Buscar

METODOLOGIA E PRÁTICA DE ENSINO DE MATEMÁTICA NA ALFABETIZAÇÃO PTA - ATIVIDADE 2

Faça como milhares de estudantes: teste grátis o Passei Direto

Esse e outros conteúdos desbloqueados

16 milhões de materiais de várias disciplinas

Impressão de materiais

Agora você pode testar o

Passei Direto grátis

Você também pode ser Premium ajudando estudantes

Faça como milhares de estudantes: teste grátis o Passei Direto

Esse e outros conteúdos desbloqueados

16 milhões de materiais de várias disciplinas

Impressão de materiais

Agora você pode testar o

Passei Direto grátis

Você também pode ser Premium ajudando estudantes

Faça como milhares de estudantes: teste grátis o Passei Direto

Esse e outros conteúdos desbloqueados

16 milhões de materiais de várias disciplinas

Impressão de materiais

Agora você pode testar o

Passei Direto grátis

Você também pode ser Premium ajudando estudantes
Você viu 3, do total de 6 páginas

Faça como milhares de estudantes: teste grátis o Passei Direto

Esse e outros conteúdos desbloqueados

16 milhões de materiais de várias disciplinas

Impressão de materiais

Agora você pode testar o

Passei Direto grátis

Você também pode ser Premium ajudando estudantes

Faça como milhares de estudantes: teste grátis o Passei Direto

Esse e outros conteúdos desbloqueados

16 milhões de materiais de várias disciplinas

Impressão de materiais

Agora você pode testar o

Passei Direto grátis

Você também pode ser Premium ajudando estudantes

Faça como milhares de estudantes: teste grátis o Passei Direto

Esse e outros conteúdos desbloqueados

16 milhões de materiais de várias disciplinas

Impressão de materiais

Agora você pode testar o

Passei Direto grátis

Você também pode ser Premium ajudando estudantes
Você viu 6, do total de 6 páginas

Prévia do material em texto

METODOLOGIA E PRÁTICA DE ENSINO DE MATEMÁTICA NA ALFABETIZAÇÃO PTA - ATIVIDADE 2 
Teste ATIVIDADE 2 (A2) 
Status Completada 
Resultado da tentativa 9 em 10 pontos 
Resultados exibidos Respostas enviadas, Respostas corretas, Comentários 
Pergunta 1 
1 em 1 pontos 
 
Kubínová (2004) propõe uma abordagem que possibilita a apresentação da geometria sem ser vista como uma estrutura 
complexa, mas sim como uma parte da matemática que está com raízes na realidade e que nos ajuda a resolver 
problemas do dia-a-dia. Nessa abordagem, o ensino de geometria é baseado no processo de realização do fenômeno 
percebido anteriormente pelas crianças, nas formas e na extensão gradual dos possíveis pontos de vista do mundo que 
as circula. Na experimentação, na modelagem e na habilidade de visualizar o ponto, a linha reta, o plano e nas relações 
entre eles, os origamis provaram ser um ambiente excepcional para o trabalho com alunos neste respeito. 
 
KUBÍNOVÁ, M. School Geometry and Folding Paper. Mathematics Education. Univerzita Karlova, 2004. 
 
Sobre o uso de origamis nas aulas de matemática, assinale com V as alternativas verdadeiras e com F as alternativas 
falsas. 
 
( ) A partir da construção de um origami, vários conceitos geométricos podem ser explorados, como reta, plano, ângulo, 
diagonais e diferentes figuras geométricas (quadrado, triângulo, retângulo, trapézios, etc.). 
 
( ) Uma das características dos origamis é que em sua construção não são utilizados cortes e colagens, por isso, apenas 
figuras simples podem ser criadas. 
 
( ) Por se tratar de uma atividade de alta complexidade, ao se trabalhar com origamis em sala de aula é preciso que 
apenas o professor faça as dobraduras e os alunos observem, caso contrário, a programação da aula atrasaria. 
 
( ) Por meio das dobraduras é possível a confecção de inúmeras figuras, objetos, animais e até mesmo personagens 
conhecidos pelas crianças. 
 
Agora, assinale a alternativa que apresenta a sequência correta de respostas. 
Resposta Selecionada: 
Correta V, F, F, V. 
Resposta Correta: 
Correta V, F, F, V. 
Feedback da resposta: Resposta correta. Sua resposta está correta! A construção de um origami possibilita a 
exploração de diversos conceitos geométricos e a construção de inúmeras figuras, objetos, animais e até mesmo 
personagens conhecidos pelas crianças. A construção de um origami não utiliza cortes e colagens e deve ser feita pelos 
estudantes para que possam compreender o processo e estabelecer as relações. 
Pergunta 2 
1 em 1 pontos 
 
Aspectos de conversão de unidades e a utilização de fórmulas algébricas não são focos do ciclo de alfabetização. No 
entanto, privilegiar aspectos relacionados à construção da noção de grandeza e de medida por meio de uma abordagem 
adequada do ponto de vista conceitual e didático nesta fase da escolaridade poderá ajudar a minimizar muitas 
dificuldades de aprendizagem nos ciclos posteriores. Assim, é importante que tais conceitos sejam explorados com as 
crianças por meio de atividades lúdicas que, de alguma maneira, possibilitem que os estudantes atribuam significados 
àquilo que está sendo estudado (BRASIL, 2014). 
 
BRASIL. Secretaria de Educação Básica. Diretoria de Apoio à Gestão Educacional. Pacto Nacional pela Alfabetização na 
Idade Certa: Grandezas e Medidas. Ministério da Educação. Brasília: MEC, SEB, 2014. 
 
Sobre o ensino de grandezas e medidas no ciclo de alfabetização, considere as seguintes afirmações: 
 
I. É necessário trabalhar grandezas e medidas no ciclo de alfabetização porque, desde criança, atividades como medir e 
registrar medidas são muito comuns. Portanto, introduzir este conteúdo desde cedo, permitirá que as crianças 
compreendam a abstração do conceito de medidas na idade adulta. 
 
II. É possível explorar conceitos de medidas no ciclo de alfabetização a partir de experiências práticas, como a 
observação e comparação de temas como peso, altura, distância, dentre outros. 
 
III. É importante lembrar que, paralelamente ao ato de medir, o conceito de número também aparecerá nas atividades 
desenvolvidas com as crianças, uma vez que, para haver a compreensão de um conceito, é necessário conhecer o outro. 
 
É correto o que se afirma em: 
Resposta Selecionada: 
Correta I, II e III; 
Resposta Correta: 
Correta I, II e III; 
Feedback da resposta: Resposta correta. Sua resposta está correta! É necessário trabalhar grandezas e medidas 
no ciclo de alfabetização porque atividades como medir e registrar medidas são muito comuns desde a infância. Tal 
estudo pode se dar a partir de experiências práticas, como a observação e comparação de temas como peso, altura, 
distância, dentre outros. 
Pergunta 3 
1 em 1 pontos 
 
Sá, Freitas e Pires (2017) afirmam que a escola pode auxiliar, por meio de ações educativas, o indivíduo a construir sua 
cidadania e ter acesso ao mercado de trabalho, oferecendo atividades que proporcionem reflexões críticas, possibilitando 
que os estudantes transcendam os muros escolares. No entanto, para que isso seja possível, é imprescindível que, 
dentro desta escola, haja professores bem formados cientes de seu papel na vida dos estudantes e tendo em mente os 
conhecimentos necessários para o desenvolvimento de um trabalho pedagógico adequado. 
 
SÁ, T. S.; FREITAS, L. A. R.; PIRES, A. C. Formação de professores para o ensino de matemática nos anos iniciais do 
ensino fundamental I. Revista de Pesquisa Interdisciplinar, v. 2, n. 2, 2017. 
 
Sobre os saberes docentes é correto afirmar que: 
Resposta Selecionada: 
Correta o uso de dobraduras se caracteriza como uma forma atraente e motivadora para se ensinar geometria, pois 
pode-se estimular o pensamento geométrico e a visão espacial das crianças, propiciando uma experiência prazerosa, 
pois, ao construir as figuras, a matemática se torna mais leve e de mais fácil compreensão; 
Resposta Correta: 
Correta o uso de dobraduras se caracteriza como uma forma atraente e motivadora para se ensinar geometria, pois 
pode-se estimular o pensamento geométrico e a visão espacial das crianças, propiciando uma experiência prazerosa, 
pois, ao construir as figuras, a matemática se torna mais leve e de mais fácil compreensão; 
Feedback da resposta: Resposta correta. Sua resposta está correta! O uso de dobraduras ou origamis se 
caracteriza como uma forma atraente e motivadora para se ensinar geometria, estimulando o pensamento geométrico e a 
visão espacial das crianças. Além de possibilitar a exploração de conceitos tanto da geometria plana quanto da espacial. 
Pergunta 4 
1 em 1 pontos 
 
No período do chamado Movimento da Matemática Moderna o ensino de geometria preocupava-se, segundo Miorim 
(1998), em introduzir o raciocínio lógico, após um trabalho inicial que buscava, de maneira geral, familiarizar o aluno com 
as noções básicas sobre figuras geométricas em sua posição fixa ou por meio de seus movimentos. Além disso, os 
defensores deste movimento apoiavam a inclusão no currículo de abordagens “não euclidianas” para o ensino de 
Geometria, o que, de alguma forma, pode ter contribuído para que a geometria deixasse de ser uma prioridade no ensino.
 
MIORIM, M. Â. Introdução à história da educação Matemática. São Paulo: Atual, 1998. 
 
Sobre o ensino de conhecimentos geométricos na alfabetização, considere as seguintes afirmações: 
 
I. O estudo de geometria possibilita que o aluno compreenda e valorize a presença da matemática em diversos 
elementos da natureza e em várias criações humanas. 
 
II. Há pesquisas que mostram que, por conta da complexidade da geometria e de sua pouca aplicabilidade em situações 
cotidianas, grande parte dos professores não desejam trabalhar tal conteúdo em sala de aula. 
 
III. A superação de alguns preconceitos enraizados em sala de aula, como o fato de se considerar que conhecimentos 
geométricos são muito complexos para crianças menores de 6 anos, pode ser o primeiro passo para que a geometria 
passe a ser integrada nos conteúdos curriculares da alfabetização e, a partirdisso, passe a ser uma das prioridades do 
ensino. 
 
É correto o que se afirma em: 
Resposta Selecionada: 
Correta I e III; 
Resposta Correta: 
Correta I e III; 
Feedback da resposta: Resposta correta. Sua resposta está correta! O estudo de geometria possibilita que o aluno 
identifique e compreenda a presença da matemática em diversas situações cotidianas e a superação de alguns 
preconceitos presentes em sala de aula (por exemplo, em relação à complexidade dos conhecimentos geométricos) pode 
possibilitar que estes conteúdos sejam mais explorados no ciclo de alfabetização. 
Pergunta 5 
1 em 1 pontos 
 
O Referencial Nacional Curricular para a Educação Infantil ressalta que as crianças aprendem por meio da prática, ou 
seja, para aprenderem medidas, precisam de alguma forma medir. O ato de medir pode envolver observação, 
experimentação e comparação entre diferentes medidas. Assim, uma série de materiais podem ser utilizados pelos 
professores para o estudo das medidas, como fita métrica, balança, régua, dentre outros. Questões como “quantas vezes 
é maior? “qual é a altura?”, “qual é a distância?”, “qual é o peso?” podem ser exploradas pelo professor para instigar a 
participação dos estudantes (BRASIL, 1998. p. 227). 
 
BRASIL. Ministério da Educação e do Desporto. Secretaria de Educação Fundamental. Referencial Curricular Nacional 
para a Educação Infantil. Brasília: MEC, SEF, 1998. 
 
Sobre o estudo de unidades de medida no ciclo de alfabetização, considere a colocação a seguir. 
 
As crianças aprendem fazendo, logo, aprendem a medir, medindo! Uma opção para se explorar esse conhecimento 
matemático no ciclo de alfabetização é por meio da observação e __________ de diferentes medidas. Ao utilizar uma 
balança, por exemplo, é possível registrar o __________ de cada um dos estudantes em __________. Após esse registro
é possível iniciar uma discussão com os estudantes a fim de determinar qual o indivíduo mais pesado. De forma 
semelhante, pode-se estudar a __________ das crianças utilizando-se uma fita métrica. Neste caso, diferentes 
__________ podem ser exploradas, como o __________ e o centímetro. 
 
Assinale a alternativa que apresenta os termos que, em ordem, completam adequadamente o excerto acima. 
Resposta Selecionada: 
Correta comparação; peso; quilogramas; altura; unidades; metro. 
Resposta Correta: 
Correta comparação; peso; quilogramas; altura; unidades; metro. 
Feedback da resposta: Resposta correta. Sua resposta está correta! A observação e comparação de diferentes 
medidas são estratégias úteis para o estudo de medidas com as crianças. Utilizando ferramentas como balança e fita 
métrica é possível estabelecer comparações, por exemplo, entre os pesos e as alturas dos estudantes. Assim, unidades 
como quilograma e o metro podem ser facilmente discutidas. 
Pergunta 6 
0 em 1 pontos 
 
A presença da matemática é bastante forte em muitas obras de arte, mesmo que olhares desatentos não a identifiquem. 
Ao observar a famosa Monalisa, de Leonardo da Vinci, o sorriso enigmático da pintura não é a única parte interessante. 
Por trás do sorriso, assim como em todas as obras de arte, sejam quadros ou monumentos arquitetônicos, há muita 
matemática, como formas geométricas e noções de proporcionalidade com precisão impressionante. Além de da Vinci, 
artistas como Antonio Peticov, Maurithius Escher e Max Bill também exploram a matemática de uma maneira especial em 
suas obras (PACHECO, 2008). 
 
PACHECO, A. B. Matemática: equações e arte. Anais do 2º Simpósio Internacional de Pesquisa em Educação 
Matemática (SIPEMAT), Recife - PE, 2008. 
 
Sobre a relação entre a matemática e a arte é correto afirmar que: 
Resposta Selecionada: 
Incorreta a matemática só pode ser evidenciada nas obras de arte quando os autores decidem fazer uso de figuras 
geométricas para representarem aquilo que querem criar. Um exemplo de pintor que usa formas geométricas em suas 
obras é Alfredo Volpi; 
Resposta Correta: 
Correta dada a relação entre a matemática e a arte, é possível afirmar que, enquanto a arte se baseia na intuição e cria 
emoções, a matemática se baseia no raciocínio e cria lucidez; 
Pergunta 7 
1 em 1 pontos 
 
Referente aos objetivos do ensino de geometria no ciclo de alfabetização, o Conselho Nacional dos Professores de 
Matemática dos Estados Unidos da América (NCTM) aponta, dentre outras coisas, que, com a geometria, as crianças 
devem ser levadas a analisarem características e propriedades de formas geométricas bidimensionais e tridimensionais, 
desenvolvendo argumentos matemáticos acerca das relações geométricas estabelecidas; e identificarem localizações e 
descreverem relações espaciais recorrendo à geometria de coordenadas e a outros sistemas de representação (NCTM, 
2000). 
 
NCTM. National Council of Teachers of Mathematics. Principles and Standards for School Mathematics. Reston, Va: 
NCTM, 2000. 
 
Sobre o uso de recursos metodológicos para o ensino de geometria no ciclo de alfabetização, é correto afirmar que: 
Resposta Selecionada: 
Correta o uso de caixas para a exploração de conceitos geométricos é uma possibilidade para o desenvolvimento do 
trabalho em sala de aula, no entanto, é preciso ser cauteloso quanto às associações feitas. A caixa, por exemplo, não 
pode ser chamada de quadrado, mas pode ser semelhante à figura de um cubo, ou um armário não pode ser chamado 
de retângulo, pois é apenas semelhante a um paralelepípedo; 
Resposta Correta: 
Correta o uso de caixas para a exploração de conceitos geométricos é uma possibilidade para o desenvolvimento do 
trabalho em sala de aula, no entanto, é preciso ser cauteloso quanto às associações feitas. A caixa, por exemplo, não 
pode ser chamada de quadrado, mas pode ser semelhante à figura de um cubo, ou um armário não pode ser chamado 
de retângulo, pois é apenas semelhante a um paralelepípedo; 
Feedback da resposta: Resposta correta. Sua resposta está correta! Utilizar caixas para o estudo de geometria em 
sala de aula é uma possibilidade de fácil acesso aos professores, no entanto, é preciso ser cauteloso quanto às 
associações feitas principalmente no que diz respeito às nomenclaturas da geometria plana e espacial. 
Pergunta 8 
1 em 1 pontos 
 
A utilização de diferentes materiais nas aulas de matemática pode ser tida como importante recurso por meio do qual os 
estudantes são possibilitados a ampliarem seus conhecimentos geométricos formais (aqueles vistos em sala de aula), 
muitas vezes adquiridos de maneira informal, por meio da observação do mundo, de objetos e formas que os cercam, 
por exemplo. Assim, pesquisas no âmbito da Educação Matemática já têm apresentado uma série de opções para serem 
utilizadas como recursos: dobraduras de papel, material dourado, caixas de papelão, jogos infantis, dentre outros (RÊGO; 
RÊGO; GAUDÊNCIO JÚNIOR, 2004). 
 
RÊGO, R. G.; RÊGO, R. M.; GAUDÊNCIO JUNIOR, S. A geometria do Origami: atividades de ensino através de 
dobraduras. João Pessoa: Editora Universitária/UFPB, 2004. 
 
Sobre alguns dos recursos metodológicos discutidos em pesquisas da área de Educação Matemática, relacione as 
colunas a seguir. 
 
(1) Origamis 
( ) Podem ser consideradas no ciclo de alfabetização, uma vez que, por proporcionar uma grande interação entre as 
crianças, envolvendo o cumprimento de regras, por exemplo, promove novas e diferentes formações cognitivas nas 
mesmas. 
(2) Caixas de papelão ( ) Possibilitam a exploração de conceitos da geometria plana e espacial por meio da planificação 
de diferentes sólidos geométricos. 
(3) Material Dourado ( ) Trata-se de uma arte japonesa de dobrar geometricamente uma peça de papel, sem cortes e/ou 
colagens, com o intuito de se criar objetos e personagens. 
(4) Brincadeiras Infantis ( ) É um conjunto de materiais, geralmente composto por peças de madeira ou plástico que 
possibilitam que os estudantes estabeleçam relações matemáticas principalmente relacionadas ao conceito de números e
operações. 
 
Assinale a alternativa que apresenta a correlaçãocorreta. 
Resposta Selecionada: 
Correta 4, 2, 1, 3. 
Resposta Correta: 
Correta 4, 2, 1, 3. 
Feedback da resposta: Resposta correta. Sua resposta está correta! O origami é uma arte japonesa que envolve a 
dobradura de uma peça de papel sem o uso de cortes ou colagens; as caixas são recursos que possibilitam a exploração 
de conceitos geométricos; o material dourado é um recurso que possibilita, dentre outras coisas, a explorações de 
conceitos relacionados aos números e às operações; e as brincadeiras, dependendo da forma que forem direcionadas, 
podem promover o desenvolvimento cognitivo das crianças. 
Pergunta 9 
1 em 1 pontos 
 
A teoria das Inteligências Múltiplas de Howard Gardner não é um modelo pedagógico, mas sim cognitivo, considerando 
que a teoria não determina que professores tenham que ensinar seus conteúdos de várias maneiras diferentes 
(correspondentes a cada uma de suas inteligências), o que seria inviável na prática pedagógica de qualquer professor. 
Assim, o professor, ao planejar uma atividade, não incitará uma ou duas inteligências, pois deverá refletir e organizar o 
mesmo conteúdo sob diferentes maneiras de aprendê-lo, e umas das formas de fazer isso, baseando-se na teoria das 
Inteligências Múltiplas, seria por meio do uso de rotas de acesso (TARSO; MORAIS, 2011). 
 
TARSO, R.; MORAIS, D. Rotas Alternativas de Aprendizagem: uma ferramenta para o ensino instrumental. Anais do X 
Encontro de Ciências Cognitivas da Música. Universidade Vale do Rio Verde, 2011. 
 
Sobre o uso de rotas de acesso para o estudo de diferentes conhecimentos matemáticos, considere a seguinte 
colocação: 
 
Nas aulas de matemática, há a necessidade de constantemente estar se desenvolvendo um raciocínio científico, 
__________ e dedutivo, raciocínio este característico da inteligência __________. No entanto, conceitos de geometria, 
por exemplo, podem ser explorados por meio da construção de maquetes. Tais maquetes serão de fácil elaboração por 
alunos que possuam, como predominante, a chamada inteligência __________, ou seja, com habilidades para se situar 
no __________ e efetuar comparações precisas entre o que está sendo representado na maquete. 
 
Assinale a alternativa que apresenta os termos que, em ordem, completam adequadamente o excerto acima. 
Resposta Selecionada: 
Correta indutivo; lógico-matemática; espacial; espaço. 
Resposta Correta: 
Correta indutivo; lógico-matemática; espacial; espaço. 
Feedback da resposta: Resposta correta. Sua resposta está correta! Conhecimentos matemáticos exigem o 
desenvolvimento de um raciocínio científico, indutivo e dedutivo, característicos da inteligência lógico-matemática. A 
construção de maquetes é um exemplo de recurso que permite a exploração de conceitos de geometria e o 
desenvolvimento das inteligências espacial e lógico-matemática. 
Pergunta 10 
1 em 1 pontos 
 
Ventura e Vicente (2010) mostram que o uso de caixas de papelão podem ser uma ferramenta alternativa e concreta para
o ensino de geometria tornando o ensino mais atrativo e significativo para o aluno, além de possibilitar a aplicabilidade do 
conteúdo em sala de aula e na resolução de problemas em situações reais do cotidiano do aluno. Além dos conceitos de 
geometria plana e espacial, este uso permite desenvolver outros conceitos, como os sistemas de medidas (linear, 
superfície, volume, capacidade e massa), entre outros. 
 
VENTURA, A.; VICENTE, A. O Ensino da Geometria com o Uso das Embalagens. Ciências–Matemática, Especialização: 
Didática e Metodologia de Ensino. Atuando na Educação Básica do Estado do Paraná. Professor PDE, 2010. 
 
Sobre alguns conceitos de geometria, assinale com V as alternativas verdadeiras e com F as alternativas falsas. 
 
( ) Todos os sólidos são formados pela união de figuras planas, as quais podem ser identificadas por meio da 
planificação. 
 
( ) Um sólido geométrico (geometria espacial) é formado pela união de figuras planas (geometria plana). Uma caixa, em 
forma de cubo, por exemplo, é formada pela união de oito quadrados. 
 
( ) Ao planificarmos um sólido geométrico, utilizando uma caixa como recurso metodológico, temos acesso a uma série 
de figuras planas que podemos explorar. Com a planificação de um cilindro, por exemplo, teremos um retângulo e dois 
círculos. 
 
( ) O uso de caixas como ferramenta metodológica é importante. No entanto, há uma limitação que precisa ser levada em 
conta: independente do formato de caixa escolhido, sempre poderão ser estudados retângulos e quadrados, ficando de 
fora todas as outras figuras. 
 
Agora, assinale a alternativa que apresenta a sequência correta de respostas. 
Resposta Selecionada: 
Correta V, F, V, F. 
Resposta Correta: 
Correta V, F, V, F. 
Feedback da resposta: Resposta correta. Sua resposta está correta! Os sólidos geométricos, estudados na 
Geometria Espacial, são sempre formados pela união de figuras da Geometria Plana que podem ser identificadas com a 
planificação. Ao planificarmos um cubo, teremos, por exemplo, seis quadrados, enquanto que com a planificação de um 
cilindro temos um retângulo e dois circulos.

Continue navegando

Outros materiais