Livro Texto - Redes de Computadores
101 pág.

Livro Texto - Redes de Computadores


DisciplinaRedes de Computadores25.406 materiais318.812 seguidores
Pré-visualização24 páginas
Redes de 
Computadores 
Redes de Computadores 
1ª edição
2019
Autoria
Parecerista Validador
Marcelo Akira Yamamoto
Ricardo Soares
*Todos os gráficos, tabelas e esquemas são creditados à autoria, salvo quando indicada a referência.
Informamos que é de inteira responsabilidade da autoria a emissão de conceitos. Nenhuma parte
desta publicação poderá ser reproduzida por qualquer meio ou forma sem autorização. A violação dos
direitos autorais é crime estabelecido pela Lei n.º 9.610/98 e punido pelo artigo 184 do Código Penal.
4
Sumário
Sumário
Unidade 1
1. Redes de Comunicação .............................................8
Unidade 2
2. Formas de Distribuição de Redes ............................19
Unidade 3
3. Modelos de Referência .............................................30
Unidade 4
4. Tipos de Redes ..........................................................42
Unidade 5
5. Formas de Comunicação ..........................................53
5
Sumário
Unidade 6
6. Endereçamento físico e lógico ................................68
Unidade 7
7. Transporte de Dados ...............................................76
Unidade 8
8. Protocolos de Aplicação e Gerenciamento de Rede .
85
6
Palavras do professor
Olá, aluno, seja bem-vindo! Você está iniciando uma grande jornada de 
conhecimento. 
Nesta disciplina, você aprenderá as noções básicas de redes de computa-
dores. Vários assuntos serão discutidos ao longo das oito unidades deste 
material. Os principais são: 1) redes de comunicação; 2) formas de distri-
buição de redes; 3) modelos de referência; 4) tipos de redes; 5) formas de 
comunicação; 6) endereçamento físico e lógico; 7) transporte de dados; 
8) protocolos de aplicação e gerenciamento de rede. As redes de compu-
tadores estão presentes em nosso dia a dia, desde as redes locais presen-
tes nas casas das pessoas até as redes de grandes empresas. 
O tema é extremamente interessante e este material tem como obje-
tivo proporcionar o seu entendimento sobre os assuntos citados. Todos 
esses conhecimentos são essenciais para a boa formação de um pro-
fissional que trabalhe com Tecnologia da Informação (TI). É importante 
ressaltar que a sua participação nos fóruns de discussão e a leitura dos 
materiais complementares são fundamentais para o seu crescimento e 
aprendizado. 
Então faça bom proveito e dedique-se aos estudos! Todos somos movidos 
a desafios, e a cada vez que você se supera, melhora como pessoa e como 
profissional! Vamos em frente!
7
Objetivos da disciplina
Ao final desta disciplina, esperamos que você:
\u2022 Discuta conceitos que explicam o funcionamento de uma rede de 
computadores.
\u2022 Explique o conteúdo em relação às redes de comunicação.
\u2022 Classifique as formas de distribuição das redes.
\u2022 Compreenda os modelos de referência.
\u2022 Conheça e compreenda os tipos de redes: ponto a ponto; cliente-
-servidor; redes distribuídas.
\u2022 Entenda como acontece a transmissão de dados em meios ana-
lógicos e digitais.
\u2022 Conheça e entenda a forma de localizar equipamentos dentro das 
redes de computadores, assim como na Internet; conheça o for-
mato de Endereços de Internet (IP), além de observar o formato de 
endereçamento físico.
\u2022 Conheça o formato de transporte de dados de aplicativos obser-
vando os protocolos TCP e UDP.
\u2022 Conheça e compreenda como os usuários e seus respectivos apli-
cativos compartilham informações dentro de ambientes de rede e 
como monitorá-los.
8
 1Unidade 11. Redes de Comunicação 
Para iniciar seus estudos
Nesta unidade, apresentaremos contextos importantes em redes de com-
putadores. Inicialmente, conheceremos a história das redes de computa-
dores, sua estrutura e transmissão de dados. Também compreenderemos 
como os usuários e seus respectivos aplicativos compartilham informa-
ções dentro de ambientes de rede e como monitorá-los. Vamos lá? 
Objetivos de Aprendizagem
\u2022 Recordar o histórico das redes de computadores.
\u2022 Distinguir as categorias de redes de computadores.
\u2022 Identificar os elementos básicos de uma rede de computadores.
\u2022 Compreender a importância do compartilhamento de recursos.
\u2022 Interpretar o modelo de interação cliente-servidor.
\u2022 Compreender como os usuários e seus respectivos aplicativos 
\u2022 compartilham informações dentro de ambientes de rede.
9
Redes de Computadores | Unidade 1 - Redes de Comunicação 
Introdução da unidade
Nesta unidade, você terá um contexto sobre os pilares de uma rede computadores. Você entenderá por que a 
rede de sua casa ou empresa é chamada de Local Area Network (LAN). Além disso, analisará todos os ambientes 
do seu dia a dia e conseguirá identificar quais categorias de rede são utilizadas. As redes de computadores estão 
presentes em toda a parte e o seu conhecimento sobre as estruturas de rede é muito importante para sua for-
mação como profissional de tecnologia da informação. Você aprenderá como a Internet mudou nos últimos anos 
e como isso influencia na vida de todos nós. Por fim, falaremos sobre as redes cliente-servidor, assim, você terá a 
capacidade de identificar qual função um computador desempenha em uma rede. 
1.1 Introdução às redes de comunicação
As redes de computadores iniciaram por volta da década de 1960, época em que a rede telefônica era a forma 
comunicação predominante. Naquela ocasião, a voz era transmitida por comutação de circuitos1 , tendo uma taxa 
de transmissão constante entre a origem e o destino (COMER, 2016). A comunicação, antigamente, era realizada 
apenas por um computador central, surgindo a necessidade da comunicação entre diferentes usuários e diferen-
tes regiões com computadores de diferentes arquiteturas (CARISSIMI,2009). 
Roberts, por volta de 1967, publicou a ARPANET, que foi a percursora da rede mundial de computadores (a Inter-
net). A partir da criação da ARPNET, a comunicação passou a ser por comutação de pacotes, o que, na época, 
permitiu a comunicação entre universidades e o livre tráfego de informações, levando a criação de recursos que 
utilizamos até hoje, tais como e-mail, protocolo FTP e o Telnet. Isso possibilitou que usuários trocassem informa-
ções, compartilhassem arquivos e acessassem outros computadores remotamente (COMER, 2016).
As redes de computadores são repletas de protocolos. Os protocolos são formados por 
um conjunto de regras que regem o modo como acontecerá a comunicação entre as partes 
envolvidas. São exemplos de protocolos de rede: Internet Protocol (IP), Dynamic Host Configu-
ration Protocol (DHCP), Transmission Control Protocol (TCP), Hypertext Transfer Protocol (HTTP), 
File Transfer Protocol (FTP), Telnet Remote Protocol (Telnet), SSH Remote Protocol (SSH), Post Office 
Protocol 3 (POP3), Simple Mail Transfer Protocol (SMTP), Internet Message Access Protocol (IMAP).
Saiba mais
As redes de computadores estão presentes em toda parte. O principal exemplo é a Internet, presente no dia a dia 
de várias pessoas no mundo inteiro. Para entender como uma rede de computadores funciona, é preciso enten-
der os conceitos básicos sobre o assunto. Quanto maior é uma rede, maior será sua complexidade, por isso não se 
engane, uma rede pode ser composta até por dois computadores ligados diretamente por um cabo crossover2 ou 
1 A comutação de pacotes não possui reserva de recursos e não há garantia de entrega. Já na comutação por circuito, existe 
um meio físico dedicado e existe a garantia de entrega.
2 Um cabo crossover, também conhecido como cabo cruzado, é um cabo de rede par trançado que permite a ligação de dois 
computadores pelas respectivas placas de rede sem a necessidade de um concentrador ou a ligação de modems.
10
Redes de Computadores | Unidade 1 - Redes de Comunicação 
por milhares de computadores localizados em países diferentes. Para dominar a complexidade das redes de com-
putadores, é preciso olhar além dos detalhes e concentrar-se em entender os cinco aspectos-chave do assunto 
(COMER, 2016):
\u2022 Aplicações e programação de redes: os serviços e as facilidades das