A maior rede de estudos do Brasil

Grátis
1 pág.
Exercício Administração Bancária

Pré-visualização | Página 1 de 1

Faculdade: Universidade Anhembi Morumbi 
Disciplina: Administração bancária 
Aluno: Joel José de Oliveira 
Professor: Me. Fernando Jeronimo Neto 
O mundo financeiro oferece várias opções de investimentos para qualquer investidor, no 
entanto, antes de adentrar no mercado financeiro é necessário que o cliente tenha noção do seu 
perfil de investidor, sua aversão ao risco e quanto está disposto a receber (rentabilidade). Hoje 
existem pelos menos três tipos de perfis, são eles: conservador, moderado e agressivo, conhecê-
los é de extrema importância, pois cada perfil se alinha a tolerância ao risco e os objetivos do 
investidor. 
O cliente em questão tem o perfil conservador, pois procura segurança e não deseja 
correr muito risco, então, para ele serviria títulos públicos que hoje é um dos investimentos mais 
seguros, pois conta com a garantia do governo federal, além do mais estes títulos são bem 
conservadores, outro sim, pode – se oferecer ao cliente a opção de CDB que tem garantia pelo 
FGC (Fundo Garantidor de Crédito), visando incentivos fiscais, uma opção seria apresentar ao 
cliente a opção de LCI e LCA, que além de serem isentos de IR, tem garantia pelo FGC. 
Como o cliente em questão deseja segurança e não quer correr riscos, é preciso deixá-lo 
ciente que não terá resultados expressivos, mas garantirá seu capital inicial com um pequeno 
rendimento, que será melhor do que deixar o capital parado na conta corrente sem nenhum 
retorno. 
Portanto, todo investidor antes de tomar qualquer decisão é necessário saber o seu perfil 
de investidor que vai do conservador até o agressivo. Quem tem o perfil conservador contará 
com a segurança e tranquilidade, mas terá menor retorno, por outro lado, quem for agressivo 
pode contar com a bolsa de valores onde as empresas têm suas ações listadas e podem permitir 
uma maior rentabilidade. Quanto maior o risco, maior será a possibilidade de uma rentabilidade 
expressiva, ou seja, a rentabilidade é atrelada ao risco da operação.