A maior rede de estudos do Brasil

Grátis
32 pág.
Teste de Conhecimento - CONSULTORIA E AUDITORIA DE PROCESSOS DE GESTÃO DE PESSOAS

Pré-visualização | Página 5 de 8

passa a 
operacionalizar serviços como os de treinamento, recrutamento e seleção, cargos e salários etc. 
5. Tecnicista V. Primeira fase; focada na relação entre contratação de pessoal e custos da organização. 
 
A alternativa que apresenta a correspondência correta entre cada uma das fases e suas características é: 
 
 
1-IV; 2-II; 3-V; 4-III; 5-I. 
 
 
1-V; 2-III; 3-I; 4-IV; 5-II. 
 
 
1-I; 2-IV; 3-II; 4-V; 5-III. 
 
 
1-III; 2-I; 3-IV; 4-II; 5-V. 
 
 
1-II; 2-V; 3-III; 4-I; 5-IV. 
 
 
 
 
 
7. 
 
 
 
(FUNDEP/2013/CODEMIG/ANALISTA - RECURSOS HUMANOS- ADAPTADA) 
Com relação às cinco fases evolutivas da Gestão de Pessoal, apresentadas por MARRAS (2001), é 
INCORRETO afirmar que 
 
 
a fase contábil caracterizava-se pela preocupação existente com os custos da organização. 
 
 
A Fase tecnicista vai de 1950 a 1965 e corresponde ao período em que o modelo norte-
americano de recursos humanos, fortemente influenciado pelas teorias estruturalista e 
contingencial, é implementado no Brasil. 
 
 
a fase legal registrou o aparecimento da função ¿chefe de pessoal". 
 
 
a fase administrativa foi a que implementou no Brasil o modelo americano de gestão de 
pessoal. 
 
 
na fase estratégica, registraram-se as primeiras preocupações de longo prazo por parte do 
board das empresas com seus empregados. 
 
 
 
 
 
8. 
 
¿A consultoria pode ser dividida de quatro formas diferentes: de acordo com o serviço 
ou produto oferecido, com sua estrutura, com sua abrangência, ou ainda de acordo 
com a forma de relacionamento adotada¿. Fonte: https://pt.wikipedia.org ¿ wiki ¿ 
Consultoria. 
https://simulado.estacio.br/bdq_simulados_exercicio.asp
https://simulado.estacio.br/bdq_simulados_exercicio.asp
 
Com relação à sua estrutura, a consultoria pode ser classificada em: consultoria 
artesanal, consultoria de pacote e consultoria coletiva. 
Analise as assertivas abaixo e marque a alternativa ERRADA 
 
 
A consultoria artesanal também é denominada de consultoria caso a caso 
 
 
A realização da consultoria artesanal, comparada à da consultoria de pacote, é mais rápida 
 
 
 
Na consultoria de pacote o consultor possui um modelo pré-estabelecido e o aplica a qualquer 
cliente, sem uma personalização ou individualização do serviço 
 
 
 
A principal característica da consultoria coletiva é a união dos outros dois tipos ¿ pacote e caso 
a caso ¿ resultando em menos custo, o que atraia mais a atenção das empresas com menos 
recursos 
 
 
Na consultoria artesanal o consultor usa metodologias específicas para cada empresa em que 
presta seus serviços 
 
1. 
 
 
Assinale a alternativa que apresenta adequadamente cuidados que devem ser tomados na atuação de 
um consultor externo 
 
 
Advertir o cliente sobre eventuais limitações da atuação 
 
 
Liderar as mudanças na empresa 
 
 
Elaborar contratos genéricos de atividades 
 
 
Apresentar soluções mágicas 
 
 
Adotar a postura de que esta trabalhando para o cliente. 
 
 
 
Explicação: 
Um primeiro cuidado que um profissional que desenvolve atividades de consultoria externa de adotar é o 
de especificar em contrato todas as atividades que estão sendo esperados. Isto envolve delinear bem o 
problema que será abordado e o projeto de atuação. Neste contrato deverão estar clarificados os custos, 
prazos, as informações que serão fornecidas, e as contrapartidas do consultor como relatórios, processo 
de facilitação e apoio para mudanças. 
O consultor também deve deixar claro para a empresas as eventuais limitações e dificuldades 
decorrentes do processo de consultoria e da sua situação como pessoas externa à organização. 
Durante o processo o consultor externo precisa ficar atento à sua postura ao realizar o trabalho. Deve 
preocupar-se em trabalhar em conjunto com o ciente e não adotar a postura de que está trabalhando 
¿para o cliente¿. Esta segunda postura é inadequada pois denota subordinação e nada difere dos 
empregados do cliente. O consultor externo deve adotar postura independente e colaborativa para ajudar 
o cliente a construir soluções. A subordinação torna o processo ineficaz, pois impede que o consultor 
externe opiniões que encaminhem a solução para trilhas diferentes das que o cliente imagina. 
 
 
 
 
 
2. 
 
O consultor interno concentra inúmeros objetivos e 
responsabilidades em sua atuação, mas dada a natureza 
https://simulado.estacio.br/bdq_simulados_exercicio.asp
https://simulado.estacio.br/bdq_simulados_exercicio.asp
 
empregatícia que o consultor interno mantém com as empresas 
algumas especificidades devem ser destacadas: 
I - Promover a integração a um cliente 
II - Levantar problemas de um cliente 
III - Aprimorar aprendizagem do cliente 
IV - Fazer recomendações baseadas em diagnóstico 
 
 
 
Apenas o IV está correto 
 
 
 
I, II e III estão corretos 
 
 
 
I e IV estão corretos 
 
 
 
II e III estão corretos 
 
 
 
Todos estão corretos 
 
 
 
Explicação: 
As especificidades, II é resolver problemas de um cliente e III é 
facilitar aprendizagem do cliente. 
 
 
 
 
 
3. 
 
 
São características de um consultor interno, EXCETO 
 
 
 
Catalisador de desempenho 
 
 
Capacidade de negociação. 
 
 
Manutenção do status quo 
 
 
Capacidade de assumir riscos 
 
 
Capacidade analítica 
 
 
 
Explicação: 
Manutenção do status quo 
https://simulado.estacio.br/bdq_simulados_exercicio.asp
 
 
 
 
 
4. 
 
 
¿Para um profissional ser realmente considerado um consultor empresarial, é 
necessário que ele siga certas premissas de independência, automotivação, perícia 
escrita e verbal, capacidade analítica, autenticidade e ética. Um consultor, como 
qualquer outro profissional ligado à área empresarial, deve ter como característica 
pessoal o que se chama de "CHA" no estudo da administração¿. 
Fonte: https://pt.wikipedia.org ¿ wiki ¿ Consultoria. 
Analise as alternativas abaixo e marque a que não condiz com uma das características 
do perfil de um consultor. 
 
 
O consultor deve ter a capacidade de se comunicar dentro da empresa de forma produtiva 
 
 
 
O consultor deve saber quais as melhores formas de se realizar a coleta de dados para posterior 
diagnóstico, dentro de cada tipo de organização, por isso deve ignorar as políticas e valores da 
organização, antes mesmo de iniciar seu trabalho. 
 
 
 
As habilidades do consultor devem estar focadas preferencialmente nos métodos e instrumentos 
utilizados, no compartilhamento de ideias e informações sobre a empresa, na criação de um 
clima favorável, na gestão dos recursos disponíveis e na motivação 
 
 
 
O comportamento de um consultor deve exteriorizar valores, emoções e seu conhecimento 
 
 
 
O consultor deve manter-se alinhado aos componentes da cultura organizacional de onde está 
realizando a consultoria. 
 
 
 
 
 
 
5. 
 
 
As responsabilidades do consultor interno podem ser sintetizadas em três papeis: iniciador, especialista e 
facilitador. Sobre estes pápeis é INCORRETO afirmar que 
 
 
Como iniciador cabe ao consultor interno executar tarefas básicas e operacionais do cliente. 
 
 
A atuação como facilitador exige do consultor interno de RH que ajude seu cliente a encontrar 
as soluções e resolvê-los sozinho 
 
 
O papel de iniciador não é uma atividade menor, pois os clientes são gestores organizacionais. 
 
 
Como especialista o papel do consultor é ofertar seus conhecimentos especializados para a 
solução dos problemas do cliente, 
 
 
Como iniciador cabe ao consultor interno ajudar seu cliente a encontrar as soluções e resolvê-
los 
 
 
 
 
 
https://simulado.estacio.br/bdq_simulados_exercicio.asp
https://simulado.estacio.br/bdq_simulados_exercicio.asp
6. 
 
 
O consultor interno de Recursos Humanos não é um simples 
generalista, mas um especialista em todos os processos de 
Recursos Humanos. Fazem parte das competências e 
características de um consultor interno: 
I - Ser agente de mudança 
II -

Crie agora seu perfil grátis para visualizar sem restrições.