AULA - proteinas 19-10
45 pág.

AULA - proteinas 19-10


DisciplinaBioquimi62 materiais253 seguidores
Pré-visualização2 páginas
1
FACULDADE PARAENSE DE ENSINO
CURSO: GRADUAÇÃO EM ENFERMAGEM
DISCIPLINA: BIOQUÍMICA
PROFESSOR: Msc. ANA CAROLINA COSTA
2
PROTEÍNAS
\u2751GENERALIDADES SOBRE AS PROTEÍNAS
\u27a2São as biomoléculas mais
diversa quanto à forma e
funções;
\u27a2As proteínas desempenham
funções estruturais e
dinâmicas;
\u27a2São formadas pela união de
somente 20 L-aminoácidos.
\u27a2Possuem de dezenas a
milhares de aminoácidos em
suas constituição.
\u27a2São Polímeros de
aminoácidos
PROTEÍNAS
\u2751GENERALIDADES SOBRE AS PROTEÍNAS
FONTES DE PROTEÍNAS (AMINOÁCIDOS) COMPLETAS
\u2751São fontes que apresentam todos os aminoácidos essenciais em quantidades e
proporções ideais para atender às necessidades do organismo.
\u2751São fontes de origem animal.
CARNES (EX: BOVINA)
AVES (EX:FRANGO)
PEIXE
OVO
\u2751Os alimentos de alta qualidade proteica são essencialmente de origem animal,
enquanto a maioria das proteínas vegetais (lentilhas, feijões, ervilhas, soja, etc) é
incompleta em termos de conteúdo proteico e, portanto, possui um valor biológico
relativamente menor.
FEIJÃO
LENTILHA
ERVILHA
SOJA
FONTES DE PROTEÍNAS (AMINOÁCIDOS) INCOMPLETAS
\u2022 Aminoácidos essenciais: são os aminoácidos que o organismo
humano não consegue sintetizar.
\u2022 Aminoácidos não-essenciais ou \u201cNaturais\u201d: são os aminoácidos
sintetizados no próprio organismo humano.
AMINOÁCIDOS NÃO-
ESSENCIAIS
AMINOÁCIDOS ESSENCIAIS
Alanina Glicina Leucina Isoleucina
Ácido aspártico Prolina Valina Triptofano
Ácido glutâmico Serina Metionina Fenilalanina
Asparagina Tirosina Treonina Lisina
Glutamina cisteína Histidina* Arginina
CLASSIFICAÇÃO DOS AMINOÁCIDOS: DE ACORDO COM O 
LOCAL DE SÍNTESE OU PRODUÇÃO
* Pelo menos até 12 anos
CLASSIFICAÇÃO DOS AMINOÁCIDOS: DE ACORDO COM O 
LOCAL DE SÍNTESE OU PRODUÇÃO
\u2751ESTERIOQUÍMICA DOS AMINOÁCIDOS
AMINOÁCIDOS
\u2751AMINOÁCIDOS: Possuem um centro
quiral (carbono \u3b1 assimétrico).
\u2751L-AMINOÁCIDOS: Apresentam o
grupo amino do lado esquerdo.
\u2751D-AMINOÁCIDOS: Apresentam o
grupo amino do lado direito.
\u2751Os D-aminoácidos estão presentes na
parede celular de algumas bactérias.
\u2751Todos os aminoácidos que fazer parte
da constituição do nosso corpo
possuem a configuração L.
\u2713L= Levógiro (esquerdo em alemão)
\u2713D= Dextrógiro (direito em alemão).
PRODUTOS DO METABOLISMO DE ALGUNS AMINOÁCIDOS
\u2713METABOLISMO FENILALANINA E TIROSINA
TIROSINA
TIROXINA
NORADRENALINA
DOPAMINA
ADRENALINA
MELANINA
PRODUTOS DO METABOLISMO DE ALGUNS AMINOÁCIDOS
\u2751METABOLISMO TIROSINA.
\u27a2MELANINA: 
\u2713Pigmento da pele: 
\u2022Extremos: Negro \u2013 albino
\u27a2ADRENALINA:
\u27a2Promove vasoconstrição
periférica,
\u27a2 Aumento da freqüência cardíaca e
respiratória,
\u27a2Causa hipertensão,
\u27a2Estimula a liberação de glicose
pelo fígado,
\u27a2Permite a dilatação dos brônquios.
AMINOÁCIDOS INCOMUNS
\u2713\u2751METABOLISMO TIROSINA.
\u27a2Tiroxina (T4) E Triiodotironina (T3): hormônio da tireóide metabolismo em geral.
\u27a2DIMINUIÇÃO DA PRODUÇAO DE T4 E T3
\u2713Hipotireoidismo:
\u2022Bradicardia,
\u2022Bradipnéia,
\u2022Intolerância ao rio,
\u2022Diminuição da apetite,
\u2022Ganho de peso,
\u2022Cansaço,
\u2022Queda de cabelo.
\u27a2AUMENTO DA PRODUÇÃO DE T4 E T3
\u2713Hipertireoidismo: 
\u2022Taquicardia, 
\u2022Taquipnéia, 
\u2022Calor, suor, 
\u2022Aumento da apetite,
\u2022Perda de peso, 
\u2022Irritabilidade, 
\u2022Exoftalmia.
\u27a2Serotonina: é um neurotransmissor produzido no tronco encefálico. Promove
sensação de bem estar, diminui a apetite (saciedade).
\u27a2Melatonina: Produzida pela glândula pineal, é responsável pela regularização
do sono. A Noite os níveis aumentam causando o sono (ciclo circadiano).
PRODUTOS DO METABOLISMO DE ALGUNS AMINOÁCIDOS
\u2713METABOLISMO DO TRIPTOFANO\u2192 SEROTONINA E MELATONINA
TRIPTOFANO
SEROTONINA
MELATONINA
\u2751FUNÇÕES DAS PROTEÍNAS
\u2751Hormonal (Insulina): Estimula a síntese de canais transportadores de glicose (GLUT)
aumentando com isso a captação de glicose para as células a partir da corrente sanguínea.
Receptor de 
insulina
PROTEÍNAS
PROTEÍNAS
\u2751FUNÇÕES DAS PROTEÍNAS
\u2751Defesa do organismo (imunológica): imunoglobulinas ou anticorpos
\u2751Contração muscular: actina e miosina \u2751Estrutural: Ex:.Colágeno e queratina
\u2751Estrutura Primária: Seqüência,
aproximadamente linear, de
aminoácidos ao longo da cadeia
polipeptídica\u201d.
\u2751Estrutura Secundária: Descreve as
estruturas regulares formadas por
segmentos da cadeia polipeptídica (\u3b1-
hélice e folha-beta pregueada).
\u2751Estrutura Terciária: Corresponde
ao dobramento final da cadeia
polipeptídica por interações de regiões
com estrutura regular ou indefinida.
\u2751Estrutura Quaternária: É resultado
da associação de duas ou mais cadeias
polipeptídicas, que leva a formação de
uma proteína funcional.
NÍVEIS DE ORGANIZAÇÃO DA PROTEÍNA
NÍVEIS DE ORGANIZAÇÃO DA PROTEÍNA
http://www.google.com.br/url?sa=i&rct=j&q=&esrc=s&frm=1&source=images&cd=&cad=rja&docid=-ND8mBk69ozq_M&tbnid=ssiNDsphR7WzEM:&ved=0CAUQjRw&url=http://10anocvg.blogspot.com/&ei=6KuPUrrRLIngkQeF5ICgCQ&psig=AFQjCNFhYgSv8XBs-RXjHs13SKVnRdD50g&ust=1385233744790892
NÍVEIS DE ORGANIZAÇÃO DA PROTEÍNA
\u2751ESTRUTURA QUATERNÁRIA: Ex, Hemoglobina
\u27a2É responsáveis pelo transporte de gases (O2 e CO2) Na corrente sanguínea
\u27a2É formada por 4 cadeias polipeptídicas ou subunidades;
\u27a2Cada subunidade possui um grupo chamado heme;
\u27a2No centro do heme há uma átomo de ferro.
CADEIA 
POLIPEPTÍDICA
GRUPO HEME
PROTEÍNAS
\u2751FUNÇÕES DAS PROTEÍNAS: Hemoglobina
\u27a2TRANSPORTE DE MOLÉCULAS COMO CO2 O2 entre os pulmões e os tecidos;
\u2713Nos tecidos a hemoglobina captura o CO2 e libera O2 para oxigenar os tecidos
\u2713Nos Pulmões as hemoglobinas presentes nas hemácias liberam CO2 e capturam O2.
PROTEÍNAS
\u2751FUNÇÕES DAS PROTEÍNAS
\u27a2Ligação da hemoglobina com monóxido de carbono (CO).
\u27a2Impede a utilização da Hb para transporte de oxigênio.
\u27a2Pode causar a morte por asfixia. 
Hemoglobina captura
o CO2 e libera O2 para
oxigenar os tecidos.
02 e CO2 são \u201cexpulsos\u201d
da Hemoglobina
HEMÁCIAS
Hb
MIOGLOBINA HEMOGLOBINA LIPASE
CLASSIFICAÇÃO DA PROTEÍNAS DE ACORDO COM A FORMA
\u2751PROTEINAS GLOBOSAS OU GLOBULARES: Possuem formato,
aproximadamente, esférico. São geralmente solúveis e
desempenham várias funções dinâmicas (proteínas biologicamente
ativas).
\u2751PROTEÍNAS CONJUGADAS OU HETEROPROTEÍNAS: formadas por
aminoácidos mais um estrutura não protéica chamado grupo prostético.
\u27a2METALOPROTEINA
\u27a2NUCLEOPROTEINAS
\u2713Proteínas + ácidos nucléico (DNA, RNA);
\u27a2LIPOPROTEÍNA
\u2713Lipídeo + proteína
\u27a2GLICOPROTEÍNA
\u2713Carboidrato + proteína
CLASSIFICAÇÃO DA PROTEÍNAS DE ACORDO COM A COMPOSIÇAO
\u2751PROTEÍNAS SIMPLES (HOLOPROTEINAS OU HOMOPROTEÍNAS): São
proteínas formadas somente por aminoácido.
\u27a2 Exemplo: albumina: tem como função realizar o transporte de vitaminas,
hormônios e ácidos graxos na corrente sanguínea
\u2713ESTÁ PRESENTE
\u2713Vasos sangüíneos
\u2713Estrutura óssea, 
\u2713Pele, Dentes.
\u2713Tendões, 
\u2713Cartilagens, 
\u2713Córnea, 
CLASSIFICAÇÃO DA PROTEÍNAS DE ACORDO COM A FORMA
\u2751PROTEÍNAS FIBROSAS: apresentam forma alongada, são geralmente
insolúveis e desempenham um papel basicamente estrutural (estático) nos
sistemas biológicos.
\u27a2COLÁGENO \u27a2QUERATINA
ESTÁ PRESENTE
\u2713Cabelo
\u2713Unhas
\u2713Pele
\u2713Cifre
\u2713Pena
\u2713Lâ 
24
NH2 COOH1 NH2 COOH2
NH2 C N COOH
O
H
21
Desidratação
-H2O
LIGAÇÃO PEPTÍDICA - DESIDRATAÇÃO
LIGAÇÃO PEPTÍDICA - DESIDRATAÇÃO
http://2.bp.blogspot.com/-SYJ9ZsaDdw0/T5da6Qk075I/AAAAAAAAAEU/O45xRtNGz1g/s1600/peptide.gif
Peptídeos
Nº de 
AA
Glândulas/
Células produtoras
Efeitos Principais
Encefalinas 5
Hipófise anterior e 
medula adrenal
Analgésico
Gramicidina 10
Cepas de Bacillus 
brevis
Antibiótico
Glutationa 3 Maioria das células Anti-oxidante
PEPTÍDEOS DE INTERESSE BIOLÓGICO
\u2751HORMÔNIO ANTIDIURÉTICO (ADH) E OCITOCINA
PEPTÍDEOS DE INTERESSE BIOLÓGICO
HIPOTÁLAMO
\u2713OCITOCINA E ADH
OCITOCINA
ADH
\u27a2São produzidos nos hipotálamo e armazenado na neuro-hipófise.
GLÂNDULA 
MAMÁRIA
PEPTÍDEOS DE INTERESSE BIOLÓGICO
\u2751OCITOCINA OU OXITOCINA
\u2713Estimula a contração das células
musculares da glândula mamária
promovendo a ejeção (expulsão) de
leite.
\u2713Estimula a contração do
musculatura do útero na hora do
parto e durante relação sexual
(orgasmo).
DESNATURAÇÃO E RENATURAÇÃO
Força
Força fez um comentário
top
0 aprovações
Carregar mais