A maior rede de estudos do Brasil

Grátis
17 pág.
Apol 2 Temas Contemporâneos

Pré-visualização | Página 4 de 5

do trecho acima e principalmente dos conteúdos do texto-base Educação de Jovens e Adultos: um campo de direito à diversidade e de responsabilidade das políticas públicas educacionais, analise as afirmativas a seguir:
I. No referido artigo, observou-se que a EJA (Educação de Jovens e Adultos) em Belo Horizonte presenciou um processo de rejuvenescimento ou juvenilização.
II. No referido artigo, observou-se que a EJA (Educação de Jovens e Adultos) em Belo Horizonte presenciou um público cada vez mais heterogêneo do ponto de vista geracional.
III. No referido artigo, observou-se que a EJA (Educação de Jovens e Adultos) em Belo Horizonte presenciou uma busca maior por parte dos jovens pela maior qualidade de ensino comparada ao ensino regular convencional.
São corretas apenas a(s) afirmativa(s):
Nota: 10.0
	
	A
	I, II e III
	
	B
	I
	
	C
	I e III
	
	D
	II e III
	
	E
	I e II
Você acertou!
As afirmativas I e II são verdadeiras. A afirmativa III é falsa. “Tem sido muito comum nas narrativas de docentes que atuam na EJA nas mais diversas regiões do país o alerta, as reclamações e os conflitos causados por um público cada vez mais heterogêneo do ponto de vista geracional, com um aumento paulatino da presença de jovens, quer seja pela busca da EJA como estratégia mais rápida de conclusão do ensino médio, quer como resultado da exclusão implementada pelas escolas de ensino regular dos estudantes de faixa etária mais avançada do que o público infantil ou adolescente e considerados ‘indisciplinados’ ou ‘indesejáveis’” (Artigo: “Educação de Jovens e Adultos: um campo de direito à diversidade e de responsabilidade das políticas públicas educacionais”, p. 211).
Questão 4/10 - Temas Contemporâneos: da Diversidade de Gênero à Faixa Geracional
Leia o fragmento de texto abaixo:
“Nas últimas décadas, a sociedade brasileira sofreu mudanças significativas em relação aos valores referentes à sexualidade, exigindo, assim, uma escola que se aproxime das necessidades reais atuais e contemple as demandas decorrentes do desenvolvimento pessoal e social do indivíduo”.
Após esta avaliação, caso queira ler o texto integralmente, ele está disponível em: <http://www.uneb.br/salvador/dedc/files/2011/05/Monografia-SANDRA-SOUZA-BOMFIM.pdf>. Acesso em: 05 abr. 2017.
De acordo com o texto-base Gênero, sexualidade e educação: das afinidades políticas às tensões teórico-metodológicas, sobre as formas de viver a sexualidade, assinale a alternativa correta.
Nota: 10.0
	
	A
	As formas de viver a sexualidade precisam ser compreendidas como questões individuais e por isso tratadas em particular.
	
	B
	É necessário compreender a sexualidade a partir de critérios religiosos e, por isso, deve ser tratada de acordo com a perspectiva do sagrado.
	
	C
	É preciso entender a sexualidade considerando os critérios psicológicos e, por isso, precisa ser tratada por um profissional da psicologia.
	
	D
	As formas de viver a sexualidade precisam ser compreendidas a partir dos fatores biológicos.
	
	E
	As formas de viver a sexualidade devem ser entendidas como questões da sociedade e da cultura.
Você acertou!
“Esta é uma questão que se enraíza e se constitui nas instituições, nas normas, nos discursos, nas práticas que circulam e dão sentido a uma sociedade – neste caso, a nossa. As formas de viver a sexualidade, de experimentar prazeres e desejos, mais do que problemas ou questões de indivíduos, precisam ser compreendidas como problemas ou questões da sociedade e da cultura” (Artigo: “Gênero, sexualidade e educação: das afinidades políticas às tensões teórico-metodológicas”, p. 1).
Questão 5/10 - Temas Contemporâneos: da Diversidade de Gênero à Faixa Geracional
Leia o trecho a seguir:
“A cultura da paz está pautada em valores humanos que precisam ser colocados em prática, a fim de passarem do estado de intenção para o exercício da ação, transformando-se, concretamente, em atos. Tais valores, que se traduzem em éticos, morais e estéticos, nos encaminham para o despertar de expressões de amor e manifestações de respeito, que têm estado adormecidas, nos últimos tempos”.
Após esta avaliação, caso queira ler o texto integralmente, ele está disponível em: <http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1413-85572002000100013>. Acesso em: 29 mar. 2017.
Considerando o trecho acima e o conteúdo do texto-base O bê-á-bá da intolerância e da discriminação, pode-se afirmar que a cultura de paz pressupõe:
Nota: 10.0
	
	A
	o combate ao tráfico de drogas por meio da implantação de aparato policial próximo às escolas.
	
	B
	o combate ao uso da força e da intimidação quando dentro do espaço escolar.
	
	C
	o combate ao analfabetismo e semianalfabetismo em regiões dominadas pela criminalidade.
	
	D
	o combate à ausência de cultura, ou seja, de literaturas e expressões artísticas em locais com alta taxa de menores infratores.
	
	E
	o combate às desigualdades e às exclusões sociais, assim como o respeito aos direitos de cidadania.
Você acertou!
“A cultura de paz pressupõe o combate às desigualdades e às exclusões sociais, assim como o respeito aos direitos de cidadania. A escola pode ser um local privilegiado de combate à violência, mas, para isso, necessita de profissionais respeitados, com conhecimento de pedagogia, cabendo ao poder público investir na formação e reciclagem desses profissionais e adotar estratégias para fazer prevalecer o direito e os deveres do professor” (Artigo: “O bê-á-bá da intolerância e da discriminação”, p. 51).
 
Questão 6/10 - Temas Contemporâneos: da Diversidade de Gênero à Faixa Geracional
Leia o trecho a seguir:
“O educando deve ser estimulado a perceber estas diferenças e a reagir a elas quando necessário. Todo um conjunto de pressões extraescolares tornam a dinâmica interna da vida intraescolar mais complexa de ser pensada, avaliada e contornada por gestores e educadores”.
Após esta avaliação, caso queira ler o texto integralmente, ele está disponível em: <http://www.dhnet.org.br/dados/cursos/edh/redh/04/4_1_bittar_escola.pdf>. Acesso em: 05 abr. 2017.
A partir do trecho acima e dos conteúdos do texto-base O ambiente escolar frente às discriminações e a promoção da igualdade, sobre a relação da escola com a sociedade:
Nota: 10.0
	
	A
	A escola somente é influenciada ativamente pelos sujeitos sociais quando a comunidade determina o fazer escolar.
	
	B
	A escola somente influencia ativamente os sujeitos sociais quando os sujeitos não interferem direta ou indiretamente no fazer escolar.
	
	C
	Não se pode considerar que exista uma influência ativa entre sujeitos sociais e escola, uma vez que o objetivo da escola é ser neutra e uniforme.
	
	D
	A escola tanto influencia ativamente a formação dos sujeitos sociais quanto é influenciada por eles.
Você acertou!
“A escola tanto influencia ativamente na formação dos sujeitos e da sociedade quanto é influenciada por ela. Portanto, é tanto um espaço de reprodução da estrutura social e suas relações, quanto um espaço que pode promover transformações nelas” (Artigo: “O ambiente escolar frente às discriminações e a promoção da igualdade”, p. 3).
	
	E
	A influência ativa que os sujeitos sociais recebem da escola é uma reprodução completa do Estado, não havendo qualquer possibilidade de os sujeitos influenciarem o contexto escolar.
Questão 7/10 - Temas Contemporâneos: da Diversidade de Gênero à Faixa Geracional
Leia o trecho abaixo:
“Acredita-se que só quando as atitudes cidadãs passarem a ser uma constante no espaço escolar e principalmente, em sala de aula, por todos aqueles que fazem parte do dia a dia do fazer escolar, é que se terá uma geração de cidadãos participativos, envolvidos com o próprio bem-estar, assim como de seus semelhantes”.
Após esta avaliação, caso queira ler o texto integralmente, ele está disponível em: <http://www.diaadiaeducacao.pr.gov.br/portals/pde/arquivos/1709-8.pdf>. Acesso em: 05 abr. 2017.
A partir do trecho lido e dos conteúdos do texto-base O ambiente escolar frente às discriminações e a promoção da igualdade, sobre a formação de cidadãos, assinale

Crie agora seu perfil grátis para visualizar sem restrições.