Logo Passei Direto

A maior rede de estudos do Brasil

Grátis
4 pág.
Atividade

Pré-visualização | Página 1 de 1

1.
		As péssimas condições de vida e de trabalho são o retrato das contradições entre o tradicional e o moderno no Brasil. O mandonismo patriarcal do passado permanece no tratamento ao operariado em formação. Podemos apontar com fatores que contribuíram para a emergência do movimento operário brasileiro:
	
	
	
	a chegada de imigrantes italianos e o êxodo rural.
	
	
	 
		
	
		2.
		Diante dessa intensa exploração, os trabalhadores rurais se mobilizaram e criaram as Ligas Camponesas e os Sindicatos Rurais como formas de luta contra a opressão do Capital no campo. Diferentemente dos movimentos messiânicos ou do banditismo social, as Ligas Camponesas:
	
	
	
	apresentaram uma forte politização e objetivos claros contra a exploração dos coronéis, a reivindicação de direitos trabalhistas, a reforma agrária, entre outros.
	 
		
	
		3.
		¿(...) O clima de insatisfação persistiu e em 1924 outros oficiais do Exército protestaram em São Paulo contra o mandonismo oligárquico. Em pouco tempo diversas revoltas eclodiram pelo país, como em Sergipe, Amazonas e Rio Grande do Sul. Apesar da forte repressão, o movimento cresce em São Paulo, e no Rio Grande do Sul. Assim, duas milícias paramilitares são formadas contra a velha política das oligarquias.¿ Esse movimento social ficou especialmente conhecido como:
	
	
	
	coluna Preste-Miguel Costa.
	
	 
		
	
		4.
		Sob a inspiração do socialismo soviético, o movimento operário no Brasil cresceu e fundou:
	
	
	
	o partido comunista do Brasil (PCB) em 1922.
	
	
	 
		
	
		5.
		Diante do quadro de miséria e degradação, os trabalhadores de São Paulo se mobilizam e deflagram diversas greves. A reação do governo foi violenta e o operário José Martinez é assassinado pelos soldados que atiraram contra os manifestantes. Este foi o estopim para que fosse deflagrada a Primeira Greve Geral do Brasil:
	
	
	
	em 14 de julho de 1917
	
	
	 
		
	
		6.
		Depois da revolução constitucionalista de 1930, Getulio Vargas toma as seguintes medidas:
	
	
	
	Centraliza o poder no Executivo Federal, fecha o Congresso nacional e as Assembleias Estaduais; reduz as forças policiais e indica interventores nos Estados.
	
	 
		
	
		7.
		. Em 5 de julho de 1922, no forte de Copacabana no Rio de Janeiro, jovens tenentes iniciam o levante, que contou com cerca de 300 tenentes. Entretanto, diante da violenta repressão federal, apenas 17 rebeldes continuaram. Eles saíram à rua e com o apoio de um civil (Octávio Correa) enfrentaram as tropas federais. Apenas dois rebeldes sobreviveram: Siqueira Campos e Eduardo Gomes. Este episódio ficou especialmente conhecido como:
	
	
	
	os 18 do forte.
	 
		
	
		8.
		Em 5 de junho de 1935, Prestes lançou um manifesto em favor de uma revolução socialista no Brasil. Imediatamente Vargas determinou o fechamento da ANL. O Partido Comunista do Brasil respondeu a esta medida com levantes militares em Natal, Recife e Rio de Janeiro. Entretanto, a revolução foi vencida pelas forças federais e ficou conhecida especialmente como:
	
	
	
	intentona comunista.
	
	
		1
        Questão
	
	
	¿A Coluna Prestes tendo adotado a tática de guerra de movimento não só garantiu a própria sobrevivência em condições que lhe eram extremamente desfavoráveis, como se transformou num exército com características populares cuja marcha pelo Brasil foi decisiva para que se mantivesse acesa a chama da revolução tenentista¿ (Anita Leocádia |Prestes). http://professor.bio.br/historia A luta da Coluna Preste e dos demais movimentos tenentistas era dirigida contra:
		
	 
	a política oligárquica.
	 
		2
        Questão
	
	
	O AI- 5 aniquilou qualquer possibilidade de oposição legal ao regime militar no Brasil. Isso fez com que os movimentos sociais em favor da volta da democracia fossem considerados clandestinos e marginais pelo governo. Assim, grupos armados paramilitares se formaram para lutar contra a ditadura militar. Eram as chamadas Guerrilhas Urbanas e Rurais. As suas principais formas de resistência foram:
		
	 
	assaltos a banco, roubos de armas e libertação de companheiros presos.
	 
		3
        Questão
	
	
	Diante do quadro de miséria e degradação, os trabalhadores de São Paulo se mobilizam e deflagram diversas greves. A reação do governo foi violenta e o operário José Martinez é assassinado pelos soldados que atiraram contra os manifestantes. Este foi o estopim para que fosse deflagrada a Primeira Greve Geral do Brasil com cerca de 70 mil trabalhadores participaram da greve e colocou definitivamente o Movimento Operário Brasileiro no contexto da luta de classes em:
		
	 
	em 14 de julho de 1917.
		4
        Questão
	
	
	Complete as lacunas: "Com a chegada de imigrantes italianos e o _________ no final do século XIX aglutina-se um grande número de trabalhadores nas cidades. As péssimas condições de vida e de trabalho e o ____________ no tratamento ao operariado são os combustíveis para a formação das primeiras __________".
		
	 
	Êxodo rural; mandonismo patriarcal; Ligas Operárias
	
	 
		5
        Questão
	
	
	O latifúndio e a intensa exploração dos trabalhadores rurais dão origem às lutas no campo, que na década de 50 conduzem:
		
	 
	as Ligas Camponesas e os Sindicatos Rurais.
	 
		6
        Questão
	
	
	A intentona comunista foi uma resposta à:
		
	 
	Ao avanço do fascismo no Brasil
	 
		7
        Questão
	
	
	O golpe militar de 1964 no Brasil extinguiu diversas garantias e liberdades individuais sob o pretexto de combater a ameaça comunista e superar a crise econômica. Anunciada como temporária, a ditadura militar permaneceu até 1984. O principal instrumento de governo foram:
		
	 
	os atos institucionais, que tinham força de Emendas Constitucionais.
	
	 
		8
        Questão
	
	
	O golpe militar extinguiu diversas garantias e liberdades individuais sob o pretexto de combater a ameaça comunista e superar a crise econômica. Anunciada como temporária, a ditadura militar permaneceu até 1984. Enquanto isso na França, em maio de 1968, estudantes protestam contra o sistema de ensino. O movimento ganhou força e se tornou uma revolta contra o status quo de conservadorismo político. Paris foi tomada por diversas manifestações. Mesmo sofrendo violência policial, os estudantes ofereciam flores aos soldados. Inspirados no movimento hippie, o principal modo de ação coletiva era o pacifismo em defesa da liberdade. Pode ser identificado como um dos lemas principais do movimento de maio de 1968:
		
	 
	sejamos realistas. Exijamos o impossível!