A maior rede de estudos do Brasil

Grátis
6 pág.
Prova Psicologia Social ( PSI43) Avaliação Final (Objetiva) k

Pré-visualização | Página 1 de 2

Disciplina:
	Psicologia Social (PSI43)
	Avaliação:
	Avaliação Final (Objetiva) - Individual Semipresencial ( Cod.:638800) ( peso.:3,00)
	Prova:
	20649986
	Nota da Prova:
	10,00
	
	
Legenda:  Resposta Certa   Sua Resposta Errada  
Parte superior do formulário
	1.
	Um dos temas relacionados à adolescência é a sexualidade. As pesquisas acerca da iniciação sexual têm revelado que, com o passar do tempo, ela tem ocorrido mais cedo. Por exemplo, as pesquisas da década de 1990 apontavam que a primeira relação sexual acontecia entre 15 e 17 anos. Quanto às pesquisas mais recentes, aplicadas em 2007 em quatro capitais do Brasil, têm apresentado que a iniciação sexual dos jovens de nível socioeconômico baixo está ocorrendo por volta dos 13 anos (SANTOS, 2010). Sobre a sexualidade e a adolescência, analise as sentenças a seguir:
I- O início da adolescência é demarcado, nas meninas, pelo aparecimento da menarca, que costuma ocorrer aos 11 anos, atualmente. Por isso, pode-se afirmar que a adolescência é um fenômeno universal, que se dá no mesmo período em todos os países, e que a sexualidade deve ser considerada nos seus aspectos biológicos.
II- A adolescência engloba mudanças físicas, mas estas devem ser significadas na cultura e na dinâmica sociocultural. Afinal, estas mudanças são biopsicossociais, e se referem à maturação sexual, à busca pela identidade adulta e à autonomização frente aos pais.
III- Em nossa cultura, a sexualidade é perpassada por tabus. Muitos pais têm dificuldades para conversar sobre esse assunto com os filhos adolescentes. Assim, a sexualidade torna-se uma incógnita para o adolescente, que se vê diante de dúvidas, preconceitos, moralismos, desejo e repressão.
Assinale a alternativa CORRETA:
FONTE: SANTOS, Elder Cerqueira et al. Gravidez na adolescência: análise contextual de risco e proteção. Psicologia em Estudo. Maringá, v. 15, n. 1, mar. 2010. Disponível em: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1413-73722010000100009&lng=pt&nrm=iso. Acesso em: 22 out. 2012.
	 a)
	Somente a sentença III está correta.
	 b)
	As sentenças I e III estão corretas.
	 c)
	As sentenças I e II estão corretas.
	 d)
	As sentenças II e III estão corretas.
	2.
	Sá, Curto, Bordin e de Paula realizaram uma pesquisa intitulada "Exposição à violência como risco para o surgimento ou a continuidade de comportamento antissocial em adolescentes da região metropolitana de São Paulo", em 2009. Esses autores constataram que a violência doméstica é um dos fatores mais relevantes para a manutenção do comportamento antissocial, enquanto fatores atinentes à violência urbana relacionam-se ao surgimento do comportamento antissocial. Acerca do comportamento antissocial, classifique V para as sentenças verdadeiras e F para as falsas:
(    ) Os meios de comunicação de massa apresentam inúmeras opções de entretenimento; assim, pouco abordam temas relativos à agressão e à violência.
(    ) O ambiente familiar e uma comunidade violenta parecem ser modelos para a manutenção e o desenvolvimento de comportamentos violentos.
(    ) Uma maneira de prevenir comportamentos antissociais é estimular sentimentos como empatia e altruísmo.
(    ) Fatores políticos não interferem nos comportamentos antissociais. Estes geralmente são desencadeados por distúrbios orgânicos ou doenças mentais. Raramente injustiças sociais estão por trás da realização de crimes.
Assinale a alternativa que apresenta a sequência CORRETA:
FONTE: SÁ, Daniel Graça Fatori de et al. Exposição à violência como risco para o surgimento ou a continuidade de comportamento antissocial em adolescentes da região metropolitana de São Paulo. Psicologia: teoria e prática. São Paulo, v. 11, n. 1, jun. 2009. Disponível em: http://pepsic.bvsalud.org/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1516-36872009000100015&lng=pt&nrm=iso. Acesso em: 22 out. 2012.
	 a)
	V - F - F - V.
	 b)
	V - F - V - F.
	 c)
	F - V - F - F.
	 d)
	F - V - V - F.
	3.
	A sociedade comunitária é entendida como uma divisão de trabalho com limitada diferenciação de papéis. As relações e os contatos são pautados em base emocional. Partindo desse pressuposto, analise as sentenças a seguir:
I- A sociedade comunitária praticamente não precisa de lei formal.
II- Existem vários estudos que colocam pontos negativos para a sociedade comunitária.
III- A maioria dos sujeitos que vivem nas sociedades comunitárias é de baixa renda.
IV- Existem nas sociedades comunitárias laços afetivos entre vizinhos e ajuda mútua.
Assinale a alternativa CORRETA:
	 a)
	As sentenças I, II e IV estão corretas.
	 b)
	As sentenças II e III estão corretas.
	 c)
	Somente a sentença IV está correta.
	 d)
	As sentenças I, III e IV estão corretas.
	4.
	De acordo com Peruzzo e Volpato (2009), há uma relação entre comunidade, local e região. Ao estudar tais conceitos, é indispensável levar em conta as interdependências históricas, econômicas, sociais, políticas, bem como as especificidades. Desta forma, analise as sentenças a seguir:
I- O conceito de comunidade está relacionado às formas de relacionamento. Estas ocorrem mais pelas relações de interesse e de identidades do que por razões geográfico-territoriais.
II- Um importante fator relativo à comunidade é o pertencimento a um grupo. As identidades são históricas e transitórias, modificam-se nas inter-relações estabelecidas no local e na conectividade estabelecida no mundo.
III- O conceito de comunidade se restringe às dimensões espaciais, como, por exemplo, pessoas que moram na mesma rua.
IV- Comunidade e região estão inseridas numa complexidade social que, apesar de não abdicar as delimitações físicas, também não se limitam a elas.
Agora, assinale a alternativa CORRETA:
FONTE: PERUZZO, Cicilia M. K; VOLPATO; Marcelo O. Líbero. São Paulo: v. 12, n. 24, p. 139-152, dez. 2009.
	 a)
	As sentenças I, II e IV estão corretas.
	 b)
	Somente a sentença I está correta.
	 c)
	As sentenças II e III estão corretas.
	 d)
	As sentenças II, III e IV estão corretas.
	5.
	A subjetividade é um dos objetos de estudo da Psicologia. Assim, cada uma das abordagens feitas se aperfeiçoa na defesa do estudo. Partindo desse pressuposto, analise as sentenças a seguir:
I- A subjetividade é construída de forma contínua, assim os sujeitos constroem e reconstroem as novas verdades.
II- A subjetividade é estanque. A partir do momento em que o sujeito acredita em algo, nada mais mudará a ideia.
III- A subjetividade é um objeto de estudo central para a Psicologia, pois compreende os modos de ser, traz toda a relação sujeito-sociedade e a aceitação ou não do contexto.
Assinale a alternativa CORRETA:
	 a)
	As sentenças I e III estão corretas.
	 b)
	As sentenças II e III estão corretas.
	 c)
	As sentenças I e II estão corretas.
	 d)
	Somente a sentença I está correta.
	6.
	Na sociedade há uma infinidade de posições sociais, que estão atreladas aos papéis sociais. Estes são perpassados por expectativas de comportamento, isto é, espera-se que uma pessoa se porte de acordo com o status que ela ocupa no grupo social. O que ocorre quando uma pessoa não se comporta de acordo com os respectivos papéis que possui?
	 a)
	Podem acontecer entraves no processo de interação social.
	 b)
	Esta pessoa acaba sendo banida pelo grupo do qual fazia parte.
	 c)
	Inevitavelmente, um pessoa nesta condição é presa ou acaba sendo ignorada pela sociedade.
	 d)
	Ocorre uma situação propícia para se manifestar o amor e o perdão, pois estas pessoas geralmente são perdoadas.
	7.
	"A busca do desenvolvimento da consciência crítica, da ética da solidariedade e de práticas cooperativas ou mesmo autogestionárias, a partir da análise dos problemas cotidianos da comunidade, marca a produção teórica e prática da psicologia social comunitária" (CAMPOS, 2003, p .10). Partindo desse pressuposto, classifique V para as sentenças verdadeiras e F para as falsas:
(    ) A psicologia comunitária tem por intuito educar e politizar. Prima pelos direitos humanos e procura contribuir para a melhora da qualidade