A maior rede de estudos do Brasil

Grátis
81 pág.
Sismicidade - Perigo Sísmico do Brasil 13 03 2020

Pré-visualização | Página 1 de 6

1
Sismicidade: Perigo Sísmico do Brasil
Prof.: Marcelo Assumpção
PhD pela Universidade de Edinburgh, UK
Turma: 13/03/2020
www.geofast.com.br / contato@geofast.com.br
Sismicidade – Perigo Sísmico do Brasil
Professor: Marcelo Assumpção
Professor Titular da USP – Depto. de Geofísica;
PhD pela Universidade de Edinburgh, UK
1) Tremores de Terra no Brasil e em Minas Gerais
http://www.sismo.iag.usp.br
Centro de Sismologia da USP
2
Sismicidade: Perigo Sísmico do Brasil
Prof.: Marcelo Assumpção
PhD pela Universidade de Edinburgh, UK
Turma: 13/03/2020
www.geofast.com.br / contato@geofast.com.br
Sismos de magnitude > 4.7 (1962 a 2012)
Região “estável”, terrenos muito antigos…, interior de placa tectônica…
Sismos de magnitude > 4.7 (1962 a 2012)
Ceará, 1980 mag=5.2
3
Sismicidade: Perigo Sísmico do Brasil
Prof.: Marcelo Assumpção
PhD pela Universidade de Edinburgh, UK
Turma: 13/03/2020
www.geofast.com.br / contato@geofast.com.br
Sismos de magnitude > 4.7 (1962 a 2012)
RN, 1986 mag=5.1
Muitos abandonaram
a cidade
MG, 2007 mag=4.7
Bairro inteiro realocado
4
Sismicidade: Perigo Sísmico do Brasil
Prof.: Marcelo Assumpção
PhD pela Universidade de Edinburgh, UK
Turma: 13/03/2020
www.geofast.com.br / contato@geofast.com.br
Sismos de magnitude > 4.7 (1962 a 2012)
1955, mag=6.2 ! 
Há áreas
mais ativas, e
áreas menos
ativas.
Catálogo de sismos
do Brasil:
1720 a 2017
5
Sismicidade: Perigo Sísmico do Brasil
Prof.: Marcelo Assumpção
PhD pela Universidade de Edinburgh, UK
Turma: 13/03/2020
www.geofast.com.br / contato@geofast.com.br
Itacarambi, 2007
M. Claros, 2012
Magnitude x Intensidade
Acúmulo
lento (séculos) 
de tensões
geológicas
Liberação
repentina ao
atingir o limite
de resistência da 
falha/fratura
6
Sismicidade: Perigo Sísmico do Brasil
Prof.: Marcelo Assumpção
PhD pela Universidade de Edinburgh, UK
Turma: 13/03/2020
www.geofast.com.br / contato@geofast.com.br
Magnitude (Richter) relaciona-se ao
tamanho da ruptura (energia liberada)
Magnitude x IntensidadeIntensidade:
classificação dos efeitos na superfície
7
Sismicidade: Perigo Sísmico do Brasil
Prof.: Marcelo Assumpção
PhD pela Universidade de Edinburgh, UK
Turma: 13/03/2020
www.geofast.com.br / contato@geofast.com.br
Intensidade - Escala Mercalli Modificada:
I a XII graus
(1931/1956)
II Sentido levemente por poucas pessoas
IV Barulho de portas, janelas, sensação de caminhão
pesado passando perto
V Objetos caem de prateleiras
VI Trincas e pequenos danos em construções fracas
VII Danos sérios em construções fracas.
Magnitude x Intensidade
8
Sismicidade: Perigo Sísmico do Brasil
Prof.: Marcelo Assumpção
PhD pela Universidade de Edinburgh, UK
Turma: 13/03/2020
www.geofast.com.br / contato@geofast.com.br
Itacarambi, 09-12-2007 mag=4.7
Chimpliganond et al., 2010
Itacarambi, 
MG, Mag=4,7 
09-Dec-2007
Caraibas, 2007:
Bairro inteiro realocado
Intensidade VII MM
Aceleração do chão = ~ 0.1 g
9
Sismicidade: Perigo Sísmico do Brasil
Prof.: Marcelo Assumpção
PhD pela Universidade de Edinburgh, UK
Turma: 13/03/2020
www.geofast.com.br / contato@geofast.com.br
Montes Claros, 19-05-2012, 
magnitude = 4.0
Montes Claros, 19-05-2012, 
magnitude = 4.0
Intensidade VI MM
Aceleração do chão = ~ 0.05 g
10
Sismicidade: Perigo Sísmico do Brasil
Prof.: Marcelo Assumpção
PhD pela Universidade de Edinburgh, UK
Turma: 13/03/2020
www.geofast.com.br / contato@geofast.com.br
Tremores no Sudeste. Comparação da Área total sentida
2007
M 4.7
1901,1920,1935
M 4.0, 4.0, 3.7
1974
M 4.2
2012
M 4.0
Mag Dist.
5.0 250 km
4.0 60 km
3.0 15 km
M.Guaçu/Pinhal
1922 M 5.1
Ondas Sísmicas
Precisão de Localização Epicentral
11
Sismicidade: Perigo Sísmico do Brasil
Prof.: Marcelo Assumpção
PhD pela Universidade de Edinburgh, UK
Turma: 13/03/2020
www.geofast.com.br / contato@geofast.com.br
Onda P
O movimento de partícula é paralelo à direção de propagação da onda
(movimento longitudinal). Corresponde a compressão e dilatação volumétrica do
meio. É a onda com maior velocidade e a primeira a chegar (onda P).
Onda S
O movimento de partícula é transversal à direção de propagação da
onda, e pode ser polarizado tanto na vertical como na horizontal. A
velocidade da onda S é menor que a da onda P.
12
Sismicidade: Perigo Sísmico do Brasil
Prof.: Marcelo Assumpção
PhD pela Universidade de Edinburgh, UK
Turma: 13/03/2020
www.geofast.com.br / contato@geofast.com.br
05-Nov-2015: pequeno tremor (M ~2) foi sentido fortemente na
área da barragem do Fundão, Mariana, 1.5 h antes da ruptura.
BSCB
FUN1
DIAM
VAS1
Mariana 05-11-2015 mag=2.6
Distância mínima 150 km -> 
incerteza de 10 km do epicentro
BSCB
FUN1
DIAM
VAS1
13
Sismicidade: Perigo Sísmico do Brasil
Prof.: Marcelo Assumpção
PhD pela Universidade de Edinburgh, UK
Turma: 13/03/2020
www.geofast.com.br / contato@geofast.com.br
Sismograma de DIAM (Diamantina, 210km)
Z
N
E
Z
N
E
Z
N
E
Erro nas leituras de P e S -> erro nas distâncias de alguns km
Incertezas no epicentro: +- 10 km com estações regionais (RSBR).
Imprecisão nos tempos de leitura e modelo de velocidades
SeisComp3 (IASP91)
Modelo MGRJ, corr. crosta
Modelo MG
Modelo BR
BSCB
FUN1
DIAM
VAS1
Incertezas nos modelos de velocidade da crosta-> erro de vários km no epicentro
14
Sismicidade: Perigo Sísmico do Brasil
Prof.: Marcelo Assumpção
PhD pela Universidade de Edinburgh, UK
Turma: 13/03/2020
www.geofast.com.br / contato@geofast.com.br
Precisão de Localização Epicentral
Sismos regionais no Brasil
têm incerteza de ± 10 km 
no epicentro, em média.
Sismos bem registrados por
estações próximas (<50km) 
podem ter erro de ± 5 km.
Sismos registrados só por
estações distantes (> 200 
km) podem ter erro de até
± 20 km. (e.g., Amazônia)
Sismos na plataforma
(estações só de um lado) 
podem ter erro de ± 50 km 
Muito cuidado na
correlação de sismos
com Geologia!!
Predominância de falhas inversas, rasas
1 km
0.7
1.0
+
+
+
+
+
+
+
+
+
+
+
+
+
+
+
+
+
+
+
+ +
+
+ +
+
++ +
+ ++ + ++ 
+ 
+ + 
Rhythmites
Diamictites
DOMAIN I (JEQUITAÍ FM)
Marine platform with ice - pack
Jequitaí Francisco Sá Salinas
Edge of extensional basin with gravitational deposits
DOMAIN I (MACAÚBAS GROUP)
0 20 km
0
1 km
+ +
+ +
+ +
+ +
+
+ +
+ + +
+ + + +
+
+
+
+ +
+
+ + + + +
..... ............... ..... ..... ..... .......... .................... ..... ..... ..... ............... ............... ...........................................
.................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................
.......
.....................
......................................................
......................................................
.....................................................
.....................................................
...................................................
................................................................................................................................
...............................................
...............
...............................................................
.................... ...............
Uhlein (1998)Reativação de falhas normais do Brasiliano ?
15
Sismicidade: Perigo Sísmico do Brasil
Prof.: Marcelo Assumpção
PhD pela Universidade de Edinburgh, UK
Turma: 13/03/2020

Crie agora seu perfil grátis para visualizar sem restrições.