A maior rede de estudos do Brasil

Grátis
3 pág.
OSTEOLOGIA GERAL

Pré-visualização | Página 1 de 1

Exosqueleto – base de sustentação do esqueleto é externa.
Endosqueleto- esqueleto interno, Mais funcional para o tipo
avançado de animal
É o estudo dos ossos. Estudo das estruturas ósseas ligadas entre si
formando o esqueleto – conjunto de ossos que se interligam formando
o arcabouço do corpo humano.
Tipos de esqueleto: 
Número de ossos: Normalmente 206 ossos, mas depende do critério de
contagem ou a da idade do indivíduo, pois se o autor quiser pode
contar os ossículos do ouvido (martelo, bigorna, estribo). 
São histologicamente considerados como ossos mas não desempenham
nenhuma função esquelética; Na idade, o esqueleto de uma criança
apresenta maior número de ossos do que em um adulto. 
EXEMPLO: até o 3 ano de idade, a criança pode apresentar 2 ossos
frontais ( um D e E) e no adulto apenas 1 osso frontal; O ilíaco (osso
do quadril) na criança apresenta 3 partes ósseas (ílio, ísquio e
púbis) que se fundem formando um só osso no adulto.
Osteologia Geral
MATERIAL PRODUZIDO POR MENTOLOGIKAS - ELIANE CAVALCANTE
Ossos longos – exemplo : fêmur, úmero, rádio;
Ossos curtos exemplo: cubóide - osso do tarso no pé.
Plano ou laminar – exemplo: parietal. 
Irregular: exemplo: vértebra. 
Sesamóide: se origina entre os tendões. exemplo: patela
Pneumático: osso com cavidades repletas de ar - 
Ossos longos – comprimento maior que a largura e a espessura. ex : fêmur, úmero,
rádio, ulna, tíbia, fíbula e falanges;
Ossos curtos - largura, comprimento e espessura equivalentes. Ex: ossos do tarso e do
carpo.
Plano ou laminar – largura e comprimento equivalentes predominando sobre a espessura.
Ex: parietal, escápula.
Irregular: morfologia complexa que não encontra correspondência com nenhuma forma
geométrica conhecida. Ex: vértebra, osso temporal.
Sesamóides: se origina entre ou no interior os tendões. Ex: patela.
Pneumático: osso com cavidades repletas de ar . Cavidades chamadas de seio. Ex:
frontal, etmóide, esfenóide, maxilar e temporal
Classificação morfológica: 
Exemplo: frontal, etmóide, esfenóide, maxilar e temporal.
Classificação morfológica: 
Osteologia Geral
MATERIAL PRODUZIDO POR MENTOLOGIKAS - ELIANE CAVALCANTE
cabeça, tronco e membros.
Esqueleto Axial:
Esqueleto Apendicular:
Segmentos: 
Segmentos: 
Divisão do corpo: 
Divisão do esqueleto:
cabeça, tronco tórax (12 pares de costelas e
esterno) e coluna (33 vértebras; cervicais 7;
torácicas 12; lombares 5, sacrais 5 e coccígeas 4)
membro superior (raiz do MS – ombro ou cintura
escapular) 
membro inferior (raiz do MI quadril ou cintura
pélvica)
Ombro: escápula e clavícula 
Braço: úmero 
Antebraço: rádio e ulna;
Mão: carpo, metacarpo e falanges
Quadril: osso do quadril ou ilíaco ou coxal;
Coxa: fêmur; 
Joelho: patela
Perna: tíbia e fíbula;
Pé: tarso, metatarso e falanges
Osteologia Geral
MATERIAL PRODUZIDO POR MENTOLOGIKAS - ELIANE CAVALCANTE