A maior rede de estudos do Brasil

Grátis
3 pág.
Fisiopatologia e Dietoterapia I aula 5

Pré-visualização | Página 1 de 1

1.
		Uma das dietas mais utilizadas atualmente para tratamento da intolerância alimentar é a dieta com baixa ingestão de FODMAP. Essa dieta é composta por três fases. O objetivo da fase 1 que dura de 4 a 6 semana é:
	
	
	
	Evitar déficits nutricionais
	
	
	Curar a intolerância alimentar
	
	
	Melhorar os sintomas
	
	
	Eliminar o uso de alimentos industrializados
	
	
	Reduzir a ocorrência de reações graves como a anafilaxia
	
Explicação:
A fase 1 da dieta com baixa ingestão de FODMAP, também conhecida por fase de análise inicial dos sintomas e a ingestão de FODMAP tem como principal objetivo a melhora dos sintomas. Se após essa fase houver melhoria sintomática é assumido que os alimentos desempenham um papel no quadro clínico.
	
	
	
	 
		
	
		2.
		Atualmente qual é a única forma aceita para tratar e prevenir a alergia alimentar?
	
	
	
	Administração de prebióticos e probióticos
	
	
	Administração de vacinas
	
	
	Controle de exposição a alérgenos.
	
	
	Controle alimentar da gestante/lactante
	
	
	Administração de anticorpos específicos
	
Explicação:
O tratamento recomendado até o momento para as alergias alimentares é a restrição absoluta do alimento responsável, ou seja, o controle de exposição à alérgenos. Mas, devido à chance de reações graves poderem acometer os indivíduos mais sensibilizados, alguns novos planos terapêuticos tem sido estudados para melhor controle das alergias alimentares, no entanto nenhum deles foi estabelecido como definitivo.
	
	
	
	 
		
	
		3.
		Sobre intolerância e alergia alimentar, é correto afirmar:
	
	
	
	a alergia alimentar é uma reação adversa aos alimentos, que acontece em pessoas geneticamente susceptíveis, e depende de mecanismos imunológicos
	
	
	Intolerância alimentar é uma reação adversa aos alimentos, que envolve o sistema imunológico
	
	
	a intolerância alimentar é a única forma de intolerância alimentar
	
	
	O controle da exposição à alérgenos alimentares não é recomendada para tratar e prevenir a alergia alimentar
	
	
	a alergia alimentar é uma reação fisiológica
	
Explicação:
a alergia alimentar é uma reação adversa aos alimentos, que acontece em pessoas geneticamente susceptíveis, e depende de mecanismos imunológicos
	
	
	
	 
		
	
		4.
		A alergia alimentar é uma reação patológica do sistema imune, desencadeada pela ingestão de um alérgeno alimentar. Como podemos definir um alérgeno alimentar?
	
	
	
	Qualquer alimento que contenha lactoalbumina
	
	
	Qualquer carboidrato que quando ligado à alguma proteína alimentar cause reação no sistema imunológico
	
	
	Qualquer substância capaz de estimular uma resposta de hipersensibilidade, isto é, capazes de estimular a resposta imunológica humoral (IgE) ou celular
	
	
	Qualquer alimento que, ao ser ingerido, provoque algum sintoma gastrointestinal
	
	
	Qualquer substância que quando fermentada leva ao aparecimento de sintomas como dor abdominal, flatulência e diarreia
	
Explicação:
Os alérgenos alimentares são na sua maior parte representados por glicoproteínas hidrossolúveis, termoestáveis e resistentes à ação de ácidos e de proteases com peso molecular entre 10 e 70 kDa. Alérgeno pode ser definido como qualquer substância capaz de estimular uma resposta de hipersensibilidade, isto é, capazes de estimular a resposta imunológica humoral (IgE) ou celular.