Buscar

Dp - CEA - COMPLEMENTO DE ESTRADAS E AEROPORTOS - CHACARA II - Prof º Marcus Reis

Faça como milhares de estudantes: teste grátis o Passei Direto

Esse e outros conteúdos desbloqueados

16 milhões de materiais de várias disciplinas

Impressão de materiais

Agora você pode testar o

Passei Direto grátis

Faça como milhares de estudantes: teste grátis o Passei Direto

Esse e outros conteúdos desbloqueados

16 milhões de materiais de várias disciplinas

Impressão de materiais

Agora você pode testar o

Passei Direto grátis

Faça como milhares de estudantes: teste grátis o Passei Direto

Esse e outros conteúdos desbloqueados

16 milhões de materiais de várias disciplinas

Impressão de materiais

Agora você pode testar o

Passei Direto grátis

Você viu 3, do total de 10 páginas

Faça como milhares de estudantes: teste grátis o Passei Direto

Esse e outros conteúdos desbloqueados

16 milhões de materiais de várias disciplinas

Impressão de materiais

Agora você pode testar o

Passei Direto grátis

Faça como milhares de estudantes: teste grátis o Passei Direto

Esse e outros conteúdos desbloqueados

16 milhões de materiais de várias disciplinas

Impressão de materiais

Agora você pode testar o

Passei Direto grátis

Faça como milhares de estudantes: teste grátis o Passei Direto

Esse e outros conteúdos desbloqueados

16 milhões de materiais de várias disciplinas

Impressão de materiais

Agora você pode testar o

Passei Direto grátis

Você viu 6, do total de 10 páginas

Faça como milhares de estudantes: teste grátis o Passei Direto

Esse e outros conteúdos desbloqueados

16 milhões de materiais de várias disciplinas

Impressão de materiais

Agora você pode testar o

Passei Direto grátis

Faça como milhares de estudantes: teste grátis o Passei Direto

Esse e outros conteúdos desbloqueados

16 milhões de materiais de várias disciplinas

Impressão de materiais

Agora você pode testar o

Passei Direto grátis

Faça como milhares de estudantes: teste grátis o Passei Direto

Esse e outros conteúdos desbloqueados

16 milhões de materiais de várias disciplinas

Impressão de materiais

Agora você pode testar o

Passei Direto grátis

Você viu 9, do total de 10 páginas

Faça como milhares de estudantes: teste grátis o Passei Direto

Esse e outros conteúdos desbloqueados

16 milhões de materiais de várias disciplinas

Impressão de materiais

Agora você pode testar o

Passei Direto grátis

Prévia do material em texto

Questionário 
 
 
Exercício 1 - Conforme a tabela dada abaixo, em que são conhecidas as 
áreas de corte e aterro, calcule o volumes acumulados em cada estaca. 
Considerando o fator de homogeneização do solo sendo 1,30. 
 
Exercício 2 – Em uma estrutura de pavimento composta por subleito, 
reforço do subleito, sub-base de macadame seco e base de brita 
graduada simples, sendo assim o revestimento dessa estrutura é 
composta por uma camada de binder (camada de concreto asfáltico) e 
revestimento concreto asfáltico modificado com polímero. Assinale a 
alternativa que contenha a sequência correta de aplicações da 
imprimação ou pintura de ligação para as elaboração das camadas 
descritas. 
a) Uma imprimação e uma pintura de ligação 
b) Duas pinturas de ligação 
c) Uma imprimação e duas pintura de ligação. 
d) Três imprimação 
 
 
Exercício 3 – Considere o diagrama de massas abaixo, representativo do 
transporte de material entre os pontos A1 e B2: 
Curso: Engenharia Civil 
Disciplina: Complemento de Estradas e Aeroportos 
 
Nome do aluno: RA: 
Assinatura do aluno: Turma: 
 
 
 
 
 Na representação gráfica, as áreas 1, 2, 3, e 4 valem: A1 = 45 cm²; A2 = 
22 cm²; A3 = 14 cm² e Área 4 = 24 cm². Considere que, na escala 
horizontal, 1 cm = 5 decâmetros (dam) no campo e que na escala vertical 
1 cm = 100 m³. Sabendo que o custo do transporte é de R$ 0,60 
m³xdam, calcule o custo total de transporte do trecho A1 - B2 para um 
projeto de terraplanagem? 
 
Exercício 4 – Ao longo da vida útil de cada estrutura de pavimento 
apresentará diversas manifestações de defeitos, os quais estarão 
relacionados não somente no tipo material empregado, como também ao 
tipo de resposta mecânica apresentada pela estrutura. Sendo assim, a 
base classificatória moderna de estrutura de pavimentos define se um 
determinado pavimento é rígido, flexível ou semirrígido levando em 
consideração o comportamento da estrutura como um todo frente a ação 
de cargas rodoviárias, bem como a combinação de matérias empregados 
na sub-base, base e revestimento. Sendo assim classifique-as quanto ao 
seu comportamento estrutural como sendo flexível, rígida e semirrígida. 
 
 
a) 
 
 
b) 
 H = 7,5 cm 
H = 20 cm
H = 30 cm
Resvestimento - CAUQ
Base - Brita Graduada tratada com 
cimento (BGTC)
Sub-Base - Mecadame seco (MS) 
Subleito
H = 25 cm
H = 10 cm
Subleito
Revestimento - Concreto de Cimento 
Portland 
Base - BGS 
 
 
 
c) 
 
Exercício 5 – A estabilização de solos e materiais granulares tem por 
objetivos melhorar as propriedades de materiais inadequados para 
pavimentação, aumentar a rigidez e capacidade de suporte desses 
materiais, bem como reduzir a sua impermeabilidade. A combinação de 
tais efeitos reflete em um aumento na durabilidade das estruturas de 
pavimento. Sendo assim considere as seguintes asserções sobre a 
estabilidade de matérias para pavimentação: 
I. A estabilização química está associada à utilização de um 
agente estabilizante que promove alteração nas 
propriedades do material. 
II. A brita graduada tratada com cimento (BGTC) consiste em 
um material de pavimentação obtido a partir de mistura de 
uma brita bem graduada com teores de cimento entre 3% e 
5%. 
III. A estabilização mecânica de solos está associada à 
distribuição granulométrica dos agregados, de modo a 
melhorar o empacotamento da mistura, a fim de promover 
uma maior estabilidade e densidade. 
 
a) Apenas I 
b) Apenas III 
c) Apenas I e III 
d) Apenas I e II 
e) I, II e III. 
 
 
 
 
 
Exercício 6 – Considere a ilustração a seguir de um greide 
longitudinal de um projeto rodoviário e seu respectivo diagrama de 
distribuição de massa (Diagrama de Buckner). Pede – se para 
calcular: 
 H = 7,5 cm 
H = 20 cm
H = 30 cm
Resvestimento - CAUQ
Base - Brita Graduada Simples (BGS)
Sub-Base - Mecadame seco (MS) 
Subleito
 
 
 
 
a) Volume total a ser escavado (Incluindo bota fora e empréstimos 
caso haja); 
b) Volume de bota fora e ou empréstimo; 
c) Momento total de transporte, em m³xdam (considerar eventuais 
empréstimos ou bota-foras e uma DTM de 150 m); 
 
Exercício 07 – Qual a diferença entre comportamento estrutural de 
pavimentos flexível, rígido e semirrígido? 
 
Exercício 08 - Conforme a tabela dada abaixo, em que são 
conhecidas as áreas de corte e aterro, calcule o volumes 
acumulados em cada estaca. Considerando o fator de 
homogeneização do solo sendo 1,10. 
 
Exercício 9 - Os pavimentos de concreto constituem uma solução de 
pavimentação que, a depender da espessura da placa adotado, 
 
 
possui comportamento rígido, de modo que as tensões e 
deformação chegam ao topo do subleito muito mais aliviadas, 
quando comparadas aos esforços que ocorrem em pavimentos 
flexíveis. Sendo assim, sobre os pavimentos de concreto, assinale a 
alternativa correta. 
a) Os PCCA possuem placas menos espessas em relação aos 
PCS devido à elevação taxa de armadura longitudinal 
empregada. 
b) Nos pavimentos de concreto armado(PCA) não há 
necessidade de serragem de juntas de retração pois são 
utilizadas armaduras para controle da retração. 
c) O concreto para pavimentos de concreto simples(PCS) 
deverá ser dosado para uma resistência compressão aos 28 
dias. 
d) Concretos para a utilização em PCS e pavimentos de 
concreto continuamente armados (PCCA) deverão ser 
dosados para uma resistência a tração na flexão, na idade 
especificada pelo projetista. 
e) As espessuras de placas em pavimentos de concreto armado 
(PCA) são similares ás espessuras empregadas em PCS, 
mesmo com a utilização de armaduras para resistir aos 
esforços de tração que ocorram na placa. 
 
Exercício 10 – A origem dos pavimentos intertravados remete aos 
pavimentos revestidos com pedras há quase 5000 anos a.C., evoluindo 
para o uso de pedradas talhados, resultando nos paralelepípedos e por 
fim no desenvolvimento de peças de concreto pré-fabricadas, buscando 
oferecer maior conforto ao rolamento. Sobre o processo executivo dos 
pavimentos intertravados, considere as asserções abaixo: 
I. A melhor forma de assentamento dos blocos para um melhor 
desempenho frente as deformação permanente é o assentamento 
em trama. 
II. Em relação ao formato dos blocos, quanto maior a quantidade de 
faces presentes nos blocos, melhor o Intertravamento promovido 
entre as peças. 
III. O Intertravamento adequado dos blocos é garantido, além do 
formato da peça e da forma de assentamento, pela execução 
adequado das contenções laterais e preenchimento das juntas 
com areia de assentamento. 
IV. O controle tecnológico da produção de blocos intertravados de 
concreto é feito pelo controle da sua resistência a compressão. 
 
 
 
a) Apenas I e II. 
b) Apenas III e IV. 
c) Apenas II e III. 
d) I, II, III e IV. 
e) Apenas II, III e IV. 
 
Exercício 11 – Uma passagem amostral foi realizada a fim de determinar 
o número de repetições de carga (N) do eixo padrão, cujo computo dos 
eixos e suas respectivas cargas encontram- se apresentados na tabela 
abaixo. Calcule o número N, para a referida rodovia sabendo que se trata 
de uma rodovia de pista simples, localizada em uma região chuvosas 
(Fr=1,8) e o volume diário de veículos (VDM) é de 12.000 veículos 
(unidirecional), dos quais 30% são veículos de passeio. O período de 
projeto a ser considerado é de 10 anos, com uma taxa de crescimento 
linear do VDM de 3,0% ao ano. 
 
 
 
 
Exercício 12 – Um engenheiro foi encarregado de dimensionar um 
pavimento rodoviário cujo subleito possui índice de Suporte Califórnia 
(ISC ou CBR) de 2%. Sabendo que materiais disponíveis para a 
execução da estrutura do pavimento são: reforço do subleito (solo 
granular CBR = 6%, Kn=1,0); sub-base (CBR= 20%, Ks=1,0) Base BGS 
(CBR= 80%, Kb = 1,0) e revestimento asfáltico(CBUQ, Kr= 2,0), 
dimensione as camadas que constituirão o pavimento considerando que 
o número de repetição do eixo-padrão (N) para o período de projeto 
considerado é de 7,6 x 10^7. 
 
 
 
Exercício 13 – Determine o fator de veículos médio para a classe dos 
veículos de carga (FEC, FV médio/ classe de veículos): 
 
 
 
 
 
Exercício 14 – Com base nos dados das tabelas acima, calcule o número 
N para um período de projeto de 5 anos para uma rodovia de pista dupla 
considerando que a taxa de crescimento do trafego é de 2,5% ao ano. 
 
 
 
 
 
Exercício 15 – Para fins de determinação do Número N, foi realizada uma 
passagem amostral em uma rodovia, cujos veículos comerciais foram 
separados e identificados de acordo com a classificação do manual de 
estudos de trafego de DNIT. Os dados de passagem, bem como os 
volumes diários médios (VDM) determinados a partir da contagem 
bidirecional encontram-se detalhados na tabela em anexo. Desse modo, 
fisicamente o que significa o fator de equivalência de carga? 
 
Exercício 16 – Explique a diferença entre os mecanismo de ruptura por 
resistência e por fadiga em materiais de pavimentação. 
 
Exercício 17 – Os pavimentos aeroportuários, assim como as rodovias, 
podem ser constituídos por pavimentos asfálticos ou pavimentos de 
concreto de cimento Portland, tanto nas pistas de pouso de decolagem 
como nas áreas de taxi amento e pátios de aeronaves. Desse modo 
assinale a alternativa correta sobre o projeto de pavimentos 
aeroportuários. 
a) No caso dos pavimentos aeroportuários, o efeito estrutural da 
passagem de uma aeronave é considerado o mesmo para 
pavimento flexíveis e rígidos 
b) Devido a variabilidade do posicionamento das aeronaves a cada 
pouso e decolagem, para o projeto de pavimentos aeroportuários 
trabalha- se com o conceito de cobertura que é o número 
passagens necessárias de uma determinada aeronave para que 
todos os pontos da estrutura sejam solicitados ao menos uma vez. 
c) Os pavimentos de blocos intertravados podem ser empregados 
tanto nas áreas de taxi amento e pátio de aeronaves, como nas 
pistas de repouso decolagem. 
d) A relação passagens / cobertura (P/C) é sempre a mesma para 
uma pista de repouso e decolagem, independentemente do tipo de 
aeronave considerada no projeto. 
 
 
 
 
 
Exercício 18 – Dimensionar um pavimento para uma estrada em que N = 
1,5 x 10 ^6, sabendo que o subleito apresenta CBR = 8% e que se 
dispõe de material para sub-base e base. 
 
 
 
 
 
 
 
Exercício 19 – Com base na passagem abaixo, calcule o número N de 
solicitação para um projeto de uma rodovia de pista simples de 15 anos, 
com taxa de crescimento linear (t = 1,3%), cujo VDM estimado seja de 
1500 veículos. Adote – se Fd = 1,0; Ff = 0,60; Fr = 1,8. Considere a 
contribuição dos ESRS. 
 
 
 
 
 
 
 
Resvestimento - CAUQ
Base 
Sub-Base 
Subleito
 
 
Exercício 20 - Dimensione um pavimento flexível para o N calculado 
utilizando o método da resistência (CBR), sabendo que o CBR do 
subleito é de 4% e do reforço do subleito é de 10%. Materiais disponíveis 
de revestimentos = CBUQ; Base = BGS. 
Revestimento - CAUQ 
Base 
Sub-Base 
Reforço do Subleito 
Subleito

Materiais relacionados

Perguntas relacionadas

Materiais recentes

Perguntas Recentes