A maior rede de estudos do Brasil

Grátis
5 pág.
Analise de Conjuntura e Risco 1

Pré-visualização | Página 1 de 2

· Pergunta 1
1 em 1 pontos
	
	
	
	Segundo Argentini (2013, p. 316), “Uma crise é uma catástrofe séria que pode ocorrer naturalmente ou como resultado de erro humano, intervenção ou até mesmo intenção criminosa. Pode incluir devastação tangível, como a destruição de vidas ou ativos, ou devastação intangível, como ___________________________ ou outros danos de reputação”.
 
ARGENTINI, P. A. Comunicação empresarial: a construção da identidade, imagem e reputação. 6. ed. Rio de Janeiro: Elsevier, 2013.
 
Sobre a devastação intangível trazida na citação, assinale a alternativa que preencha corretamente a lacuna.
	
	
	
	
		Resposta Selecionada:
	 
A perda de credibilidade.
	Resposta Correta:
	 
A perda de credibilidade.
	Feedback da resposta:
	Resposta está correta. A alternativa está correta. A perda de credibilidade é uma devastação intangível e, muitas vezes, incontrolável. É algo construído ao longo do prazo. Em razão disso, a empresa precisa estar preparada para a incerteza e os riscos do futuro, a fim garantir a credibilidade e ter segurança.
	
	
	
· Pergunta 2
1 em 1 pontos
	
	
	
	Sabe-se que a comunicação é relevante para controlar uma crise de uma corporação. Essa comunicação precisa ser tanto internamente quanto externamente. Isso em razão de que externamente têm-se clientes, fornecedores, mídia, já internamente, colaboradores e líderes, que precisam estar preparados para passar informações.
 
ARGENTINI, P. A. Comunicação empresarial: a construção da identidade, imagem e reputação. 6. ed. Rio de Janeiro: Elsevier, 2013.
 
Assinale a alternativa correta que se enquadre em um dos passos da comunicação durante a crise.
 
	
	
	
	
		Resposta Selecionada:
	 
Coleta do máximo de informações possível.
	Resposta Correta:
	 
Coleta do máximo de informações possível.
	Feedback da resposta:
	Resposta está correta. A alternativa está correta. Coletar o máximo de informações possível se enquadra na compreensão do problema que se tem nas mãos e é o ponto de partida correto para que os comunicadores comecem a lidar com a crise. Trata-se de um passo muito importante para qualquer corporação que queira se preparar para incertezas.
	
	
	
· Pergunta 3
0 em 1 pontos
	
	
	
	Todas as empresas precisam ter um plano para crises, principalmente crises de comunicação empresarial. Diante disso, profissionais especializados na comunicação empresarial precisam ter uma iniciativa de brainstorming e unir líderes e especialistas de diversos segmentos e setores com maiores chances para preparar um plano para crises.
 
ARGENTINI, P. A. Comunicação empresarial: a construção da identidade, imagem e reputação. 6. ed. Rio de Janeiro: Elsevier, 2013.
 
Assinale a alternativa correta que se enquadra no correto instrumento do plano de crises em uma empresa.
	
	
	
	
		Resposta Selecionada:
	 
Precisa fazer investigação detalhada.
	Resposta Correta:
	 
Precisa ser completamente centralizada.
	Feedback da resposta:
	Sua resposta está incorreta. A alternativa está incorreta. Elemento surpresa, informações insuficientes, ritmo acelerado dos eventos e investigação detalhada se enquadram como características de uma crise, e não instrumentos para plano de crises, pois não auxiliam no planejamento da redução de burocracia, não mantêm a organização da organização e não amenizam conflitos.
	
	
	
· Pergunta 4
1 em 1 pontos
	
	
	
	Por diversas vezes, as negociações chegam a impasses, e a criatividade precisa ser invocada para que se encontre uma solução eficaz para a questão. Contudo essa criatividade é ameaçada por limitações do cérebro humano que precisam estar sempre no radar de um bom negociador.
 
THOMPSON, L. L. O negociador. São Paulo: Pearson Prentice Hall, 2009.
 
Sobre tais limitações, assinale a alternativa correta.
	
	
	
	
		Resposta Selecionada:
	 
O senso comum tende a achar/pensar que as demais pessoas agem como ele.
	Resposta Correta:
	 
O senso comum tende a achar/pensar que as demais pessoas agem como ele.
	Feedback da resposta:
	Resposta está correta. A alternativa está correta. Essa é a definição do efeito do falso senso comum. Um dos exemplos das limitações do cérebro humano é o efeito do falso senso comum. Esse efeito faz com que acreditemos que ações tomadas por nós também são tomadas pela maioria das pessoas. Por exemplo, um fumante tende a superestimar a quantidade de pessoas que fumam dentro de uma sociedade, dado que ele pratica tal ato. Esse é um dos exemplos possíveis de limitação do cérebro humano que impactam na negociação.
	
	
	
· Pergunta 5
1 em 1 pontos
	
	
	
	De acordo com Gaberlini (2016), o estudo dos conflitos não é exatamente algo novo e, portanto, há diferentes visões sobre ele. Dentro desse aspecto, o maior questionamento se faz quanto ao conflito ser algo bom ou ruim.
 
GARBELINI, V. M. P. Negociação e conflitos. Curitiba: InterSaberes, 2016.
 
Sobre as diferentes percepções do conflito, assinale a alternativa correta.
 
	
	
	
	
		Resposta Selecionada:
	 
Uma vez que se dê dentro de certos limites e incentive a inovação e criatividade, um conflito pode ter consequências positivas.
	Resposta Correta:
	 
Uma vez que se dê dentro de certos limites e incentive a inovação e criatividade, um conflito pode ter consequências positivas.
	Feedback da resposta:
	Resposta está correta. A alternativa está correta. Embora pareçam sempre problemáticos, conflitos, se controlados, podem ser um combustível para a inovação e criatividade. Essa é a forma como a abordagem interacionista enxerga o conflito, ou seja, em determinados momentos e contando com a habilidade do gestor em gerenciar a situação para que não tome proporções exageradas, conflitos podem ser fonte de criatividade e inovação nos envolvidos.
	
	
	
· Pergunta 6
1 em 1 pontos
	
	
	
	Há uma extrema importância da comunicação durante uma crise. O primeiro passo é: definição do problema real com o uso de informações confiáveis e o estabelecimento de objetivos de comunicação mensuráveis para lidar com elas, sempre tendo de _______________.
 
ARGENTINI, P. A. Comunicação empresarial: a construção da identidade, imagem e reputação. 6. ed. Rio de Janeiro: Elsevier, 2013.
 
Assinale a alternativa correta que se enquadre nesse passo.
	
	
	
	
		Resposta Selecionada:
	 
Assumir o controle da situação.
	Resposta Correta:
	 
Assumir o controle da situação.
	Feedback da resposta:
	Resposta está correta. A alternativa está correta. Assumir o controle da situação é o primeiro passo na comunicação durante uma crise. Assumindo o controle da situação, consegue-se detectar o problema, mapear e estabelecer soluções de maneira mais concreta para sair da crise.
	
	
	
· Pergunta 7
0 em 1 pontos
	
	
	
	Ao se preparar para uma negociação, é preciso ter em mente que nem sempre haverá sucesso, ou seja, sempre terá ganhadores diante das tomadas de decisões. Nesse sentido, existe um critério acrônimo conhecido como MASA, abreviação de Melhor Alternativa Sem Acordo.
 
THOMPSON, L. L. O negociador. São Paulo: Pearson Prentice Hall, 2009.
 
Diante dessa informação sobre a negociação, é correto afirmar que:
 
	
	
	
	
		Resposta Selecionada:
	 
a MASA deve ser estabelecida após algumas rodadas de negociação para que se tenha melhor noção desse ponto de inflexão.
	Resposta Correta:
	 
para que haja a MASA, o negociador deve desistir do acordo. É como um conjunto mínimo de fatores que devem ser atendidos.
	Feedback da resposta:
	Sua resposta está incorreta. A alternativa está incorreta. A MASA não é um conceito passivo. Na realidade, trata-se de algo dinâmico que deve ser reajustado conforme as negociações ocorrem. A MASA deve ser definida antes de qualquer negociação, partindo dos dados disponíveis. Isso, contudo, não impossibilita sua mudança no decorrer da negociação. Na realidade, não só é possível como é bem provável que aconteça. Porém é algo que deve ser constantemente evitado.
	
	
	
· Pergunta 8
0 em 1 pontos
	
	
	
	De acordo com Thompson (2009), as negociações são, por diversas vezes, ações tomadas no dia a dia.