A maior rede de estudos do Brasil

Grátis
46 pág.
AULA 02 - ARTHROPODA E TRILOBITA (1)

Pré-visualização | Página 1 de 1

Filo Arthropoda 
Características gerais 
Subfilo Trilobita 
Profa Ana C. G. Lagôa 
FILO ARTHROPODA 
CARACTERÍSTICAS GERAIS 
 
• Gr. arthron, articulação + podos, pé; 
• 1.100.000 espécies (75%); 
• Protostômios ecdisozoários; 
• Clado Panarthropoda; 
• Pré-Cambriano; 
• 4 m (Macrocheira) a 0,1 mm (Demodex); 
– Protodonata (1 m) 
– Euriptéridos (3 m) 
• Carnívoros, herbívoros e onívoros; 
• Cosmopolitas; 
• Cutícula/exoesqueleto quitinoso (outros) 
e articulado 
 
 
 
FILO ARTHROPODA 
CARACTERÍSTICAS GERAIS 
 
• Gr. arthron, articulação + podos, pé; 
• 1.100.000 espécies (75%); 
• Protostômios ecdisozoários; 
• Clado Panarthropoda; 
• Pré-Cambriano; 
• 4 m (Macrocheira) a 0,1 mm (Demodex); 
– Protodonata (1 m) 
– Euriptéridos (3 m) 
• Carnívoros, herbívoros e onívoros; 
• Cosmopolitas; 
• Cutícula/exoesqueleto quitinoso (outros) 
e articulado 
 
 
 
Por que os 
artrópodes 
conseguiram 
atingir tamanha 
diversidade e 
abundância? 
FILO ARTHROPODA 
ARTROPODIZAÇÃO 
 
• Exoesqueleto rígido; 
• Leve e flexível; 
• Proteção; 
• Quitina, proteína 
(esclerotização) e sais 
de cálcio 
 
 
Um exoesqueleto 
versátil 
Quais as 
implicações de 
ter o corpo 
dentro de um 
exoesqueleto 
rígido? 
Limitações de movimento Limitações de tamanho 
Como resolver o problema?? 
FILO ARTHROPODA 
ARTROPODIZAÇÃO 
 
• PLACAS ARTICULADAS 
– Seções finas e flexíveis; 
– Suturas e articulações; 
 
 
Um exoesqueleto 
versátil 
FILO ARTHROPODA 
ARTROPODIZAÇÃO 
 
• PLACAS ARTICULADAS 
 
 
Um exoesqueleto 
versátil 
FILO ARTHROPODA 
ARTROPODIZAÇÃO 
 
• ECDISE OU MUDA 
– Troca periódica do exoesqueleto; 
– Apenas assim é possível crescer; 
– Crescimento em “etapas” 
Um exoesqueleto 
versátil 
FILO ARTHROPODA 
ARTROPODIZAÇÃO 
 
• ECDISE OU MUDA 
– Crescimento em “etapas” 
Um exoesqueleto 
versátil 
Pré-ecdise 
Dois exosequeletos sobrepostos 
Ecdise 
Rompimento da linha de muda 
Pós-ecdise 
Crescimento 
Deposição de fenóis na exocutícula 
Endurecimento do exoesqueleto 
Pós-ecdise 
Crescimento 
Deposição de fenóis na exocutícula 
Endurecimento do exoesqueleto 
FILO ARTHROPODA 
TAGMATIZAÇÃO 
 
• Cada metâmero possui apêndices 
próprios; 
• Especialização e fusão dos 
segmentos 
 
 
 
 
A segmentação e os 
apêndices proporcionam 
uma locomoção mais 
eficiente. 
FILO ARTHROPODA 
TAGMATIZAÇÃO 
 
• Cada metâmero possui apêndices 
próprios; 
 
 
 
 
A segmentação e os 
apêndices proporcionam 
uma locomoção mais 
eficiente. 
FILO ARTHROPODA 
APÊNDICES - MOVIMENTAÇÃO 
 
 
 
 
 
A segmentação e os 
apêndices proporcionam 
uma locomoção mais 
eficiente. 
FILO ARTHROPODA 
APÊNDICES - MOVIMENTAÇÃO 
 
 
 
 
 
A segmentação e os 
apêndices proporcionam 
uma locomoção mais 
eficiente. 
FILO ARTHROPODA 
APÊNDICES - MOVIMENTAÇÃO 
 
 
 
 
 
A segmentação e os 
apêndices proporcionam 
uma locomoção mais 
eficiente. 
FILO ARTHROPODA 
TROCAS GASOSAS 
• Respiração traqueal (terrestres); 
• Brânquias internas ou externas (aquáticos); 
• Pulmões foliáceos. 
 
 
 
 
 
Ar conduzido 
diretamente às células 
FILO ARTHROPODA 
SISTEMA NERVOSO 
 
• Cérebro; 
• Cordão nervoso ventral; 
• Gânglios. 
 
 
 
 
Órgãos sensoriais 
altamente desenvolvidos 
FILO ARTHROPODA 
SISTEMA NERVOSO 
 
• Grande variedade de órgãos sensoriais; 
 
 
 
 
Órgãos sensoriais 
altamente desenvolvidos 
FILO ARTHROPODA 
COMPORTAMENTO 
 
• Comportamento inato; 
• Comportamento aprendido. 
 
 
 
Padrões comportamentais 
complexos 
FILO ARTHROPODA 
METAMORFOSE 
 
• Sobreposição de nicho; 
• Competição intraespecífica. 
 
 
 
Uso de diferentes recursos 
através da metamorfose 
FILO ARTHROPODA 
SISTEMA CIRCULATÓRIO 
 
 
 
 
 
FILO ARTHROPODA 
SISTEMA CIRCULATÓRIO 
 
• Hemolinfa transporta nutrientes, metabólitos, etc; 
• Possui diversos amebócitos; 
• Podem conter hemocianina ou hemoglobina; 
• Pigmentos e células do sistema imune; 
• Trocas gasosas. 
 
 
 
FILO ARTHROPODA 
SISTEMA DIGESTIVO 
 
• Completo 
• Partes bucais variadas para processamento do alimento 
• Cada parte do trato digestivo tem especializações próprias 
 
 
 
FILO ARTHROPODA 
SISTEMA DIGESTIVO 
 
 
 
FILO ARTHROPODA 
SISTEMA DIGESTIVO 
 
• Intestino anterior 
– Ingestão, transporte, armazenamento e digestão mecânica do 
alimento 
 
• Intestino médio 
– Produção de enzimas, digestão química, absorção 
 
• Intestino posterior 
– Absorção de água, formação das fezes 
 
 
 
FILO ARTHROPODA 
SISTEMA EXCRETOR 
 
• Túbulos de Malpighi: surgiu de forma independente em vários 
grupos 
– Reabsorção de nutrientes (excretas nitrogenados); 
– Osmoregulação; 
– Aquáticos: principalmente amônia; 
– Terrestres: principalmente ácido úrico (junto ao intestino 
médio) 
• Glândulas coxais, antenais ou maxilares. 
 
FILO ARTHROPODA 
SISTEMA EXCRETOR 
 
 
FILO ARTHROPODA 
FILO ARTHROPODA 
QUESTÕES PARA FIXAÇÃO 
 
• Quais as limitações impostas pelo exoesqueleto rígido e quais as 
novidades evolutivas que surgem em resposta a elas? Explique 
detalhadamente 
• Descreva detalhadamente o processo de crescimento dos 
artrópodes e como difere do crescimento dos demais animais que 
não fazem parte do grupo Ecdysozoa 
• Qual a importância da tagmatização em artrópodes? Descreva as 
diferenças nesse processo entre os subfilos de Arthropoda 
• Descreva como ocorre a respiração, a circulação sanguinea, 
digestão e locomoção de artrópodes. Indique as estruturas 
envolvidas em cada etapa e em cada sistema 
• Quais as principais contribuições biológicas de Arthropoda e sua 
importância na evolução de Metazoa? 
 
 
 
 
SUBFILO TRILOBITA 
SUBFILO TRILOBITA 
CARACTERÍSTICAS GERAIS 
 
• Antes do Cambriano; 
• Extintos há 245 milhões de 
anos; 
• Detritívoros; 
• Habitantes de fundo, 
• Achatados 
dorsoventralmente; 
• 1mm a 70 cm; 
 
 
SUBFILO TRILOBITA 
CARACTERÍSTICAS GERAIS 
 
• Formato trilobado do 
corpo em uma secção 
transversal; 
• Impregnação de 
carbonato de cálcio; 
• Cabeça, tórax (nº variável) 
e pigídio; 
• Um par de antenas, olhos 
compostos, boca 
SUBFILO TRILOBITA 
CARACTERÍSTICAS GERAIS 
 
• Não existiam peças bucais 
verdadeiras 
– Hipostômio 
• Muitas pernas; 
– Birremes 
• Brânquias. 
 
 
SUBFILO TRILOBITA 
Grande 
diversidade de 
forma. 
E de cor? 
SUBFILO TRILOBITA 
ANATOMIA INTERNA 
 
Vídeo: The Trouble With Trilobites

Crie agora seu perfil grátis para visualizar sem restrições.