A maior rede de estudos do Brasil

Grátis
6 pág.
PROVA EDUCAÇÃO E DIVERSIDADE - AVALIAÇÃO I

Pré-visualização | Página 1 de 2

Acadêmico:
	Andréia Aparecida Vieira de Oliveira (2008679)
	
	Disciplina:
	Educação e Diversidade (EDU02)
	Avaliação:
	Avaliação I - Individual FLEX ( Cod.:512903) ( peso.:1,50)
	Prova:
	20932586
	Nota da Prova:
	-
	
	
Legenda:  Resposta Certa   Sua Resposta Errada  
Parte superior do formulário
	1.
	Garantir a inclusão significa abrir a possibilidade de incluir não apenas as pessoas com alguma deficiências, mas todas as pessoas independente de sua origem, contexto social ou econômico. Nesse sentido, as primeiras tentativas da inclusão iniciaram-se na segunda metade dos anos 1980, mas foi no início da década de 1990 que o mundo da educação passou a entender esta perspectiva. Sobre o paradigma da inclusão, classifique V para as sentenças verdadeiras e F para as falsas:
(    ) Para atender a uma educação inclusiva não é necessário alterar o espaço físico. 
(    ) Todos, sem exceção, têm direito a uma educação numa concepção inclusiva.
(    ) A heterogeneidade é um dos princípios que regem a educação inclusiva.
(    ) O respeito ao tempo de aprender de cada um deve ser uma atitude não só do professor, mas dos colegas, agentes educativos e comunidade.
Assinale a alternativa que apresenta a sequência CORRETA:
	 a)
	V - F - F - V.
	 b)
	V - F - V - V.
	 c)
	F - V - V - V.
	 d)
	V - V - V - F.
	2.
	Como um reflexo da legislação vigente e da posição do Estado brasileiro com relação à garantia da cidadania, as políticas educacionais brasileiras preveem o direito à diversidade e à inclusão. Tais direitos são reforçados nos documentos que orientam a elaboração dos currículos e as práticas educacionais no país com os Parâmetros Curriculares Nacionais. Sobre o exposto, assinale a alternativa CORRETA:
	 a)
	No dia a dia nas escolas brasileiras, o acesso à educação de qualidade e sem distinção permanece cada vez mais presente nos discursos e avança em muitas práticas, pois o processo é moroso.
	 b)
	A acessibilidade não garante o direito do sujeito com deficiência, mesmo sabendo que isso não se institui uma nova forma de olhar para uma educação de qualidade.
	 c)
	O acesso à educação no Brasil, depois do acordo firmado do Fórum Internacional de Direitos das Crianças, é evidente o discurso e a preferência pelas crianças com altas habilidades.
	 d)
	Em nossas escolas brasileiras existem aspectos importantes, que evidenciam a qualidade e a permanência da criança na escola, sendo necessário privilegiar somente os menos favorecidos.
	3.
	A ética emancipatória dos direitos humanos demanda transformação social, a fim de que cada pessoa possa exercer, em sua plenitude, suas potencialidades, sem violência e discriminação. É a ética que vê no outro um ser merecedor de igual consideração e profundo respeito, dotado do direito de desenvolver as potencialidades humanas, de forma livre, autônoma e plena. Enquanto um construído histórico, os direitos humanos não traduzem uma história linear, não compõem uma marcha triunfal, e tampouco uma causa perdida. Todavia, refletem, a todo tempo, a história de um combate, mediante processos que abrem e consolidam espaços de luta pela dignidade humana (PIOVESAN, 2008). No que se refere à garantia dos direitos humanos, é necessária uma transformação social no sentido da construção de uma postura ética e da promoção da igualdade e respeito às diversidades. Sobre o exposto, classifique V para as sentenças verdadeiras e F para as falsas:
(    ) A conquista dos direitos humanos é resultado da luta de movimentos sociais que buscaram garantir o acesso de todos à cidadania.
(    ) A conquista dos direitos humanos é resultado da luta de movimentos sociais.
(    ) A conquista dos direitos humanos é resultado da luta de movimentos sociais e à cidadania
(    ) A conquista dos direitos humanos é resultado da luta de movimentos sociais, mas não é o acesso de todos à cidadania.
Assinale a alternativa que apresenta a sequência CORRETA:
FONTE: PIOVESAN, Flávia. Ações afirmativas no Brasil: desafios e perspectivas. In: Estudos Feministas. Florianópolis: Revista Estudos Feministas, 2008.
	 a)
	V - F - F - F.
	 b)
	V - V - F - F.
	 c)
	F - F - V - F.
	 d)
	F - V - V - V.
	4.
	A escola inclusiva, cujo espaço não possui campos demarcados, do tipo aqui estão os alunos "normais" e ali os "especiais" ou os "incluídos", como se escuta com frequência, põe em construção uma pedagogia que não é nem diluída, face às necessidades educacionais especiais de alguns alunos, nem extremamente demarcada ou terapêutica, em que se acaba por acentuar as distinções pessoais (BEYER, 2006, p. 75-76). Sobre as políticas de inclusão, analise as sentenças a seguir:
I- No Brasil, há uma política de inclusão que norteia esses processos nas escolas, a concepção da política inclusiva aponta para a necessidade de superar a visão excludente do sujeito com necessidades especiais. 
II- No Brasil, não há uma política de inclusão que norteia esses processos nas escolas, a concepção da política inclusiva aponta para a necessidade de superar a visão excludente do sujeito com necessidades especiais. 
III- No Brasil, há uma política de inclusão que norteia esses processos nas escolas. 
IV- No Brasil, a concepção da política inclusiva aponta para a necessidade de superar a visão excludente do sujeito com necessidades especiais.
Assinale a alternativa CORRETA:
FONTE: BEYER, Hugo Otto. Da integração escolar à educação inclusiva: implicações pedagógicas. In: BAPTISTA, Cláudio Roberto. Inclusão e escolarização: múltiplas perspectivas. Porto Alegre: Mediação, 2006, p. 75-76.
	 a)
	Somente a sentença I está correta.
	 b)
	As sentenças II e IV estão corretas.
	 c)
	As sentenças II e III estão corretas.
	 d)
	As sentenças I e II estão corretas.
	5.
	No Brasil, existe uma política de inclusão que dá uma direção, para certos processos nas escolas. A concepção da política de inclusão aponta para a necessidade de superar a visão excludente do sujeito com necessidades especiais. Para atingir alguns propósitos, a inclusão é entendida como uma forma de repensar a educação e ser transformadora na sociedade, ou seja, a inclusão é social, não é tarefa apenas para o professor em sala de aula, mas para toda a sociedade. Sobre o exposto, assinale a alternativa CORRETA:
	 a)
	A educação inclusiva deve atender a todos através de uma pedagogia voltada para a criança. Dessa forma, a inclusão é fundamental para compreender a questão da diversidade na educação.
	 b)
	A educação que busca igualdade inclusiva, permite o aluno escolher sua forma de estudar, seu jeito de entender o  mundo, e consegue fazer uma análise dos propósitos, mesmo sendo crianças e não precisando ter idade para decidir.
	 c)
	Num país que não prioriza a diversidade cultural, mesmo que supere os processos de inclusão, este processo é tarefa do educador e não da família.
	 d)
	Existe uma educação inclusiva que garante os direitos da criança, mas sabemos que a inclusão é um fator social, e depende da compreensão de cada educador para saber lidar a fatos de exclusão e inclusão social.
	6.
	Na concepção inclusiva, quando acentuamos a importância de assegurar os direitos do cidadão, nos referimos à possibilidade de incluir não só as pessoas ditas deficientes, mas todas as pessoas vistas como ?diferentes?. Diante do exposto, classifique V para as sentenças verdadeiras e F para as falsas:
(    ) A educação inclusiva tem como princípio garantir somente o atendimento das pessoas com necessidades educacionais.
(    ) O desafio da educação inclusiva é compreendê-la não somente como o acesso à escola, mas como a conquista da educação como direito de todos. 
(    ) A base para uma educação inclusiva é a valorização da diversidade como condição humana.
Agora, assinale a alternativa que apresenta a sequência CORRETA:
	 a)
	V - V - V.
	 b)
	V - V - F.
	 c)
	F - V - V.
	 d)
	V - F - F.
	7.
	Segundo Aquino (2002), há expressões que, ao serem utilizadas, mesmo que sem intenções, estão imbuídas de preconceitos e podem ferir quem recebe. Sobre exemplos de

Crie agora seu perfil grátis para visualizar sem restrições.