A maior rede de estudos do Brasil

Grátis
43 pág.
EXERCICIOS

Pré-visualização | Página 1 de 11

Questão 1
Texto da questão
Para Friedrich Nietzsche, um dos maiores e mais libertários pensadores da história humana, a verdade e a mentira nas quais acreditamos são construções que decorrem da vida no rebanho e da linguagem que lhe corresponde. Nessa perspectiva, o que é a verdade e a mentira para o homem do rebanho:
Escolha uma:
a. O homem do rebanho chama de verdade aquilo que o conserva no rebanho e chama de mentira aquilo que o ameaça ou exclui do rebanho. 
Correto!
b. O homem do rebanho chama de verdade aquilo que o liberta do rebanho e chama de mentira aquilo que o entristece no rebanho.
c. O homem do rebanho chama de verdade aquilo que o atormenta no rebanho e chama de mentira aquilo que o enfurece no rebanho.
d. O homem do rebanho chama de verdade aquilo que o atrapalha no rebanho e chama de mentira aquilo que o amadurece no rebanho.
e. O homem do rebanho chama de mentira aquilo que o conserva no rebanho e chama de verdade aquilo que o ameaça ou exclui do rebanho.
Questão 2
Texto da questão
Paul Mason, jornalista britânico que viajou o mundo pesquisando sobre as economias alternativas, argumentou que atualmente estamos testemunhando o aparecimento espontâneo de uma economia colaborativa, com o surgimento de bens, serviços e organizações que não se submetem às exigências e imposições do mercado nem aos formatos organizacionais hierárquicos e centralizadores. Que exemplos de empreendimentos podemos citar que validem esse argumento:
Escolha uma:
a. Apple.
b. Microsoft.
c. Wikipedia. 
d. Google.
e. Facebook.
Questão 3
Texto da questão
Buscando compreender a complexidade da realidade ao nosso redor, Clifford Geertz, famoso antropólogo norte-americano, defendendo seu conceito semiótico de cultura diz que, “acreditando, como Max Weber, que o homem é um animal amarrado a teias de significado que ele mesmo teceu”, assume a cultura como sendo essas teias, tecidas pelos próprios humanos, que depois se veem presos a essa teia, ou seja, não conseguem experimentar a realidade sem as classificações previamente dadas.
Baseada nessa observação, as Ciências Sociais propõem que
Escolha uma:
a. As ações humanas não são fruto de simples escolhas individuais; existe uma ordem social influenciando as ações de cada indivíduo; assim, as causas do comportamento humano baseiam-se, principalmente, nos padrões de relações sociais que nos rodeiam. 
Correta.
b. Atualmente estamos testemunhando o aparecimento espontâneo de uma economia competitiva, com o surgimento de bens, serviços e organizações que dialogam com as exigências e imposições do mercado e com os formatos organizacionais hierárquicos e centralizadores.
c. A importância da atividade de transporte é indiscutível para qualquer economia, uma vez que a maioria das atividades econômicas depende do deslocamento de bens e de pessoas.
d. Se trata da crítica nietzschiana ao conceito de verdade que se pretende universal e decorrente de uma investigação cognitiva neutra e isenta. A noção tradicional de verdade se trata de um preconceito moralista inventado para legitimar a superioridade de determinados valores metafísicos.
e. Esta ética por sua vez, se opõe a uma ética protestante do trabalho, que foi descrita pelo sociólogo Max Weber, como o espírito da sociedade capitalista, no início do século XX. Para Geertz, Weber analisa como a noção do trabalho como dever – que tem que ser feito simplesmente porque deve ser feito – começa a ser enraizada como espírito da sociedade capitalista.
Questão 4
Texto da questão
Analisando as relações de poder na atualidade, Giorgio Agamben, intelectual italiano, argumenta que os humanos experimentam um processo de subjetivação. Como isso ocorre e qual o objetivo disso:
Escolha uma:
a. É uma espécie de adestramento cultural, realizado através de dispositivos de controle comportamental e que visa produzir indivíduos úteis a um sistema de poder. 
Correto
b. Tradição, Família e Propriedade, como bases para um sistema extremamente conservador, no entanto com alguns aspectos de progressismo.
c. Parece uma coisa escassa e não oficial e até mesmo perigosa como base alternativa para o sistema global atual, mas tais iniciativas possuem um poder gigantesco, pois desarticulam ou descentralizam as operações de instituições tradicionais.
d. Criando brechas nos dispositivos de captura, e obriga os indivíduos a falarem por si mesmos, ao invés de se esconderem atrás de padrões discursivos institucionais.
e. A linguagem política, que interpreta e reconstrói a realidade a partir de classificações político-ideológicas baseadas em padrões comportamentais e discursivos de grupos humanos.
Questão 5
Texto da questão
QUESTÃO - Michel Foucault, grande estudioso das relações de poder, chama isso de “governabilidade” ou “governo dos homens”; ele argumenta que para haver eficácia no controle do comportamento dos seres humanos dentro de uma sociedade, foram criados dispositivos que os mantivesse sob controle.
O que Foucault chama de dispositivos:
Escolha uma:
a. Um conjunto absolutamente heterogêneo que implica discursos, instituições, estruturas arquitetônicas, decisões regulamentares, leis, medidas administrativas, enunciados científicos, entre outros elementos que se conectam. 
Correta!
b. Um aparelho ou mecanismo que desenvolve determinadas ações. Sua função está relacionada com um artifício que está disposto a cumprir com o objetivo do utilizador.
c. Que contém disposição, ordem, preceito, e que também pode representar prescrição, artigo de lei, como o dispositivo constitucional. Aparelho ligado ou adaptado a instrumento ou máquina, que se destina a alguma função adicional ou especial.
d. Pela linguagem universal dos negócios é que se busca convergência das normas internacionais. Ou seja, que todo mundo converta suas normas domésticas (normas internas de cada país) em normas internacionais. Antes da busca por essa harmonização das normas, cada um legislava sobre Contabilidade por si e para si.
e. A repressão sobre a mídia era exercido pelo Governo de Milosevic tendo como base a intrigante “lei das informações públicas” de 1998, que permitia que as autoridades fechassem qualquer meio de comunicação segundo seu próprio critério e utilizando-se da força bélica.
Questão 6
Texto da questão
De maneira geral, para a sociologia, as causas do comportamento humano baseiam-se, principalmente, nos padrões de relações sociais que nos rodeiam e permeiam. Sendo assim, analise as afirmações abaixo:
I.              As ações humanas não são fruto de simples escolhas individuais; existe uma ordem social influenciando as ações de cada indivíduo.
II.            Nossas escolhas diárias são fruto de um condicionamento social, uma espécie de adestramento social para que possamos viver em sociedade.
III.           Os meios também se constituem em tributos fixos sobre as nossas energias pessoais e que também configuram a consciência e experiência de cada um de nós.
É correto o que se afirma em:
Escolha uma:
a. I apenas;
b. II apenas;
c. III apenas;
d. I e II apenas; 
e. I, II e III apenas;
Questão 7
Texto da questão
Karl Marx, famoso sociólogo alemão do século XIX, observando o desenvolvimento do Capitalismo a partir da industrialização, percebeu que duas classes principais se delineavam no corpo social. Que classes eram essas
Escolha uma:
a. Os trabalhadores das fábricas (proletariado) e os donos das fábricas (capitalistas) 
Certo.
b. Os trabalhadores dos estábulos (cavaleiros) e os donos das fazendas (Senhor Feudal)
c. Os trabalhadores das manufaturas (manufatureiros) e os donos das máquinas (locatários).
d. Os trabalhadores urbanos (escravísticos) e os donos dos imóveis (inquilinato).
e. Os trabalhadores das fábricas (proletariado) e os donos das máquinas (maquinários).
Parte superior do formulário
Questão 1
Texto da questão
Alguns antropólogos, no início da Antropologia e influenciados pelas ideias de Charles Darwin, desenvolveram a ideia de que a humanidade teria evoluído e que as diferentes culturas também seriam fruto de uma evolução cultural. Analise as afirmações a seguir