aula 02
6 pág.

aula 02


DisciplinaHistologia e Embriologia9.149 materiais406.944 seguidores
Pré-visualização1 página
HISTOLOGIA E EMBRIOLOGIA
2a aula
		
	 
	Lupa
	 
	 
	
	
PPT
	
MP3
	 
		Exercício: SDE4539_EX_A2_202004209175_V1 
	05/05/2020
	Aluno(a): RAPHAELLA MARIA PRADO MAMEDE DA CRUZ
	2020.1 - F
	Disciplina: SDE4539 - HISTOLOGIA E EMBRIOLOGIA 
	202004209175
	
	 
	
	 1a Questão
	
	
	
	
	O tecido peitelial glandular é classificado quanto ao modo de eliminação da sua secreção em holócrina, merócrina e apócrina. Das alternativas abaixo assinale aquela que corresponde a uma glandula classificada como holócrina?
		
	 
	A glândula produz sua secreção e sua célula morre e desintegra, sendo liberada junto com a secreção
	
	A glândula pruduz sua secreção e libera parte das organelas junto.
	
	A glândula produz sua secreção e libera parte do citoplasma junto.
	
	A glândula produz sua secreção e libera sem perda celular.
	
	A glândula produz sua secreção e libera junto parte do seu núcleo
	Respondido em 05/05/2020 17:07:13
	
Explicação:
A glândula holócrina libera a célula decomposta junto com sua secreção.
	
	
	 
	
	 2a Questão
	
	
	
	
	Os gametas são produzidos por meio de um processo denominado de gametogênse, sendo a formação dos gametas masculinos denominado espermatogênese e dos gametas femininos, chamados de ovogênese. Para que os espermatozoides e ovócitos sejam células viáveis passam por vários processos, em especial pelo processo de meiose, que são responsáveis pela manutenção do número de cromossomos de nossa espécie. As células diploides encontradas nesse processo de espermatogênese são:
		
	
	Espermatócito primário e espermatócito secundário.
	 
	Espermatócito primário e espermatogônia.
	
	Espermatócito secundário e espermátide.
	
	Espermátide e espermatócito primário.
	
	Espermátide e espermatogônia.
	Respondido em 05/05/2020 17:09:38
	
Explicação:
Nesse processo, as espermatogônias, que são as células precursoras, sofrem processo de mitose e são diploides, seguida pelo processo de crescimento, onde as células mantém seus números de cromossomos, sendo conhecidas como espermatócitos primários (esses sofrem o processo de meiose e as células seguintes são haploides).
	
	
	 
	
	 3a Questão
	
	
	
	
	A imagem abaixo representa um esquema referente ao ciclo menstrual.
(Fonte: https://brasilescola.uol.com.br/o-que-e/biologia/o-que-e-ciclo-menstrual.htm)
Baseado nessa imagem, que se trata da representação de um processo cíclico e fisiológico para as mulheres em idade fértil, pode-se afirmar que as mulheres que fazem o uso de contraceptivos orais, como a pílula anticoncepcional realizam o emprego da combinação dos hormônios:
		
	
	LH e estrogênio, que inibem a redução dos hormônios FSH e progesterona, impedindo o início de novo ciclo e consequente ovulação.
	 
	Estrogênio e progesterona, que atuam na inibição dos hormônios FSH e LH, que estimulam a ovulação.
	
	FSH e LH, que impedem a fase proliferativa devido à baixa de progesterona e estrogênio.
	
	FSH e progesterona, que atuam no processo da degradação do corpo lúteo, que estimulam o espessamento do endométrio para receber o embrião.
	 
	Progesterona e LH, que inibem a produção dos hormônios ovarianos, responsáveis pela maturação de seus folículos.
	Respondido em 05/05/2020 17:15:36
	
Explicação:
O estrogênio e a progesterona atuam inibindo a ação dos hormônios folículo-estimulante e luteinizante, que são os principais responsáveis pela ovulação.
	
	
	 
	
	 4a Questão
	
	
	
	
	Por meio da espermatogênese, os gametas são formados no aparelho reprodutor masculino. Dessa forma, as gônodas masculinas, ou seja, os testículos são os grandes responsáveis tanto pelos hormônios relacionados às características sexuais masculinas sencudárias, quanto pela produção de seus gametas. Uma vez que os espermatozoides são produzidos, percorrem o seguinte caminho:
		
	
	Epidídimo, próstata, canal deferente e ureter.
	
	Epidídimo, glândulas bulbouretrais, ureter e pênis.
	
	Túbulos seminíferos, próstata, canal deferente e corpo esponjoso.
	
	Vesículas seminais, epidídimo, uretra e pênis
	 
	Túbulos seminíferos, epidídimo, canal deferente e uretra.
	Respondido em 05/05/2020 17:17:29
	
Explicação:
Os espermatozoides são produzidos nos túbulos seminíferos pertencentes ao testículo, são conduzidos para o epidídimo para seu armazenamento, após, seguem pelo canal deferente até a uretra, onde serão eliminados (ejaculado).
	
	
	 
	
	 5a Questão
	
	
	
	
	As glândulas acessórias do sistema reprodutor masculino (próstata, glândulas seminais e glândulas bulbouretrais) são de extrema importância para a produção sêmen, por meio de uma mistura de substâncias que constituem a secreção do plasma seminal. Dentre essas, a próstata está relacionada com:
		
	
	A liberação de secreção pré-ejaculatória de líquido lubrificante.
	
	Liberação de secreção semelhante a muco, que diminui a quantidade de espermatozoides danificados durante a ejaculação.
	
	O impulsionamento dos espermatozoides até a uretra.
	
	A formação de líquido responsável pela nutrição dos espermatozoides, uma vez que contém frutose, prostaglandinas e proteínas.
	 
	A formação de líquido alcalino capaz de neutralizar o ambiente ácido encontrado nas secreções vaginais.
	Respondido em 05/05/2020 17:19:29
	
Explicação:
A próstata, que também é regulada pelo hormônio testosterona, auxilia a compor o líquido seminal, cujos componentes alcalinos auxiliam especialmente na proteção dos espermatozoides à acidez das secreções vaginais, neutralizando-as.
	
	
	 
	
	 6a Questão
	
	
	
	
	O útero é um órgão feminino com formato semelhante a uma pera invertida, com íntima ligação com a vagina em uma de suas extremidades, na região denominada colo uterino, enquanto a extremidade oposta se conecta às tubas uterinas. Morfologicamente, apresenta 3 camadas, conhecidas como endométrio, miométrio e perimétrio. Trata-se de uma função do endométrio:
		
	
	Possibilitar as contrações no momento do parto.
	
	 Revestir externamente o útero, com camada constituída por tecido conjuntivo.
	
	Possibilidade do crescimento uterino durante o período gestacional devido sua capacidade de sofre hiperplasia e hipertrofia.
	 
	Alojar e nutrir o embrião durante o início da gestação.
	
	Conter os vasos sanguíneos que irrigam todo o órgão.
	Respondido em 05/05/2020 17:21:42
	
Explicação:
O endométrio é a camada mais interna do útero, cuja sua camada funcional sofre descamação no período menstrual, além disso, quando ocorre a nidação a implantação do embrião ocorre nessa região do útero.