Teoria organizacional PROVA 1 GAB
3 pág.

Teoria organizacional PROVA 1 GAB


DisciplinaTeoria Organizacional200 materiais345 seguidores
Pré-visualização2 páginas
23/05/2020 UNIASSELVI - Centro Universitário Leonardo Da Vinci - Portal do Aluno - Portal do Aluno - Grupo UNIASSELVI
https://portaldoalunoead.uniasselvi.com.br/ava/avaliacao/avaliacao_lista.php 1/3
Acadêmico: Mirele Carozzi Bock (1904566)
Disciplina: Fundamentos e Teoria Organizacional (ADG40)
Avaliação: Avaliação I - Individual Semipresencial ( Cod.:637350) ( peso.:1,50)
Prova: 18067398
Nota da Prova: 10,00
Legenda: Resposta Certa Sua Resposta Errada 
1. Deixar de usar administração estratégica é uma loucura. Significa deixar o barco ao léu e ao acaso. Moderadamente, as estratégias organizacionais estão sendo desenhadas com a
de todas as pessoas, com pouca formalização e muita flexibilidade (RICHTER, 2016, p. 5). Afinal, "estamos em um mundo em constante mudança e a estratégia precisa ser suficien
para acompanhar essa mudança continuada" (CHIAVENATO, 2011, p. 229). Existem sete pecados capitais do planejamento estratégico dentro da concepção neoclássica. Sobre ele
V para as sentenças verdadeiras e F para as falsas:
( ) Assessoria geralmente assume o processo e não o dirigente máximo. O processo, cada vez mais elaborado e complexo, acaba dominando a assessoria.
( ) Os sistemas de planejamento foram concebidos para não produzir resultados devido a sua centralização. O planejamento estratégico focaliza mais fusões, aquisições e vendas
detrimento do desenvolvimento de negócio básico da organização.
( ) O processo de planejamento não desenvolve opções estratégicas, mas um único e exclusivo caminho estratégico. O planejamento estratégico deixa em segundo plano os requ
organizacionais e culturais da empresa.
( ) A previsão de vários pontos é uma base inadequada para o planejamento em uma era de reestruturação e de incerteza.
Assinale a alternativa que apresenta a sequência CORRETA:
FONTE: CHIAVENATO, Idalberto. Introdução à teoria geral da administração. 8. ed. Rio de Janeiro: Elsevier, 2011.
 a) V - F - V - F.
 b) F - V - V - V.
 c) V - F - F - V.
 d) V - V - V - F.
2. A administração sofre vários impactos e influências no processo de tomada de decisão. Os fatores internos e externos causam impactos profundos sobre as organizações em geral.
fatores internos têm-se as expectativas da alta direção e dos acionistas, enquanto como fatores externos as exigências da sociedade, dos clientes, dos fornecedores, além dos desa
concorrentes (MORAES, 2004).
Entre alguns dos principais aspectos que o administrador analisa com relação às influências externas, pode-se citar:
FONTE: MORAES, Anna Maris Pereira de. Introdução a Administração. 3. ed. São Paulo: Printece Hall, 2004.
 a) Transformações tecnológicas; fronteiras organizacionais; visão global dos departamentos; mudança no conhecimento; flexibilização nas relações de trabalho; e evolução cultural
 b) Adaptação organizacional; concorrência; crescente sofisticação da tecnologia; internacionalização do mundo dos negócios; fronteiras organizacionais; maior visibilidade das orga
mudança no conhecimento; e mudanças nas relações de trabalho.
 c) Percepção organizacional; absorção dos valores e dos princípios éticos e morais da organização; visão global para identificação, compreensão e ação nas complexidades sociai
políticas, econômicas, tecnológicas e culturais em que as organizações atuam.
 d) Capacitação profissional; destreza tecnológica; na evolução e no desenvolvimento das organizações; visão global das organizações; planejamento institucional; regionalismo inte
3. Existem três objetivos nas organizações que estão integrados e estão alinhados com os objetivos gerais previstos pelos gestores. Esses objetivos são apresentados em formato de 
Com base no exposto, associe os itens utilizando o código a seguir:
I- Objetivos estratégicos.
II- Objetivos táticos.
III- Objetivos operacionais.
( ) Objetivos organizacionais, ou seja, amplos e que abrangem a organização como uma totalidade. Suas características básicas são: globalmente e longo prazo.
( ) Objetivos departamentais, ou seja, referente a cada departamento da organização. Suas características básicas são: ligação com cada departamento e médio prazo. 
( ) Referentes a cada atividade ou tarefa. Suas características básicas são: detalhamento e curto prazo. 
Assinale a alternativa que apresenta a sequência CORRETA:
 a) III - II - I.
 b) I - III - II.
 c) I - II - III.
 d) II - I - III.
4. "A administração tornou-se fundamental na condução da sociedade moderna. Ela não é um fim em si mesma, mas um meio de fazer com que as coisas sejam realizadas da melhor
menor custo e com maior eficiência e eficácia" (CHIAVENATO, 2014, p. 17). Sobre a influência militar sobre a ciência administrativa, assinale a alternativa CORRETA:
FONTE: CHIAVENATO, Idalberto. Introdução à teoria geral da administração. 9. ed. Barueri: Manole, 2014.
 a) Pode ser elucidada pela obra "A Arte da Guerra", em que um general relata táticas adotadas por seu exército, fala sobre pontos fortes e pontos fracos, conceitos utilizados nas o
e nas escolas de administração.
 b) Surgiu na Idade Moderna, quando alguns exércitos adotavam a estrutura linear, assim como nasce ali o conceito de unidade de comando, em que cada subordinado poderia ter 
superior e por fim um dos legados da organização exército.
 c) Representa o princípio de direção, que preconizava que cada soldado deveria saber adotar uma postura contemplativa, esperando que o ambiente externo ditasse sua postura e
no campo de batalha.
 d) É considerada uma das influências menos significativas na ciência administrativa, pois trata-se de uma estrutura totalmente diferente do ambiente de conflito.
\ue140
23/05/2020 UNIASSELVI - Centro Universitário Leonardo Da Vinci - Portal do Aluno - Portal do Aluno - Grupo UNIASSELVI
https://portaldoalunoead.uniasselvi.com.br/ava/avaliacao/avaliacao_lista.php 2/3
5. Oliveira (2010) relata que a administração é um processo evolutivo, gradativo e cumulativo, bem como torna-se difícil precisar com exatidão em que momento a administração sofreu
e subsequente mudanças. Sobre as contribuições da administração para as organizações segundo o autor supracitado, analise as seguintes afirmativas: 
I- Contribuição direta para maior eficiência nos processos produtivos, incluindo a redução de custos. 
II- Implicou, na maior parte das vezes, em maior carga horária e em piores condições de trabalho. 
III- Em um contexto mais amplo, contribui para a evolução das comunidades onde as fábricas se localizavam. 
IV- Contribuição direta para estruturação e a aplicação dos princípios da administração.
Assinale a alternativa CORRETA:
FONTE: OLIVEIRA, Djalma de Pinto de Rebouças de. Teoria geral da administração: uma abordagem prática. 2. ed. São Paulo: Atlas, 2010.
 a) As afirmativas I, II e IV estão corretas.
 b) As afirmativas I, III e IV estão corretas.
 c) As afirmativas II, III e IV estão corretas.
 d) Somente a afirmativa III está correta.
6. A Teoria Neoclássica da Administração pode ser compreendida como uma reconsideração e reafirmação de alguns dos pressupostos da Teoria Clássica. Uma das perspectivas cen
que determinados princípios possam ser aplicados a todas as organizações. A respeito dos princípios, assinale a alternativa CORRETA:
 a) Tempos e movimentos; fadiga humana; hierarquia; supervisão funcional.
 b) Planejar; organizar; negociação entre subordinados e líderes; controlar.
 c) Divisão do trabalho; especialização; hierarquia; amplitude administrativa.
 d) Eficácia e eficiência; centralização e descentralização; mudança e incerteza.
7. Segundo Chiavenato (2011), a obra de Taylor e seus seguidores sofreu críticas sem diminuir as suas contribuições na nascente da Teoria da Administração. Vários foram os fatores 
que contribuíram na geração dessas críticas. Por exemplo, a mentalidade reinante e os preconceitos tanto dos dirigentes como dos empregados, a falta de conhecimento sobre assu
administrativos, a falta de experiência industrial e empresarial influenciaram consideravelmente na formulação de hipóteses e a falta de