A maior rede de estudos do Brasil

Grátis
57 pág.
Auxiliar veterinário - Aula 4

Pré-visualização | Página 1 de 2

Aula 2 – Sistema Nervoso
Sistema Nervoso
O Sistema nervoso é formado por um conjunto de órgãos e estruturas
responsáveis pelo processamento de informações dentro do corpo de cada animal.
Função integradora: Coordenação das funções dos vários órgãos (contração e
secreção)
Função sensorial: Sensações
Função motora: Contrações musculares voluntárias ou reflexas
Função adaptativa: Adaptação do animal ao meio ambiente (sudorese, respiração)
Organização do Sistema nervoso
É a parte do organismos que transmite sinais entre as
suas diferentes partes e coordena as suas ações
voluntárias e involuntárias.
Constitui-se de duas partes principais:
Sistema Nervoso Central (SNC)
Sistema Nervoso Periférico (SNP)
Unidade básica do SN
Neurônio tem papel principal na coordenação nervosa
É um célula comum em todo o Reino animal e se assemelha a um fio
condutor de eletricidade
Possui 3 componentes:
Dendritos
Corpo Celular
Axônio
Divisão do SN
•Do ponto de vista anatômico, o 
sistema nervoso se divide em 
duas poções:
• Sistema nervoso central (SNC) –
principal
• Sistema Nervoso Periférico (SNP)
• Formado pelo encéfalo + medula espinhal
• Cérebro: É a parte mais desenvolvida do SN
Encontra-se protegido pela estrutura óssea do 
crânio. 
Possui os centros de controle motor, sensitivo, 
visual, auditivo, olfativo e gustativo. 
Também têm áreas dedicadas as funções de 
memória, aprendizado, raciocínio;
SNC
SNC – Anatomia do cérebro
ou bulbo
• Bulbo: localizados os corpos celulares de neurônios que controlam 
as funções vitais (batimentos cardíacos, tosse, deglutição, pressão 
sanguínea...)
• Cerebelo: possui centros de controle do equilíbrio e da coordenação 
de movimentos;
• Diencéfalo: contém centro da temperatura corporal, apetite, sede e 
sono
• Mesencéfalo: responsável por algumas funções como a visão, 
audição, movimento dos olhos e movimento do corpo.
• Ponte: Interfere no controle da respiração
• Corpo caloso: comunicação entre os dois hemisférios
SNC – Anatomia do cérebro
SNC – Anatomia do cérebro
ou bulbo
Medula espinhal: encontra-
se protegida pela estrutura 
óssea da coluna vertebral. 
Tem forma de H
Ao longo da medula há 31 
pares de nervos ligados à ela
SNC – Medula espinhal
Sistema nervoso periférico
• O sistema nervoso periférico é constituído pela vasta rede de 
nervos que tem início nos segmentos da medula espinhal, 
espalhando-se por todo o corpo. 
• Captam os sinais oriundos das partes mais distantes dos 
membros os conduzem ao SNC, bem como levam impulsos até 
estas mesmas regiões.
Funções corporais autônomas
Também estão sob controle do sistema nervoso as chamadas 
funções orgânicas autônomas. Estas são as funções reguladas e 
equilibradas pelo próprio organismo, de forma automática, sem que o 
animal tenha controle consciente sobre elas. Estes processos ocorrem em 
colaboração com outros órgãos e sistemas. 
Aula 2 – Sistema circulatório
Sistema cardiovascular
Este sistema anatômico está organizado em dois blocos principais. O
primeiro é a circulação sanguínea, que envolve o coração, as artérias e as
veias. O segundo é a circulação linfática, formada por um sistema de
drenagem de substâncias líquidas que auxilia na circulação geral e
também contribui com as defesas do organismo contra infecções.
Sistema cardiovascular
• Funções:
• Distribui oxigênio e remove CO2;
• Distribui nutrientes do sistema gastrointestinal para todas as células;
• Carreia as sobras do metabolismo celular para os órgãos de excreção;
• Transporta eletrólitos e hormônios;
• Mantém a temperatura corporal;
• Transporta células imunes responsáveis pelos mecanismos de defesa do 
corpo.
Vasos sanguíneos
• Artérias: levam sangue do coração a todo o corpo. Paredes 
espessas e dilatáveis.
• Veias: levam sangue do corpo ao coração. Paredes mais finas
• Capilares: lavem sangue aos tecidos para fornecer oxigênio às 
células. Ligam veias e capilares;
Veias
• As veias são vasos do sistema cardiovascular
que transportam o sangue das diversas partes
do corpo de volta para o coração.
• Sua parede é mais fina que a das artérias e,
portanto, o transporte do sangue é mais lento
• A existência de válvulas nesses vasos, faz com
que o sangue se desloque sempre em direção
ao coração
Artéria
• As artérias são vasos calibrosos, por onde passa
o sangue que sai do coração, sendo
transportado para as outras partes do corpo.
• As artérias se ramificam pelo corpo e vão se
tornando mais finas, constituindo as arteríolas,
que por sua vez se ramificam ainda mais
formando os capilares.
Capilares
• Os vasos capilares são ramificações
microscópicas de artérias e veias, que integram o
sistema cardiovascular, formando uma rede de
comunicação entre as artérias e as veias.
• Suas paredes são constituídas por uma camada
finíssima de células, que permite a troca de
substâncias (nutrientes, oxigênio, gás carbônico)
do sangue para as células e vice-versa.
Coração
• O coração é um órgão do sistema
cardiovascular que se localiza na caixa
torácica, entre os pulmões.
• Possui a função de bombear o sangue
através dos vasos sanguíneos para todo o
corpo.
• É oco e musculoso, envolvido por uma
membrana denominada pericárdio. Suas
paredes são constituídas por um músculo, o
miocárdio, sendo o responsável pelas
contrações do coração
Coração
Divisão do coração
• O miocárdio apresenta
internamente quatro cavidades:
• Duas superiores denominadas átrios
(direito e esquerdo)
• Duas inferiores denominadas
ventrículos (direito e esquerdo). Os
ventrículos possuem paredes mais
grossas que os átrios
• Artéria Aorta é vaso de maior calibre no corpo de qualquer 
animal. Origina-se no ventrículo esquerdo e partir dela derivam-
se outras artérias que conduzem o sangue pelo organismo. 
• Veia Cava Cranial é uma veia de grande calibre que recebe o 
sangue que está retornando da cabeça e dos membros 
torácicos e de parte do tórax. 
• Veia Cava Caudal: grande calibre, recebe o sangue que está 
retornando da cavidade abdominal, de outra parte do tórax, da 
região pélvica e membros pélvicos. Ambas as cavas se unem 
pouco antes de se conectar ao átrio direito do coração.
Anatomia do coração
Anatomia do coração
Anatomia do coração
Circulação sanguínea
Anatomia do coração
• A circulação sanguínea percorre dois trajetos distintos, a
pequena circulação e a grande circulação.
• A pequena circulação (circulação pulmonar) é aquela que tem
início no ventrículo direito, segue para os pulmões para a
oxigenação do sangue e retorna ao coração, chegando no átrio
esquerdo.
• A grande circulação (circulação sistêmica) inicia-se pelo
ventrículo esquerdo, indo imediatamente à artéria aorta, a partir
da qual percorre todo o corpo, ao longo de inúmeras outras
artérias, e volta pelas veias, até alcançar as veias cavas,
chegando então no coração pelo átrio direito.
Circulação sanguínea
O sangue
O sangue é um líquido viscoso, heterogêneo, composto por uma
parte líquida e uma parte globular (celular). Através dele dá-se o
transporte gases respiratórios (oxigênio e o dióxido de carbono),
resíduos metabólicos, hormônios, nutrientes, etc.
Glóbulos vermelhos (Hemácias): possuem um formato
discoide e contêm uma proteína especial, a hemoglobina. É
justamente a hemoglobina que confere ao sangue sua cor
vermelha característica. Também é ela que se liga as
moléculas de oxigênio e gás carbônico, a fim de transportá-los.
Seu tempo médio de vida é de dois meses.
Glóbulos brancos (Leucócitos): são as células da
imunidade, da defesa contra infecções e parasitas. Dividem-se
em vários subtipos como linfócitos, monócitos, eosinófilos e
neutrófilos, que cooperam ativamente na troca de informações.
Eles contam com capacidade de aprendizagem que lhes
permite reconhecer com maior eficácia um elemento
patogênico já detectado anteriormente;
O sangue
Plaquetas: são pequenos fragmentos
celulares que tem a tarefa de selar rupturas
teciduais. São acionadas por sinalizadores
liberados