Logo Passei Direto

A maior rede de estudos do Brasil

Grátis
1 pág.
Tabela anatomia dental Pré-molares

Pré-visualização | Página 1 de 1

Dente
	Coroa
	Margem Incisal/Oclusal
	Face Vestibular
	Face Platina/Lingual
	Faces Proximais (contato)
	Colo
	Raiz
	1º Pré-Molar Superior
	Achatada no sentido M-D. Cuboidal ou cilindroide. Cúspide vestibular maior que a lingual
	Forma de pentágono
achatado no sentido
V-L/P. Bicuspidado. Cúspide V mais alta e larga. Sulco principal termina em 2 fossetas. Crista triangular limitada por 2 sulcos secundários. Margens P convergem para L, sendo D mais inclinada
	Convexa e pentagonal. Presença de 2 sulcos
longitudinais. Vertentes com comprimento e
inclinações quase
idênticos
	Foram de losango.
Vertente M maior e mais horizontal que a
distal. Deslocamento da ponta da cúspide
palatina para a M
	Forma de trapézio
com base cervical.
Terço cervical da
face mesial pode
apresentar ligeiro
aplainamento ou
concavidade (para
papila gengival)
	Forma oval com
achatamento M-D.
Linha cervical
sinuosa,ângulo
aberto nas faces
proximais.
Sulco secundário
invade a crista
marginal da mesial
	Uni (35%), Bi(61%)
ou Trirradicular (4%). Raízes delgadas,
formato cônico-piramidal e ápices afilados, sendo a V mais longa que a L/P. Podem estar fusionadas. Raiz V curvatura para lingual e ápice para distal. Raiz V mais longa
	2º Pré-Molar Superior
	Semelhante ao 1PM, com cúspide lingual
maior
	Forma de pentágono.
Bicuspidado. Sulco
principal (M-D) no centro, mais tênue e
mais curto. Cristas marginais mais largas. Cúspides com mesma altura
	Tamanho menor ao
1PM. Vertentes menos inclinadas
	Mais alta que o 1PM
	Forma de trapézio
	Semelhante ao 1PM
	Unirradicular (95%),
cônico-piramidal, com forte achatamento M-D
	1º Pré-Molar Inferior
	Forma caniforme, cilindróide inclinada para a L
	Forma oval.
Bicuspidado. Cúspide V mais alta e bem definida. Sulco principal em forma de arco. Fossetas profundas. Pode ter ponte de esmalte. Pode ter tubérculo ou cúspide 
D-L
	Losangular, convexa
e inclinada p lingual.
Ponta da cúspide V
está no longo eixo
do dente (mas pode
estar deslocada para M). A borda D é mais curta que a M. Sulcos longitudinais menos marcados
	Presença de um
sulco secundário da
fosseta mesial.
Bossa lingual no
terço cervical bem
marcada
	Ambas convexas,
mesial podendo
apresentar-se plana
	Forma oval ou
circular, discreto
achatamento M-D
	Unirradicular, achatada na M-D e sulcada em suas faces proximais. Podendo ter bifurcação no ápice
	2º Pré-Molar Inferior
	Cuboidal. Exibe variações na face triturante resultantes da permanência de vestígios de sua molarização primitiva
	Formato circular.
Bicuspidado. Cúspides da mesma altura. Tricuspidado. Conjunto sulco principal e secundário na forma de “Y”. Sendo a cúspide mesial maior
	Losangular, convexa
e inclinada para lingual. Maior convexidade no terço cervical. Dois sulcos
longitudinais, divergentes para
oclusal
	Pode ter um sulco
secundário na
fosseta mesial
	Ambas convexas.
Mesial mais alta, larga e ligeiramente mais plana 
	Forma oval ou
circular, discreto
achatamento M-D.
Linha cervical sinuosa, mas na face lingual é quase retilínea
	Unirradicular (92%).
Achatada no sentido M-D e quase sempre desprovida de sulcos