Logo Passei Direto

A maior rede de estudos do Brasil

Grátis
7 pág.
Legislação e Segurança do Trabalho

Pré-visualização | Página 1 de 3

Legislação e Segurança do Trabalho 
 
A intensidade de um ruído não constitui a única causa que determina a sua periculosidade, a 
duração do tempo de exposição também é muito importante. Para considerar este fator, são 
empregados níveis médios de som ponderados em função da sua duração. O ruído de 85 
dB(A) é destacado pela NR15. Sobre este valor de ruído tão importante, classifique V para as 
sentenças verdadeiras e F para as falsas: 
 
( ) A máxima permissão diária para este ruído é de 8 horas. 
( ) É um ruído que representa o Nível de Ação pela NR15. 
( ) Acima deste ruído, podemos dizer que a condição exposição é insalubre. 
( ) Esse nível de ruído representa o Limite de Tolerância pela NR15. 
( ) Acima deste ruído é recomendável o uso de protetor auricular. 
 
Assinale a alternativa que apresenta a sequência CORRETA: 
F - V - F - F - F. 
V - F - V - V - V. 
F - F - V - F - V. 
V - V - V - F - V. 
 
 A NR5 traz a obrigatoriedade da formação da Comissão Interna de Prevenção de 
Acidentes - CIPA - e traz algumas especificações, inclusive a necessidade de esta comissão 
receber um treinamento mínimo para realizar suas atribuições referentes à prevenção e aos 
tratamentos de situações de risco dentro das empresas. Qual deverá ser a carga horária para o 
treinamento dos cipeiros (pessoas que integram essa comissão)? 
Dez horas. 
Vinte horas. 
Quinze horas. 
Trinta horas. 
 
Em sua maioria, os acidentes de trabalho são evitáveis, bastando a adoção de simples 
medidas, como o uso de equipamentos de proteção individual (fornecidos obrigatoriamente 
pelas empresas). Grande parte dos trabalhadores não faz uso desses equipamentos, com 
destaque para o ramo da construção civil. No entanto, a maioria dos acidentes evitáveis é 
motivada pela falta de atenção dos próprios trabalhadores. Com relação às principais causas 
consideradas na ocorrência dos acidentes do trabalho, analise as sentenças a seguir: 
 
I- Atos inseguros residem exclusivamente no fator humano, isto é, aqueles que decorrem da 
execução de tarefas de forma contrária às normas de segurança. 
II- O fator pessoal de insegurança é inerente ao comportamento humano, ou seja, do próprio 
trabalhador, mas que contribui somente com fatores pessoais de acidentes, e não é levado em 
conta na ocorrência de um acidente de trabalho. 
III- Condições inseguras, quando presentes no local de trabalho, colocam em risco a 
integridade física e mental do trabalhador, devido à possibilidade deste se acidentar. 
 
Assinale a alternativa CORRETA: 
As sentenças II e III estão corretas. 
Somente a sentença I está correta. 
As sentenças I e III estão corretas. 
As sentenças I e II estão corretas. 
 
O mapeamento de risco realizado com base em técnicas de análise de risco é fundamental, 
para que se conheçam os perigos existentes em uma planta industrial. A atividade de 
mapeamento de risco deve utilizar técnicas qualitativas e quantitativas de análise. Com relação 
às técnicas de análise qualitativas e quantitativas, assinale a alternativa CORRETA: 
 
FONTE: Disponível em: . Acesso em: 28 jun. 2018. 
Estas técnicas levam em consideração somente a probabilidade de ocorrência como a 
amplitude da consequência, traduzindo os perigos encontrados em potências de risco 
mensuráveis. 
Estas análises devem estar adequadas ao risco, e como os riscos são específicos para cada 
empresa, não tem como definirmos uma análise padrão para um determinado tipo de risco. 
As técnicas de análise de riscos mais conhecidas são: HAZOP (Hazard Operation), FMEA 
(Failure Mode and Effects Analysis), Detecção analítica de falhas (Kepner & Tregoe method), 
entre outras, além de uma série de software de análise de amplitudes de consequência. 
Essas análises não permitem que sejam aplicados recursos apenas onde são necessários, 
aumentando, dessa forma, os custos globais com as medidas mitigadoras de risco. 
 
 De acordo com a NR 5 do Ministério do Trabalho e Emprego (MTE), a Comissão 
Interna de Prevenção de Acidentes (CIPA) tem como objetivo a prevenção de acidentes e 
doenças decorrentes do trabalho, de modo a tornar compatível permanentemente o trabalho 
com a preservação da vida e a promoção da saúde do trabalhador. Sobre o exposto, analise as 
sentenças a seguir: 
 
I- Devem constituir CIPA, por estabelecimento, e mantê-la em regular funcionamento, as 
empresas privadas e públicas, as sociedades de economia mista, os órgãos da administração 
direta e indireta, as instituições beneficentes, as associações recreativas e as cooperativas. 
II- O treinamento do integrante da CIPA em primeiro mandato será realizado no prazo máximo 
de 30 dias, contados a partir da data da posse do trabalhador. 
III- As reuniões ordinárias da CIPA serão realizadas durante o expediente normal da empresa e 
em local apropriado. 
IV- O mandato dos membros eleitos da CIPA terá a duração de dois anos, permitida uma 
recondução ao cargo. 
V- A CIPA será composta exclusivamente por representantes dos empregados. 
 
Assinale a alternativa CORRETA: 
 
FONTE: http://trabalho.gov.br/images/Documentos/SST/NR/NR5.pdf. Acesso em: 31 mar. 
2020. 
As sentenças I, II e III estão corretas. 
As sentenças I, II e IV estão corretas. 
As sentenças I, III e IV estão corretas. 
As sentenças II, III, IV e V estão corretas. 
 
 O principal problema de se trabalhar em grandes altitudes é a diminuição da 
quantidade de oxigênio disponível à respiração, ou seja, o trabalhador pode sentir dificuldade 
em respirar. À medida que subimos, a atmosfera torna-se menos densa, e a pressão 
atmosférica diminui. A 5.000 m de altitude, qual a quantidade de oxigênio disponível para 
nossa respiração, em um percentual com relação ao nível do mar? 
É de 75%. 
É de 25%. 
É de 15%. 
É de 50%. 
 
 A comissão interna de prevenção de acidentes ou simplesmente CIPA, trata-se de uma 
comissão paritária constituída por representantes dos empregados (eleitos em escrutínio 
secreto) e dos empregadores (designados pelo empregador), que atua na promoção à 
segurança e saúde dos trabalhadores. A Comissão Interna de Prevenção de Acidentes - CIPA - 
é regulamentada pela norma regulamentadora nº 05, aprovada pela Portaria nº 3.214, de 08 de 
junho de 1978 e atualizada pela Portaria SIT nº 247, de 12 de julho de 2011 do Ministério do 
Trabalho e Emprego - MTE. Quanto à finalidade e à composição da Comissão Interna de 
Prevenção de Acidentes (CIPA), analise as afirmativas a seguir: 
 
I- A CIPA é formada por representantes da empresa e representantes eleitos dos empregados. 
II- Essa comissão tem por finalidade o estímulo à prevenção dos acidentes por meio de 
sugestões, orientações e fiscalização das medidas para proteger os trabalhadores. 
III- O número de empregados necessários para constituir a CIPA depende da direção da 
empresa. 
IV- Todos os empregados, mesmo os que não integram a CIPA, podem participar das reuniões, 
indicando as situações de riscos e apresentando sugestões para melhorar as condições de 
trabalho. 
 
Assinale a alternativa CORRETA. 
As afirmativas I, II e IV estão corretas. 
As afirmativas II, III e IV estão corretas. 
Somente a afirmativa I está correta. 
Somente a afirmativa III está correta. 
 
 O auxílio-acidente consiste em um benefício previdenciário que é pago mensalmente 
ao segurado empregado (exceto o doméstico), ao trabalhador avulso e ao segurado especial, 
conforme art. 18, da Lei nº 8.213/91, após a consolidação das lesões decorrentes de acidente 
de qualquer natureza. O auxílio-acidente é o único benefício previdenciário que possui 
natureza jurídica indenizatória. Sobre o auxílio-acidente, analise as sentenças a seguir: 
 
I- Auxílio-acidente é o benefício a que têm direito os segurados quando sofrem um acidente do 
qual resultam sequelas que diminuem permanentemente a capacidade de trabalho. 
II- Pelo fato de o auxílio-acidente ser cumulativo, ou seja, pode ser percebido com outros 
benefícios da previdência, este não deixa de ser pago quando o trabalhador se aposenta, pois, 
nesse caso, ele integra
Página123