A maior rede de estudos do Brasil

Grátis
2 pág.
Exemplos - Juros Simples e Compostos

Pré-visualização | Página 1 de 1

EXEMPLOS - JUROS SIMPLES E COMPOSTOS 
Primeiramente, devemos lembrar que os juros simples são contabilizados 
somente sobre o capital inicial emprestado; e que os juros compostos são 
calculados sobre o capital iniciado acrescido dos juros acumulados até o 
momento. 
Matematicamente, sendo J os juros, C o capital inicial (valor que foi 
emprestado), M o montante final (valor a ser pago considerando os juros), i a 
taxa de juros por período e t a quantidade de períodos, tem-se que: 
• Nos juros simples: 
( )1
J C i t
M C J
M C i t
=  
= +
=  + 
 
• Nos juros compostos: 
( )1
t
M C i
J M C
=  +
= −
 
Para exemplificar o “poder dos juros compostos”, considere um empréstimo 
de R$ 10.000,00, com juros de 1% ao mês cujo pagamento será realizado após 
60 meses (5 anos). Considerando juros simples, temos que: 
( )( ) ( )
( )( ) ( )
R$ 10.000,00 1% 60
R$ 10.000,00 0,01 60
R$ 6.000,00
R$ 10.000,00 R$ 6.000,00
R$ 16.000,00
J
J
M
M
= 
= 
→ =
= +
→ =
 
 
 
Por sua vez, considerando juros compostos: 
( ) ( )
( ) ( )
( ) ( )
60
60
60
R$ 10.000,00 1 1%
R$ 10.000,00 1 0,01
R$ 10.000,00 1,01
R$ 18.166,97
R$ 18.166,97 R$ 10.000,00
R$ 8.166,97
M
M
J
J
=  +
=  +
= 
→ =
= −
→ =
 
Logo, para o exemplo em questão, nota-se que os juros foram 
R$ 8.166,97
36,11% 1
R$ 6.000,00
 
= − 
 
 superiores no caso dos juros compostos, 
evidenciando o impacto da diferença entre as formas de contabilizar os juros.