Logo Passei Direto

A maior rede de estudos do Brasil

Grátis
27 pág.
EXERCICIOS BIBLIA

Pré-visualização | Página 1 de 6

1. Exercício de reflexão Unid.I - 01
Antropologia da Religião (GO0920)
	INICIADO EM
	terça, 1 Set 2020, 18:02
	ESTADO
	Finalizada
	CONCLUÍDA EM
	terça, 1 Set 2020, 18:45
	TEMPO EMPREGADO
	42 minutos 45 segundos
	AVALIAR
	Ainda não avaliado
Parte superior do formulário
Questão 1
Completo
Vale 1,00 ponto(s).
Marcar questão
Texto da questão
Vamos fazer o seguinte exercício reflexivo: primeiro, traga à memória um ritual indígena interessante que alguma vez já te chamou atenção, e te encantou pela beleza dos detalhes. Depois, olhe para a figura ao lado, e pense nos atabaques tocando em um terreiro de candomblé. Agora, responda, qual das duas atribuímos mais facilmente ao demônio e qual atribuímos a uma mera manifestação cultural da fantasia humana? (150 palavras)
Com certeza a figura dos atabaques do terreiro de candomblé nos remete mais facilmente ao demônio e um ritual indigna nós atribuímos mais a uma cultura, uma arte da fantasia humana, isso porque não temos tanto conhecimento sobre, mas tanto um ou outro virão em sua defesa dizendo que é uma cultura da raça humana, mas ambos invocam os deuses deles , querendo ou não nos remete a algo que não vem de Deus, mais algo tipo um ritual, uma liturgia dedicado aos seus deuses que não deixa de ser uma cultura que aprenderam dos seus ancestrais, mas que em seus conceitos e valores acham que não estão prejudicando ninguém e nem mesmo fazendo mal a ninguém, mas como nosso brasil é laico e temos o direito de ir e vir o culto é liberado e permitido a qualquer um, não podemos discrimina-los e nem mesmo ser preconceituosos ao ponto de julga-los.
Feedback
Reação:
A relação entre as religiões afro-descentes e o demônio não são novas, ela vem de longe em nossa cultura. Como exemplo, citemos a exploração do tema por algumas igrejas neopentecostais que, como parte de suas estratégias de atuação, demonizam essas religiões a fim de se colocarem como seu contraposto. Os constantes discursos reforçam uma pré-disposição em nossa aproximação, pré-disposição que começamos a perceber quando comparamos com outras reações (por exemplo, frente à religião do indígena). A antropologia, enquanto um exercício de consideração do outro, pode nos ajudar a perceber essa relação tanto ao nos mostrar o que está implícito em nosso olhar quanto fornecendo novas lentes para nossa compreensão das diferentes formas do fenômeno religioso.
Antropologia da Religião (GO0920)
	INICIADO EM
	segunda, 7 Set 2020, 19:36
	ESTADO
	Finalizada
	CONCLUÍDA EM
	segunda, 7 Set 2020, 19:37
	TEMPO EMPREGADO
	36 segundos
	NOTAS
	1,00/1,00
	AVALIAR
	10,00 de um máximo de 10,00(100%)
Parte superior do formulário
Questão 1
Correto
Atingiu 1,00 de 1,00
Marcar questão
Texto da questão
“Não existe alternativa: ou construímos o futuro juntos, ou não haverá futuro. As religiões, de modo especial, não podem renunciar à urgente tarefa de construir pontes entre os povos e as culturas [...] Nossas tradições religiosas são uma fonte necessária de inspiração para fomentar a cultura do encontro, é fundamental a cooperação inter-religiosa, baseada na promoção de um diálogo sincero e respeitoso”.
Papa Francisco, disponível em: https://www.vaticannews.va/pt/papa/news/2019-11/papa-francisco-inter-religioso-argentina.html
Pensando na tarefa de promoção de um diálogo sincero e respeitoso, quais são algumas das possíveis contribuições da antropologia?
Escolha uma:
a. Mostrar que a religião não passa de uma fantasia, e que, desde os primórdios da humanidade, não passa de uma mera projeção de emoções confusas.
b. Contribuir para formação de um bom entendimento do fenômeno religioso, possibilitando a compreensão de que todas as religiões são iguais.
c. Possibilitar que as religiões articulem uma compreensão mais abrangente do fenômeno religioso, bem como pontuar as diferentes formas de sua manifestação e particularidades. 
Feedback
Sua resposta está correta.
Reação: Como já observamos, a antropologia se coloca diante da diversidade. Ela não tem por objetivo reduzir a diversidade, apagando as diferenças. Ao contrário, a antropologia se coloca em alerta frentes a grandes generalizações, apontando sempre para a necessidade de análise dos fenômenos particulares. Assim, analisando diferentes religiões e construindo ferramentas de compreensão comuns, a antropologia tanto aproxima quanto faz ver a diversidade. Em sua fala o Papal Francisco faz referência às “tradições” das diferentes religiões, indicando o ponto de partida de cada religião. A antropologia pode nos ajudar a definir melhor nossos pontos de partida e explorar as possibilidades de aproximação e diálogo com o outro através de ferramentas que nos proporcionem um melhor olhar para o outro.
A resposta correta é: Possibilitar que as religiões articulem uma compreensão mais abrangente do fenômeno religioso, bem como pontuar as diferentes formas de sua manifestação e particularidades..
Parte inferior do formulário
1. Exercício de fixação Unid.I - 03
Antropologia da Religião (GO0920)
	INICIADO EM
	segunda, 7 Set 2020, 20:57
	ESTADO
	Finalizada
	CONCLUÍDA EM
	segunda, 7 Set 2020, 20:57
	TEMPO EMPREGADO
	30 segundos
	NOTAS
	1,00/1,00
	AVALIAR
	10,00 de um máximo de 10,00(100%)
Parte superior do formulário
Questão 1
Correto
Atingiu 1,00 de 1,00
Marcar questão
Texto da questão
Sobre o valor do método antropológico para o sistema geral de nossa cultura e educação, de maior importância é seu poder de nos fazer compreender as raízes que deram origem à nossa civilização, de nos incutir o valor relativo de todas as formas de cultura e de assim servir como uma restrição a uma avaliação exagerada do nosso período, que tendemos a considerar como a meta final da evolução humana.
Adaptado de: Franz Boas, A formação da antropologia americana (antologia). Rio de Janeiro: Contraponto, Editora UFRJ, 2004, p. 57
Sobre o relativismo cultural de Franz Boas enquanto um método antropológico podemos afirmar que:
I.Deve ser compreendido em sua contraposição ao evolucionismo cultural, que propunha um grandioso sistema de evolução, válido para toda a humanidade.
II.Propõe que, em lugar de uma simples linha de evolução, aparece uma multiplicidade de linhas (convergente e divergentes) difíceis de serem unidades em um sistema.
III.Aponta para a necessidade do antropólogo se resguardar contra o etnocentrismo, que é a tendência de colocar a visão de determinado grupo como a mais importante.
Estão corretas as alternativas:
Escolha uma:
a. Todas são corretas 
b. Todas são falsas
Feedback
Sua resposta está correta.
Reação: Devemos nos atentar para o fato de que relativismo cultural não é a mesma coisa que relativismo moral, pois são duas abordagens distintas. Em relação a antropologia o método se contrapõe a uma visão que coloca uma linha evolutiva supra-cultural como critério de valoração das culturas, enfatizando a contingência na qual as diferentes culturas estão envolvidas. Esse método pode impor questões reflexivas para o pensamento moral e ético, porém, trata-se de uma reflexão que vai além do âmbito da antropologia.
A resposta correta é: Todas são corretas.
Parte inferior do formulário
1. Exercício de aplicação Unid.I - 04
Antropologia da Religião (GO0920)
	INICIADO EM
	quarta, 16 Set 2020, 23:00
	ESTADO
	Finalizada
	CONCLUÍDA EM
	quarta, 16 Set 2020, 23:00
	TEMPO EMPREGADO
	9 segundos
Parte superior do formulário
Questão 1
Correto
Atingiu 1,00 de 1,00
Marcar questão
Texto da questão
Porque o que faço não o aprovo; pois o que quero isso não faço, mas o que aborreço isso faço. E, se faço o que não quero, consinto com a lei, que é boa. De maneira que agora já não sou eu que faço isto, mas o pecado que habita em mim. Porque eu sei que em mim, isto é, na minha carne, não habita bem algum; e com efeito o querer está em mim, mas não consigo realizar o bem. Porque não faço o bem que quero, mas o mal que não quero esse faço. Ora, se eu faço o que não quero, já o não faço eu, mas o pecado que habita em mim. (Romanos 7:15-20)
De outro lado, no entanto, vemos esse Eu como uma pobre criatura
Página123456