Ética, Política e Sociedade
268 pág.

Ética, Política e Sociedade


DisciplinaTecnologias Web3.983 materiais11.915 seguidores
Pré-visualização50 páginas
ÉTIC
A
, PO
LÍTIC
A
 E SO
C
IED
A
D
E
Ética, política 
e sociedade
K
LS
KLS
Sonelise Auxiliadora Cizoto
Daniela Maria Cartoni
Ética, Política e Sociedade
Dados Internacionais de Catalogação na Publicação (CIP) 
 Cizoto, Sonelise Auxiliadora 
 
 ISBN 978-85-8482-346-8
 1. Ética política. 2. Ciência política. 3. Ética social. 4. Ética. 
 I. Cartoni, Daniela Maria. II. Título.
 CDD 172 
Daniela Maria Cartoni. \u2013 Londrina : Editora e Distribuidora
Educacional S.A., 2016.
 264 p.
C565e Ética, política e sociedade / Sonelise Auxiliadora Cizoto, 
© 2016 por Editora e Distribuidora Educacional S.A.
Todos os direitos reservados. Nenhuma parte desta publicação poderá ser reproduzida ou transmitida de qualquer 
modo ou por qualquer outro meio, eletrônico ou mecânico, incluindo fotocópia, gravação ou qualquer outro tipo 
de sistema de armazenamento e transmissão de informação, sem prévia autorização, por escrito, da Editora e 
Distribuidora Educacional S.A.
Presidente
Rodrigo Galindo
Vice-Presidente Acadêmico de Graduação
Mário Ghio Júnior
Conselho Acadêmico 
Dieter S. S. Paiva
Camila Cardoso Rotella
Emanuel Santana
Alberto S. Santana
Regina Cláudia da Silva Fiorin
Cristiane Lisandra Danna
Danielly Nunes Andrade Noé
Pareceristas
Reinaldo Barros Cicone
Juliana Daros Carneiro
Editoração
Emanuel Santana
Cristiane Lisandra Danna
André Augusto de Andrade Ramos
Daniel Roggeri Rosa
Adilson Braga Fontes
Diogo Ribeiro Garcia
eGTB Editora
2016
Editora e Distribuidora Educacional S.A.
Avenida Paris, 675 \u2013 Parque Residencial João Piza
CEP: 86041-100 \u2014 Londrina \u2014 PR
e-mail: editora.educacional@kroton.com.br
Homepage: http://www.kroton.com.br/
Unidade 1 | A formação do pensamento ocidental
Seção 1.1 - Mito e pensamento no período pré-socrático
Seção 1.2 - Pensamento socrático e lógica aristotélica
Seção 1.3 - Tipos de conhecimento: filosófico
Seção 1.4 - A razão no centro do conhecimento: Iluminismo, 
Racionalismo e Empirismo
Unidade 2 | Formação da Moral Ocidental
Seção 2.1 - Origens da Moral Ocidental
Seção 2.2 - A Ideia do Dever
Seção 2.3 - Individualidade e Subjetividade
Seção 2.4 - A Moral na Modernidade
Unidade 3 | A política e a evolução das concepções de mundo
Seção 3.1 - Origem e finalidade da vida política
Seção 3.2 - Platão, Aristóteles e o homem político
Seção 3.3 - O direito divino de governar e o realismo político
Seção 3.4 - O Iluminismo e a política no séc. XIX
Unidade 4 | A disputa contemporânea entre as concepções de mundo
Seção 4.1 - A consolidação do estado liberal no século XIX
Seção 4.2 - O socialismo e a crítica ao modelo capitalista
Seção 4.3 - A socialdemocracia e o estado de bem-estar social
Seção 4.4 - O neoliberalismo e suas manifestações no mundo 
contemporâneo
7
9
22
35
46
59
62
77
92
109
127
130
143
156
173
195
199
212
228
244
Sumário
Palavras do autor
Quantas vezes você já ouviu a afirmação que \u201co mundo é 
pequeno\u201d? De qual mundo estamos falando quando dizemos isso? 
Será que um mundo tão amplo, diversificado, plural, pode mesmo 
ser pequeno? Antigamente, o mundo também era pequeno ou será 
que mudou de tamanho? Claro que não estamos falando de nenhum 
encolhimento do planeta, mas sim da nossa percepção de que, agora, 
o mundo parece menor, mais conhecido, bem mais próximo de nós. 
Para nossos antepassados era impensável um mundo assim: agora 
as viagens são mais rápidas graças ao incrível avanço dos meios de 
transporte dando a sensação de que as distâncias encurtaram, nossas 
formas de comunicação são em tempo real garantidas por tecnologias 
que estão ao nosso alcance.
Temos um paradoxo à vista: mesmo um mundo tão conectado, 
tão globalizado, aparentemente \u201cpequeno\u201d, carrega também marcas 
de diferentes culturas, modos de viver, compondo uma vasta riqueza e 
pluralidade nos grupos sociais. Esse mundo se traduz em muito amplo, 
variado, múltiplo. E é nesse cenário de um mundo pequeno e imenso 
ao mesmo tempo, de um mundo conhecido e constantemente novo 
e surpreendente que nos inserimos e atuamos como sujeitos. É nesse 
cenário de conflitos, contradições e dúvidas que sujeitos, como você, 
podem promover transformações sonhadas e planejadas rumo a uma 
sociedade mais justa e solidária.
Enxergar nosso mundo sob a ótica da ética e da política nos trará 
ferramentas imprescindíveis para entender mais e melhor como nos 
compomos socialmente, como outros grupos se diferenciam de nós e 
quão rica pode ser essa relação carregada de diversidades. A disciplina 
\u201cÉtica, Política e Sociedade\u201d vai caminhar com você por questões 
provocadoras, reflexões instigantes, buscando compreender melhor 
como chegamos até aqui e quais percursos podemos escolher para 
atuar como cidadãos conscientes e transformadores.
Esse livro é composto por quatro unidades. A primeira aborda 
a evolução do pensamento ocidental e os principais expoentes do 
conhecimento. Na segunda unidade, vamos explorar a formação da 
moral ocidental destacando importantes pensadores que lançaram 
os fundamentos para nossa construção moral. Com a formação da 
política, tema da terceira unidade, culminaremos nossos estudos sobre 
a origem e finalidade da vida política e a formação do homem político. 
Por fim, na quarta unidade, o tema será a disputa contemporânea 
entre as concepções de mundo, acerca das diferentes percepções de 
mundo sob os aspectos filosófico, político e econômico.
Seja bem-vindo a esse novo e instigante desafio!
Guerreiros de Deus
Realce
Guerreiros de Deus
Realce
U1 - A formação do pensamento ocidental 7
Unidade 1
A formação do pensamento 
ocidental
Para iniciar nossos estudos é fundamental que estejam 
claros os conceitos a serem abordados nesta unidade, os 
principais pensadores e obras que contribuíram na formação do 
pensamento ocidental. 
Iniciaremos com a reflexão sobre o papel dos mitos para 
explicar a relação entre o homem e a natureza, que inicialmente 
era baseada em fábulas e divindades, mas depois foram 
substituídos pela razão por bases filosóficas do estudo do cosmos, 
em particular por seus expoentes entre os gregos. A partir das 
teorias sobre o funcionamento do universo iniciadas pelos pré-
socráticos, seguiremos com explicações sobre o pensamento 
sofista, a maiêutica de Sócrates e a lógica aristotélica.
Para discutir como sucedeu o desenvolvimento do 
pensamento no Ocidente, durante a Idade Média, teceremos 
análises sobre como foi marcado pela religião. O debate entre fé 
e razão foi protagonista das obras de Santo Agostinho e Tomás de 
Aquino durante a chamada \u201cIdade das Trevas\u201d. Após este período, 
com o Renascimento Cultural, abordaremos o papel que a razão 
assume no centro do conhecimento, a partir das principais ideias 
do Iluminismo, Racionalismo e Empirismo, com grande impacto 
para a ciência, arte, política e economia.
Confira as competências e os objetivos da disciplina:
Convite ao estudo
Competência por 
fundamento de área
Reconhecer as relações entre a filosofia, a ética e a política.
Objetivo geral: 
Compreender os principais autores e conceitos que 
consolidaram o pensamento ocidental.
Objetivos específicos:
\u2022 Conhecer os precursores do pensamento por meio da 
compreensão do papel dos mitos e o pensamento do 
período pré-socrático.
\u2022 Caracterizar o pensamento socrático e a lógica aristotélica.
\u2022 Compreender a relação entre fé e razão, a partir dos 
representantes da Escolástica e Escola Patrística.
\u2022 Apresentar a importância da razão nas escolas do 
pensamento iluminista, racionalista e empirista.
Guerreiros de Deus
Sublinhado
Guerreiros de Deus
Sublinhado
Guerreiros de Deus
Sublinhado
U1 - A formação do pensamento ocidental8
Embora este conteúdo aparente ser muito filosófico e 
conceitual, há uma relação muito próxima com nossa realidade. 
Para entender como estas questões podem ser observadas hoje em 
nosso cotidiano, tanto nas relações pessoais como profissionais, 
estudaremos o caso do Milton e seu desafio no trabalho que tem