéticos, éticos, as noções de corpo (soma) e de alma (psiqué), e de educação recebeu grande influência de quais
culturas?
FONTE: ARAUJO, Maria de Fátima. Amor, casamento e sexualidade: velhas e novas configurações. Psicol. cienc.
prof., Brasília, v. 22, n. 2, p. 70-77, jun. 2002.
 a) Asteca e portuguesa.
 b) Judaica e norteamericana.
 c) Espartana e alemã.
 d) Grega e romana.
2. Para Vieira, Coutinho e Saraiva (2016, p. 206), "[...] os atores sociais demonstraram entendimento acerca da
sexualidade, bem como aceitação das práticas sexuais na velhice, embora alguns tenham ressaltado a percepção
negativa da sociedade quanto a essa realidade. Foram apontadas mudanças tanto positivas quanto negativas
decorrentes do processo de envelhecimento, bem como destacada a importância dos idosos vivenciarem sua
sexualidade de maneira saudável e prazerosa. As representações dos idosos acerca da sexualidade foram
permeadas de conhecimentos oriundos do senso comum, interligados com experiências de vida dos mesmos". No
que se refere à expressão práticas sexuais, classifique V para as sentenças verdadeiras e F para as falsas:
( ) As práticas sexuais são simplesmente as relações sexuais, o ato de fazer sexo. Assim, é muito subjetivo e
diversificado como elas acontecem. 
( ) Para realmente ser uma prática sexual, todos os envolvidos devem estar em consenso e acordo, diferente
disso pode ser considerado uma violência sexual.
( ) Práticas sexuais são necessariamente aquelas que acontecem entre um homem e uma mulher, e envolvem a
relação sexual (coito, cópula, transa). 
Assinale a alternativa que apresenta a sequência CORRETA:
FONTE: VIEIRA, Kay Francis Leal; COUTINHO, Maria da Penha de Lima; SARAIVA, Evelyn Rúbia de
Albuquerque. A Sexualidade Na Velhice: Representações Sociais De Idosos Frequentadores de Um Grupo de
Convivência. Psicol. cienc. prof., Brasília, 2016.
 a) V - F - F.
 b) V - V - F.
 c) F - F - V.
 d) F - V - F.
15/05/2020 UNIASSELVI - Centro Universitário Leonardo Da Vinci - Portal do Aluno - Portal do Aluno - Grupo UNIASSELVI
https://portaldoalunoead.uniasselvi.com.br/ava/notas/request_gabarito_n2.php 2/5
3. "A sexualidade assumiu a condição de centralidade subjetiva pelo entrecruzamento de diversos demarcadores da
Modernidade, como a legitimação do saber-verdade da ciência, a afirmação da individualidade e a
institucionalização dos segmentos infanto-juvenis" (BARROS; COLACO, 2013, p. 59). Acerca da sexualidade na
Modernidade, associe os itens utilizando o código a seguir:
I- Movimento Renascentista.
II- Período Vitoriano.
( ) A ciência natural disseca, abre, fecha, vira e desvira o corpo humano à procura da verdade empírica e de
como governar a natureza - essa que não é mais transcendental e sim explicável, e pronta para ser conhecida pela
razão. O mesmo acontece com a sexualidade.
( ) Nasce uma ciência da sexualidade, que torna o que era aconselhado pela moral algo prescrito pela ciência, e,
para isso, criam-se mecanismos de controle e parâmetros de conduta, colocando aqueles que não correspondem a
essa norma como anormais.
( ) Introduz na Inglaterra uma maneira mais puritana e romântica, molda uma estratégia discursiva e econômica
de que o sexo estava sendo reprimido. Com isso, quem falasse sobre ele estava transgredindo a moral social
imposta.
Assinale a alternativa que apresenta a sequência CORRETA:
FONTE: BARROS, João Paulo Pereira; COLACO, Veriana de Fátima Rodrigues. "Meu prazer agora é risco":
sentidos sobre sexualidade entre jovens de um grupo sobre saúde.Fractal, Rev. Psicol., Rio de Janeiro, 2013.
 a) II - I - I.
 b) II - II - I.
 c) I - I - II.
 d) I - II - II.
4. "Em 2006, as Secretarias de Cultura e de Saúde de Suzano estabeleceram uma parceria para implantar o projeto
Pavio Erótico, que consiste em um sarau temático, com a exibição de filmes, declamação de poesias, mesas de
diálogo, interpretação de contos, apresentação teatral, dança, música, além da disponibilização de preservativos e
materiais informativos, que fomentam as discussões do universo da sexualidade humana à luz das práticas sexuais
seguras" (SOUSA, et al, 2009, p. 63). Com foco nas propostas para trabalhar a temática da sexualidade, analise as
afirmativas a seguir:
I- Uma sugestão é que os professores peçam para que os participantes tragam consigo letras de músicas de todos
os estilos que falem de relações amorosas, sexualidade e modos de ser homem e ser mulher. Além das letras,
podem ser exibidos os videoclipes de algumas dessas músicas.
II- Uma temática que deve ser rejeitada nas escolas envolve a forma pela qual as relações afetivas são
representadas nas músicas. Recomenda-se evitar diálogos sobre como homens e mulheres se comportam nessas
relações, quais os comportamentos que a música critica ou estimula, se as relações são heterossexuais ou
homossexuais.
III- Os alunos poderão ser instigados a identificar nas músicas como homens e mulheres são representados/as,
suas ações, seus sentimentos, comportamentos na relação e os verbos e adjetivos usados para se referir a
homens e a mulheres. 
Assinale a alternativa CORRETA:
FONTE: SOUSA, Ademiro Alves de et al. Pavio Erótico: uma experiência de Suzano na prevenção das
DST/HIV/Aids e fomento da arte erótica. Saude soc., São Paulo, 2009.
 a) As afirmativas I e III estão corretas.
 b) As afirmativas II e III estão corretas.
 c) As afirmativas I e II estão corretas.
 d) Somente a afirmativa I está correta.
15/05/2020 UNIASSELVI - Centro Universitário Leonardo Da Vinci - Portal do Aluno - Portal do Aluno - Grupo UNIASSELVI
https://portaldoalunoead.uniasselvi.com.br/ava/notas/request_gabarito_n2.php 3/5
5. "As entidades chamaram atenção para a igualdade de gênero e fim das discriminações referentes à sexualidade,
compromissos nos quais o Brasil é signatário. As forças políticas que apoiaram o PNE argumentavam que reduzir
os contextos de desigualdades de gênero e orientação sexual nas escolas é um compromisso democrático que
deve orientar a formulação de políticas" (BRANDÃO; LOPES, 2018, p. 111). Com relação aos debates sobre
sexualidade e o espaço escolar, classifique V para as sentenças verdadeiras e F para as falsas:
( ) É importante discutir sobre temas da sexualidade nas escolas a fim de quebrar com preconceitos e
estereótipos que causam violências e desinformação, principalmente no que se refere ao corpo e suas
transformações, inclusive na adolescência, onde é maior o interesse pela temática.
( ) Os assuntos relacionados à sexualidade não devem estar presentes no âmbito escolar, já que, a abordagem
desses temas incita a permissividade sexual nas crianças. A família é a instituição incumbida de fornecer
informações sobre sexualidade, para as pessoas assim que ultrapassam a fase da adolescência. 
( ) O papel esclarecedor sobre o que diz respeito à sexualidade e suas implicações na vida social e individual, é
da escola. Assim, estará prevenindo vários fatores, como doenças, gravidez indesejada, abusos e violências
sexuais, bem como disponibilizando o conhecimento biológico sobre o organismo humano. 
Assinale a alternativa que apresenta a sequência

Crie agora seu perfil grátis para visualizar sem restrições.