A maior rede de estudos do Brasil

Grátis
6 pág.
ASMA

Pré-visualização | Página 2 de 2

são utilizados e os corticoides fluorados não são indicados, já que possuem uma absorção maior e um efeito mais forte e sistêmico.
 3) Quais as recomendações não farmacológicas para evitar as crises de bronquite/asma? 
	RESPOSTA: Manter a casa sempre ventilada e o quarto de dormir arejado; Usar diariamente aspirador ou pano úmido para limpar todos os cômodos; Evitar permanecer na casa durante a limpeza. Se não for possível, improvisar máscara com pano úmido; Os cobertores e roupas de lã, que ficam guardados o ano inteiro, devem ser lavados antes do uso e depois a cada 30 dias, enquanto estiverem em uso; Evitar uso de inseticidas, inclusive os espirais, spray e aparelhos elétricos repelentes; Evitar que as crianças brinquem em tapetes e, também, com brinquedos de pelúcia; Lavar sempre cortinas e evitar tapetes e carpetes nos cômodos;
4) Em que se baseia o diagnóstico da ASMA? Quais são os sinais e sintomas que podem levar ao diagnóstico?
	RESPOSTA: O diagnóstico da asma deve ser baseado em condições clínicas e funcionais. O diagnóstico clínico é dado pela presença de um ou mais dos seguintes sintomas: dispnéia, tosse crônica, sibilância, aperto no peito ou desconforto torácico, particularmente à noite ou nas primeiras horas da manhã, falta de ar. O diagnóstico funcional é dado pela espirometria, que é a medição da capacidade expiratória e inspiratória do indivíduo.
5) Com relação aos corticosteroides indicados para o tratamento da asma, é comum a ocorrência de efeitos adversos? Leve em consideração a forma como são administrados e o tipo de efeito que causam.
RESPOSTA: Não é comum já que os corticosteroides indicados são de ação rápida e local não tendo então um efeito sistêmico. Além disto, são administrados normalmente por via pulmonar (inalação), ou seja, a ação é direcionada ao máximo para os pulmões. 
6) Indique um medicamento (ou classe) que possui contraindicação importante para pacientes asmáticos. Explique porque essa contraindicação ocorre. 
RESPOSTA: É contraindicado o uso de antagonistas β-adrenérgicos não seletivos, como o propranolol. Isso porque estes medicamentos impedem a ação da adrenalina nos receptores β (sem seletividade), acarretando broncoconstrição atenuada. Se for necessário o uso de antagonistas β em paciente asmático, o médico deverá optar pelos antagonistas seletivos para que não ocorra ação em β2.
Referências
1. ANDERSON, Ross H.; AYRES, Jon G.; STURDY, Patricia M. Bronchodilator treatment and deaths from asthma: case-control study. BMJ, doi:10.1136/bmj.38316.729907.8F, 2004. 
2. IV CONGRESSO BRASILEIRO DE ASMA. Revista Asma na Emergência. Simpósio Satélite BOEHRINGER Asma na Emergência
3. ANVISA- “Fármacos que atuam no sistema respiratório”- acesso em: <http://www.anvisa.gov.br/divulga/public/livro_eletronico/Respiratorio.html >.