A maior rede de estudos do Brasil

Grátis
6 pág.
Fundamentos sociológicos e antropológicos da educação Atividade 1 Março 2018

Pré-visualização | Página 1 de 2

28/07/2020 Unicesumar - Ensino a Distância
1/6
ATIVIDADE DE ESTUDO 1 - LET - FUNDAMENTOS SOCIOLÓGICOS E ANTROPOLÓGICOS DA EDUCAÇÃO -
2018A1
Período:02/03/2018 22:30 a 18/03/2018 23:59 (Horário de Brasília)
Status:ENCERRADO
Nota máxima:0,50
Gabarito:Gabarito será liberado no dia 19/03/2018 00:00 (Horário de Brasília)
Nota obtida:0,50
1ª QUESTÃO
   Um dos princípios fundamentais apresentados por Comte, é a Lei dos Três Estágios. Nessa lei, o autor
busca a compreensão do desenvolvimento social mediante a presença do conhecimento científico na vida
social. Desse modo, a harmonia estabelecida no último estágio de desenvolvimento da teoria de Auguste
Comte é uma das características do Positivismo. Considerando essas informações, analise as afirmativas a
seguir.
I. A harmonia estabelecida no último estágio diz respeito às funções sociais que cada pessoa deve
desempenhar, formando, assim, uma sociedade.
II. A busca de sentidos distintos também auxilia na formação da harmonia social defendida por Comte.
III. O Estado seria o fio condutor para a formação da harmonia social.
IV. A harmonia social é um conceito jamais defendido por Comte, o que demonstra que o estágio positivo
era a verdadeira harmonia social.
É correto o que se afirma em:
ALTERNATIVAS
IV, apenas.
I e III, apenas.
II e III, apenas.
III e IV, apenas.
I, II e IV, apenas.
2ª QUESTÃO
    Considerando a teoria do fato social de Durkheim, leia as proposições que seguem e a relação entre elas:
I. Se um determinado sujeito criasse, de forma pensada, planejada e, consequentemente, racional, uma
linguagem própria, mas que ninguém compreendesse em uma sociedade, isso não seria um fato social.
PORQUE
II. O fato social é toda ação que responde as normas sociais externas e muito anteriores a individualidade, a
vontade e a consciência individual.
Acerca dessas asserções, assinale a alternativa correta:
 
ALTERNATIVAS
28/07/2020 Unicesumar - Ensino a Distância
2/6
As asserções I e II são proposições verdadeiras, e a II é uma justificativa correta da I.
As asserções I e II são proposições verdadeiras, mas a II não é uma justificativa correta da I.
A asserção I é uma proposição verdadeira, e a II é uma proposição falsa.
A asserção I é uma proposição falsa, e a II é uma proposição verdadeira.
As asserções I e II são proposições falsas.
3ª QUESTÃO
   Durkheim revoluciona o entendimento social com uma análise do corpo social em sua diversidade, já que
ele consegue estabelecer a conduta do indivíduo como um reflexo dos estímulos coletivos. A sociedade é
vital na determinação das ações particulares, a qual pode ser resumida na afirmação: “o indivíduo é
resultado do meio social em que vive”.
   Na compreensão dos fatos sociais, os quais o estudioso considera que obedecem a leis diferentes das que
determinam o comportamento particular, em especial nas sociedades com uma carga elevada de
solidariedade orgânica, ou seja, naquelas que tem um grau elevado de divisões de funções, analise as
asserções e a relação entre elas:
I. A sociedade humana, em sua condição de dependência dos agentes que a compõe, podem ter simples ou
complexa divisão do trabalho social. A sociedade urbana, industrial e capitalista é uma demonstração desta
ampla gama de funções dentro de um corpo social.
PORQUE
Dentro da sociedade capitalista, há uma gama de atividades econômicas, divididas para atender a
necessidade de sobrevivência do corpo social. Desta forma, a industrialização amplia o grau de dependência
das partes e do todo, de cada indivíduo da coletividade em que ele está inserido.
A respeito dessas asserções, assinale a opção correta.
ALTERNATIVAS
As asserções I e II são proposições verdadeiras e a II é uma justificativa da I.
As asserções I e II são proposições verdadeiras, mas a II não é uma justificativa da I.
A asserção I é uma proposição verdadeira, e a II é uma proposição falsa.
A asserção I é uma proposição falsa, e a II é uma proposição verdadeira.
As asserções I e II são proposições falsas.
4ª QUESTÃO
A noção de que a sociedade é um “grande corpo em movimento” é um dos destaques da compreensão
oportunizada pelas ciências sociais. A respeito desse aspecto, é correto afirmar que:
 
ALTERNATIVAS
28/07/2020 Unicesumar - Ensino a Distância
3/6
Entender que a sociedade pode ser alterada a partir dos fenômenos filosóficos é um dos objetivos da ciência social.
A especialização é um dos destaques da sociedade atual, fato que ocorre desde o surgimento das universidades no
século X.
As ciências sociais partem do pressuposto de que os fenômenos sociais são dinâmicos, mas a sociedade é intacta,
imóvel.
Tal noção é a chave para a compreensão da sociologia, uma vez que ela analisa o movimento da sociedade a partir
de fenômenos que ocorrem na vida social.
A dinâmica da sociedade poderia ser melhor visualizada no século XX. Todavia, com a atual sociedade globalizada,
essa oportunidade é impossível de ser vista.
5ª QUESTÃO
O nascimento da Antropologia como ciência remonta a expansão da civilização ocidental. Os europeus, em
suas navegações, se encontraram com diferentes povos, diferentes nações e culturas. Implicou, nesse início,
uma descrição por parte dos navegadores, viajantes, intelectuais europeus sobre os povos encontrados.
Somente no final do Século XIX e primeira metade do Século XX é que os pesquisadores, já antropólogos
como identidade, vão conviver e buscar entender os povos não-europeus.
O encontro entre os europeus e os demais povos do mundo resultou em mudanças. Nos primeiros
encontros, há uma visão que nós chamamos de eurocêntrica. Assinale a alternativa que relata e explica o
termo “eurocentrismo”.
 
ALTERNATIVAS
A Europa ocidental, com sua formação cristã, tendeu a conviver com os povos encontrados durante as expedições
marítimas de forma pacífica. Há uma tolerância em relação à diversidade, típica do cristianismo. Desta forma, o
eurocentrismo se tornou sinônimo de tolerância.
Mesmo tendo contato com um grande número de povos com as mais diferentes práticas e organizações, a Europa
manteve-se fiel aos seus princípios e buscou não manter contato constante com novas culturas. O termo
eurocentrismo, está ligado ao laconismo típico da Europa, à resistência à mudança e ao isolamento cultural.
A organização econômica capitalista, em sua fase mercantil, levou produtos europeus para diversas partes do
mundo. O único interesse dos ocidentais cristãos era vender seus produtos aos povos encontrados durante a
expansão marítima. Logo, eurocentrismo se justifica, no âmbito econômico, impor produtos europeus sobre os
diversos mercados mundiais.
A Europa manteve uma distância em relação às novas culturas. Ao mesmo tempo, ao conviver nos territórios
coloniais onde estabeleceu uma exploração para extrair riqueza e garantir seus interesses econômicos, os europeus
mantiveram-se distantes do convívio com nativos. Eurocentrismo é sinônimo de egoísmo, até mesmo de xenofobia.
A expansão europeia se deparou com inúmeros povos e nações, uma gama de diversidades. Contudo, a convivência
do europeu com outros povos acabou na tentativa forçada em impor seus próprios valores. Por isso, eurocentrismo é
a busca dos europeus em medir o valor, o merecimento e o nível de respeito de outras culturas através da sua,
como medida.
6ª QUESTÃO
     A formação da Sociologia está ligada ao surgimento da sociedade industrial urbana. O conhecimento
científico passa a ter, como objeto de preocupação específico, a sociedade urbana e industrial. As relações
sociais despertam uma preocupação do poder público e surge a necessidade de uma compreensão mais
racional, sustentada em uma lógica científica da sociedade e dos fenômenos sociais. Dessa forma, o que
despertou, na sociedade industrial, a necessidade de uma ciência para o estudo dos fenômenos sociais?
Assinale a alternativa que responde corretamente essa questão:
28/07/2020 Unicesumar - Ensino a Distância
4/6
ALTERNATIVAS
Os conflitos sociais se intensificaram. A violência urbana passou a ser

Crie agora seu perfil grátis para visualizar sem restrições.