A maior rede de estudos do Brasil

Grátis
43 pág.
EXERCICIOS

Pré-visualização | Página 9 de 11

o poder simbólico do dinheiro imposto pelo espírito do capitalismo.
c. Essa perspectiva é transformadora porque a necessidade de renovação processual pode nos levar a considerar a reestruturação do processo de comunicação como um todo. Evidentemente, a competitividade nas transações comerciais é uma das consequências de alternativas às soluções ortodoxas.
d. Essa perspectiva é transformadora porque desta maneira, a contínua expansão de nossa atividade agrega valor ao estabelecimento do orçamento setorial.
e. Essa perspectiva é transformadora porque pensando mais a longo prazo, o aumento do diálogo entre os diferentes setores produtivos ainda não demonstrou convincentemente que vai participar na mudança dos procedimentos normalmente adotados.
Questão 5
Texto da questão
Tendo como base uma série de estudos estatísticos sobre seu país, o sociólogo alemão Max Weber verificou uma relação entre crença religiosa e o tipo de atividade econômica desenvolvida, constatando que proprietários do capital e empresários eram, em sua maioria, de origem protestante. Como Weber denominou essa maneira de ver e interpretar o mundo?
Escolha uma:
a. Ética Protestante
b. Ética do Capitalista
c. Ética Hacker
d. Ética Religiosa
e. Antiética
Questão 6
Texto da questão
A relação dos hackers com o tempo, com o trabalho e com o dinheiro também é interessante de ser analisada, pois contrasta com a ética protestante analisada por Weber, simbolizada no slogan de Benjamim Franklin “tempo é dinheiro”.
Marque a alternativa que corresponda com o contraste entre essas duas éticas:
Escolha uma:
a. Diferente da ética protestante, em que o trabalho deve ser manual e disciplinado, para os hackers o trabalho deve ser intelectual e de dimensão racionalista.
b. Diferente da ética protestante, em que o trabalho deve ser disciplinado e coagido, para os hackers o trabalho nunca deve deixar de ser aquilo que ele jamais se propôs a deixar de acontecer.
c. Diferente da ética protestante, em que o trabalho deve ser árduo, sério e disciplinado, para os hackers o trabalho nunca deve perder sua dimensão lúdica e prazerosa.
d. Diferente da ética protestante, em que o trabalho deve ser permanente e duradouro, para os hackers o trabalho nunca deve passar de mais do que dois anos numa mesma empresa.
e. Diferente da ética protestante, em que o trabalho deve ser árduo, constante e produtivo, para os hackers o trabalho nunca deve ser lúdico e prazeroso.
Questão 7
Texto da questão
Juntamente com a mentalidade capitalista de acumulação de riquezas, surge na Inglaterra um movimento denominado enclosure, que foi o “cercamento” dos espaços coletivos, ou seja, a privatização dos espaços que antes eram usados coletivamente. Analise as afirmações abaixo sobre este tema:
I.              No modo de produção feudal, a terra era vista como um bem comum para a produção camponesa, onde todos cultivavam coletivamente. Na transição para o modo de produção capitalista, a terra passou a ser encarada como um bem de produção, ou seja, como um possível gerador de riqueza.
II.            Assim, uma parte dos senhores feudais passaram a cercar as suas terras (cercamentos) e a arrendá-las como pastagens para a criação de ovelhas, e para isso expulsaram os camponeses.
III.           Esse movimento de cercamento foi um reflexo do que acontecia nos campos políticos, sociais e econômicos da época, e enfraqueceu a noção de coletividade; essa privatização também criou condições para a construção de muros cada vez mais altos, tanto os dos mosteiros clericais, quanto os dos castelos aristocráticos ou dos burgos, que eram distritos murados onde se realizava o comércio no final da Idade Média.
É correto apenas o que se afirma em
Escolha uma:
a. II e III.
b. I.
c. I e III.
d. I, II e III.
e. I e II.
Questão 1
Texto da questão
As pessoas estão buscando mudar sua maneira de viver e de trabalhar e estão se aproveitando das novas ferramentas disponíveis na era da informação. Ao invés de permanecerem como empregados de outras empresas, muitas pessoas estão criando seu próprio trabalho e se associando a outras pessoas com os mesmos objetivos. Como se denomina o movimento que expressa essas mudanças de atitudes?
Escolha uma:
a. Movimento Maker.
b. Cultura do Movimento.
c. Movimento Made in Brazil.
d. Movimento Arte.
e. Movimento Creative.
Questão 2
Texto da questão
Com a transformação nas maneiras de viver e trabalhar iniciada pela Revolução Industrial, o problema técnico e organizacional, de especialização e divisão do trabalho, estava intimamente ligado a outro: o da gestão das pessoas. Como os novos trabalhadores das indústrias, recém-saídos do ambiente rural e do ambiente doméstico, mantinham hábitos de vida e de trabalho que não correspondiam às demandas da indústria, os donos das indústrias, visando realizar uma mudança cultural em seus operários, impuseram uma disciplina rígida desconhecida até aquele momento histórico.
Analise as afirmações a seguir sobre esse tema:
I.              Os trabalhadores se viram submetidos à supervisão e ao controle externo exercido pelos patrões, através de capatazes especificamente contratados para esse fim.
II.            O tempo de trabalho e o espaço para o trabalho permaneceram os mesmos. O uso do relógio permitiu que se medisse e se controlasse a quantidade de trabalho em horas.
III.           O espaço físico, não mais o lar, mas sim a fábrica, condicionou os trabalhadores a um disciplinamento constante.
IV.          Com o passar do tempo, esse disciplinamento dentro do ambiente de trabalho se aprimorou e passou a ser amparado por métodos científicos, procurando uma forma de elevar o nível de produtividade de cada trabalhador, e diminuir o tempo de execução de cada etapa.
 
É correto apenas o que se afirma em
Escolha uma:
a. I, II, III e IV.
b. I e II.
c. II e III.
d. I, III e IV.
e. I e III.
Questão 3
Texto da questão
Thomas Malone (2006), estudioso das organizações e das recentes mudanças na dinâmica das relações, nos cerca de exemplos sobre como os novos modelos organizacionais estão lançando as bases das organizações do futuro. Marque a alternativa que corresponda à visão de Malone sobre o futuro das organizações:
Escolha uma:
a. Modelos mais centrados numa gestão senoidal e administrada, onde a obrigação moral e a dignidade do trabalho, mais do que a necessidade de sobrevivência, é o que move os envolvidos nestes empreendimentos.
b. Modelos mais centrados numa gestão vertical e privatizada, onde o objetivo e o resultado do trabalho, mais do que a necessidade de sobrevivência, é o que move os envolvidos nestes empreendimentos.
c. Modelos mais centrados numa gestão tangencial e superficializada, onde o mergulho e as ferramentas de trabalho, mais do que a necessidade de sobrevivência, é o que move os envolvidos nestes empreendimentos.
d. Modelos mais centrados numa gestão horizontal e compartilhada, onde o propósito e o significado do trabalho, mais do que a necessidade de sobrevivência, é o que move os envolvidos nestes empreendimentos.
e. Modelos mais centrados numa gestão trapezoidal e amalgamada, onde o despropósito e o dessignificado do trabalho, mais do que a necessidade de sobrevivência, é o que move os envolvidos nestes empreendimentos.
Questão 4
Texto da questão
Tiago Mattos, futurista, baseado nas mudanças que vem ocorrendo, e projetando o impacto dessas mudanças no futuro, descreve um cenário possível, que vale a pena refletir, principalmente porque as novas tecnologias abriram inúmeras possibilidades de estruturação organizacional. Essas importantes mudanças que já estão ocorrendo, desenham um possível cenário futuro, que Mattos tenta vislumbrar. Analise as afirmações abaixo sobre esse tema:
I.              A Revolução Industrial nos fez despertar para uma nova consciência em todos os níveis da sociedade. Estamos diante de um efeito dominó que nos levará para a mudança mais radical na história do trabalho.
II.            Num futuro próximo, não haverá empresas. Pelo menos, não como elas são hoje. Seremos todos freelancers/autônomos/profissionais