Logo Passei Direto

A maior rede de estudos do Brasil

Grátis
8 pág.
MORFOFISIOLOGIA II - PRÁTICA

Pré-visualização | Página 1 de 2

UNIVERSIDADE TIRADENTES 
ENFERMAGEM 
 
 
 
 
 
 
 
NICOLE STEPHANIE SILVA SANTOS 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
MORFOFISIOLOGIA II 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
ARACAJU 
2020 
Anatomia aplicada à enfermagem 
UNIDADE 4 
Sistema genital masculino e feminino: anatomia dos sistemas reprodutores 
 
1. As gônadas femininas e masculinas são, respectivamente: 
 a) oócitos e espermatozoides. 
 b) ovários e testículos. 
c) tubas uterinas e vesículas seminais. 
d) útero e próstata. 
e) vagina e pênis. 
 
2. O útero possui quatro subdivisões anatômicas e elas são: 
a) fundo do útero, corpo do útero, inferior do útero e o colo do útero. 
b) superior do útero, corpo do útero, inferior do útero e o colo do útero. 
c) fundo do útero, corpo do útero, istmo do útero e o colo do útero. 
d) saco do útero, corpo do útero, istmo do útero e o colo do útero. 
e) fundo do útero, corpo do útero, istmo do útero e o reto do útero. 
 
3. Os espermatozoides são produzidos em qual estrutura do sistema genital masculino? 
a) Glândulas seminais. 
b) Epidídimo. 
 c) Canal deferente. 
d) Testículos. 
 e) Próstata. 
 
4. A laparoscopia é um procedimento cirúrgico muito usado para identificar e tratar vários tipos 
de problemas ginecológicos femininos, entre os quais podemos citar: 
a) endometriose, cisto de ovário, miomas, tumores no útero, gestação ectópica e doença inflamatória 
pélvica. 
b) endometriose, infecção urinária, miomas, tumores no útero, gestação ectópica e doença inflamatória 
pélvica. 
c) endometriose, cisto de ovário, tumores no útero, gestação gemelar e doença inflamatória pélvica. 
d) endometriose, cisto de ovário, miomas, tumores no útero, gestação ectópica e doença sexualmente 
transmissível. 
e) endometriose, Papanicolau, cisto de ovário, miomas e doença inflamatória pélvica. 
 
5. Em relação à cirurgia laparoscópica, marque a opção correta. 
a) Provoca maior trauma cirúrgico, menos sangramento, recuperação mais rápida, menores cicatrizes e 
reduz a taxa de infecções. Oferece risco de desconforto em razão da distensão abdominal e deiscência 
de sutura. 
b) Provoca menos sangramento, indolor, recuperação mais rápida, menores cicatrizes e reduz a taxa de 
infecções. Oferece risco de perfuração de órgãos como o útero, tubas uterinas e bexiga e desconforto 
em razão da distensão abdominal. 
c) Provoca menor trauma cirúrgico, menos sangramento, menos dor, recuperação mais rápida, 
menores cicatrizes e reduz a taxa de infecções. Oferece risco de perfuração de órgãos como útero, 
tubas uterinas e bexiga e desconforto em razão da distensão abdominal. 
d) Provoca menor trauma cirúrgico, pouco sangramento, sem dor, recuperação mais prolongada, 
menores cicatrizes e reduz a taxa de infecções. Oferece desconforto em razão da distensão abdominal. 
e) Provoca menor trauma cirúrgico, menos sangramento, menos dor, recuperação mais rápida, 
menores cicatrizes e reduz a taxa de infecções. Oferece risco de perfuração de órgãos como intestino, 
estômago, aorta e desconforto em razão da distensão abdominal. 
 
Sistema genital masculino e feminino: funções e suas implicações no trabalho do enfermeiro 
 
1. De que forma o oócito é transportado na tuba uterina? 
a) Por uma combinação de movimentos ondulatórios e contrações peristálticas das paredes da tuba 
uterina. 
b) Por uma combinação de movimentos ciliares e contrações ondulatórias e rápidas das paredes da 
tuba uterina. 
c) Por uma combinação de movimentos ciliares e contrações peristálticas das paredes da tuba uterina. 
d) Por movimentos ciliares das paredes da tuba uterina. 
e) Por contrações peristálticas das paredes da tuba uterina. 
 
2. Quais são as funções do útero? 
a) Funciona como via de passagem para os espermatozoides até os ovários; serve como local da 
implantação de um óvulo fertilizado, para gestação e trabalho de parto; oferece proteção mecânica e 
sustentação nutricional para o embrião e para o feto; é fonte do fluxo menstrual. 
b) Produz os oócitos; serve como local da implantação de um óvulo fertilizado, para gestação e 
trabalho de parto; oferece proteção mecânica, sustentação nutricional e remoção de resíduos para o 
embrião e para o feto; é fonte do fluxo menstrual. 
c) Serve como local da implantação de um óvulo fertilizado, para gestação e trabalho de parto; oferece 
proteção mecânica, sustentação nutricional e remoção de resíduos para o embrião e para o feto; é fonte 
do fluxo menstrual. 
d) Funciona como via de passagem dos óvulos até as tubas uterinas, para gestação e trabalho de parto; 
oferece proteção mecânica, sustentação nutricional e remoção de resíduos para o embrião e para o 
feto; é fonte do fluxo menstrual. 
e) Funciona como via de passagem para os espermatozoides até as tubas uterinas, local da implantação 
de um óvulo fertilizado, para gestação e trabalho de parto; oferece proteção mecânica, sustentação 
nutricional e remoção de resíduos para o embrião e para o feto; é fonte do fluxo menstrual. 
 
3. Qual(is) é(são) a(s) estrutura(s) do sistema genital masculino que secreta(m) um líquido leitoso 
e ligeiramente ácido, contendo diversas substâncias, como o ácido cítrico, enzimas proteolíticas e 
a plasmina? 
a) Próstata. 
b) Vesículas seminais. 
 c) Ductos deferentes. 
 d) Testículos. 
e) Glândulas bulbouretrais. 
 
4. As opções de tratamento para a gravidez ectópica incluem: 
a) laparoscopia, curetagem ou uso da medicação metotrexato. 
b) laparoscopia, salpingectomia ou salpingostomia ou uso da medicação metotrexato. 
c) salpingectomia, laparoscopia ou uso da medicação ocitocina. 
d) laparoscopia, salpingectomia ou salpingostomia ou uso da medicação ocitocina. 
e) salpingostomia e ocitocina. 
 
5. O que é disfunção erétil? 
a) É a incapacidade de um homem adulto sentir atração por uma mulher e alcançar uma ereção por 
tempo suficiente para a realização do ato sexual. 
b) É a incapacidade de um homem adulto manter uma ereção por mais de 30 minutos. 
c) É a incapacidade consistente de um homem adulto ejacular e conseguir procriar por ter contagem de 
espermatozoides inferior a 300 por campo. 
d) É a incapacidade consistente de um homem adulto ejacular ou alcançar uma ereção por tempo 
suficiente para a realização do ato sexual. 
e) É a incapacidade consistente de um homem idoso alcançar uma ereção por tempo suficiente para a 
penetração. 
 
Anatomia Humana – Van de Graaff 
Unidade 7 Reprodução e Desenvolvimento 
Capítulo 20 Sistema Genital Masculino 
 
 1. O períneo é 
(a) uma membrana que recobre o testículo. 
(b) uma fixação ligamentar do pênis na sínfise púbica. 
(c) Uma região em forma de losango entre a sínfise púbica e o cóccix. 
(d) Uma bainha fibrosa que sustenta o escroto. 
 
2. O dartos é uma camada de fibras musculares lisas encontradas no interior 
(a) do escroto 
(b) do pênis 
(c) do epidídimo 
(d) da próstata 
 
3. Qual afirmativa relativa às células intersticiais (células de Leydig) é verdadeira? 
(a) Elas nutrem os espermatozóides. 
(b) Elas produzem testosterona. 
(c) Elas produzem espermatozóides. 
(d) Elas secretam líquido alcalino. 
(e) b e d são verdadeiras. 
 
4. O bulbo e os ramos do pênis estão localizados 
(a) na glande do pênis 
(b) na coroa da glande 
(c) no corpo do pênis 
(d) no prepúcio 
(e) na raiz do pênis 
 
5. Qual entre os seguintes não é um ducto espermático? 
(a) epidídimo 
(b) funículo espermático 
(c) ducto ejaculatório 
(d) ducto deferente 
 
6. Os espermatozóides são armazenados antes da emissão e da ejaculação 
 (a) no epidídimo 
(b) nas glândulas seminais 
(c) na uretra esponjosa 
(d) na próstata 
 
7. A função das glândulas uretrais consiste em: 
(a) secretar muco 
(b) produzir nutrientes 
(c) secretar hormônios 
 (d) regular a produção de espermatozóides 
 
8. Qual afirmativa relativa à ereção do pênis é falsa? 
(a) É uma resposta parassimpática. 
(b) Pode ser uma resposta voluntária
Página12