A maior rede de estudos do Brasil

Grátis
11 pág.
Aprendizagem Baseada em Problemas (ABP)

Pré-visualização | Página 1 de 2

PEDAGOGIA
nome completo do aluno
produção textual: A 
Aprendizagem Baseada em Problemas (ABP)
Cidade
2020
nome completo do aluno
produção textual
Trabalho apresentado à UNOPAR, como requisito parcial à aprovação no 3º semestre do curso de 2ª Licenciatura em Pedagogia.
Cidade
2020
SUMÁRIO
1 INTRODUÇÃO	3
2 DESENVOLVIMENTO	4
2.1 A atividade baseada em um problema	7
3 CONSIDERAÇÕES FINAIS	9
REFERÊNCIAS	10
1 INTRODUÇÃO
	A Aprendizagem Baseada em Problemas (ABP) é uma metodologia que estimula a pró-atividade e aprimoramento pessoal em um grupo de estudos através de discussões interdisciplinares. É voltada para que o grupo adquira o conhecimento por meio de resolução de problemas, em busca de uma solução. No entanto, é um ensino com diversos conteúdos disciplinares em que o aluno aprende. Contudo, é um método sistematizado em etapas, em que se estimula a criatividade do aluno, desenvolve sua capacidade investigativa, o seu raciocínio com objetivo de articular a teoria com a prática. 
	Nesse sentido, o presente trabalho busca refletir sobre essa metodologia, pois faz parte do nosso cotidiano. Busca-se apresentar que a preocupação da prática escolar não é propor conteúdos e sim apresentar relevância por meio deles, apresentar onde são utilizados para o ato de educar. No entanto, o uso de metodologias ativas deve ser ressaltado, pois, tais práticas devem contribuir para a autonomia do aluno, desenvolver a confiança no intuito de obter uma visão de que a aprendizagem é um hábito. Portanto, é preciso promover um aprendizado dinâmico e ativo, por meio da ABP, possibilitando a reflexão de suas características e etapas.
	Desse modo, diante a inovação, percebe-se que está sendo utilizada em diversas áreas, e, a metodologia ativa ABP é empregada como estratégias para o aluno solucionar um problema real por meio de um contexto. O aluno é protagonista de seu próprio ensino através de pesquisa. Sendo assim, a produção textual individual tem como objetivo propor um aprendizado dinâmico, por meio de necessidades, levando em consideração os conceitos e história. Contudo, será refletido cada etapa que estrutura a metodologia ativa ABP, bem como compreender suas vantagens, dificuldades e pontuar a relevância de seu uso na sala de aula.
	Conclui-se que a produção textual é imprescindível para a formação como Pedagoga, pois amplia as concepção de práticas pedagógicas e propõe a aquisição de um perfil investigativo, que vise sempre buscar o melhor para sua atuação e formação de alunos. Desse modo, o trabalho foi de suma importância para compreender uma das metodologias ativas, sua importância e sua necessidade no uso na sala de aula.
2 DESENVOLVIMENTO 
	No primeiro momento dessa produção vale ressaltar o conceito de Aprendizado Baseado em Problemas (ABP). É uma metodologia que possui seu termo em inglês [...]. No entanto, percebe-se que sua ampliação conquistou diversas instituição de ensino. Desse modo, essa metodologia é conceituada pela sua utilização, na qual o problema é um ponto de partida para adquirir novos conhecimentos. A aprendizagem é centrada no aluno e os professores são mediadores e facilitadores no processo de produção de conhecimento. O problema é como um estímulo para aprendizagem e desenvolvimento para solução. 
A Aprendizagem Baseada em Problemas (ABP) surge como uma dessas estratégias de método inovadoras em que os estudantes trabalham com o objetivo de solucionar um problema real ou simulado a partir de um contexto. Trata-se, portanto, de um método de aprendizagem centrado no aluno, que deixa o papel de receptor passivo do conhecimento e assume o lugar de protagonista de seu próprio aprendizado por meio da pesquisa. Este artigo constitui-se em uma revisão da literatura básica sobre a Aprendizagem Baseada em Problemas (SOUZA; DOURADO, 2015, p.182)
	Desse modo, entende-se que o presente método possui a expectativa de propor uma aprendizagem significativa e eficaz, sendo ele utilizado em diversos níveis de ensino, em diversas disciplina. De acordo com os autores, o presente métodos em suas pesquisas tem apresentado resultados positivos ao utilizá-lo como método de aprendizagem na educação básica e em cursos diversos. Nesse sentido, é preciso refletir sua importância, bem como outros métodos que demonstram ser eficazes e inovadores no campo escolar. 
	De acordo com Souza e Dourado (2015), é um grande desafio acompanhar os campos científicos, pois, a sociedade traz diversas modificações, sendo necessário repensar por meio delas como contemplar as necessidades da formação de um indivíduo no campo escolar. Noemi (2019) também aponta as modificações na sociedade, enfatizando que é muito comum que a educação se transforme, pois, as mudanças são dinâmicas e estão relacionando com ser humano com sua evolução física ou psicológica. “Assim, precisamos nos adaptar às novas demandas e oferecer uma educação de qualidade aos nossos alunos” (NOEMI, 2019).
	Compreende-se que são diversas formas que devem ser modificadas e extinguida, como por exemplo, o modelo tradicional de ensino. Mas, para que isso aconteça, é preciso de investimento na área da educação, formação de professores de maneira adequada, de maneira inovadora e ética, com cuidado entre as relações humanas e ambiental. Contudo vale ressaltar que os métodos inovadores tende de propor novas experiências que contribui para alcançar ótimos resultados, com novas possibilidades no contexto da educação, onde promove um processo significativo. 
	Diante os estudos, compreende-se que o modelo tradicional se tornou obsoleta, por mais que foram muitos utilizadas e que também propôs resultados de aprendizagem. Pois, de acordo com as modificações da sociedade, o modelo tradicional não foi mais útil no campo educacional, pois, se tornaram mecânicas e cansativas, fazendo com que os alunos percam o interesse de aprender. Nesse sentido, é preciso acompanhar a evolução da sociedade na qual também reflete no campo escolar, buscar metodologias que contemple aos alunos sua formação necessária para exercer no mundo de trabalho e na comunidade. 
	De acordo com Noemi (2019), são diversas vantagens no uso dessa metodologia no campo escolar. Por meio deste, desenvolve a autonomia e o protagonismo do aluno. Aponta-se como uma metodologia voltada para resolução ativa de problemas, onde os alunos desenvolvem o controle de seu aprendizado e a forma que irá absorver seu conhecimento. Dito isso, é uma metodologia de cunho democrática, que reúne diversos conhecimento em uma sala de aula e que atinge os estudantes de maneira simultânea e visa uma aprendizagem igualitária, onde todos aprendem. 
	Historicamente, foram elaborados diversos modelos didáticos e teorias para contribuir com os métodos de ensino, visando de maneira significativa e eficaz no ensino e aprendizagem nos indivíduos. Constata-se o movimento progressista conhecida como Escola Nova, na qual o aluno é o protagonista de sua própria aprendizagem. A partir desse movimento, foram desenvolvidas outras experiências inovadoras que tinham como objetivo substituir o modelo tradicional de ensino. 
	No final dos anos 1960, a ABP se expandiu a partir de um grupo de professores no Canadá, na qual muitas instituições de medicina adotaram o método. Nesse sentido, Souza e Dourado (2015) ressaltam que essa metodologia foi influencia por diversos pensadores que buscaram transformar o ensino, por meio de experiências pedagógicas inovadoras. No entanto, seu resultado positivo, foi desencadeado por meio de suas características. 
[...] é um método centrado na aprendizagem, que tem por base a investigação para a resolução de problemas contextualizados e que envolve os conhecimentos prévios dos alunos, facilitando o desenvolvimento das competências necessárias ao trabalho profissional; desenvolve a capacidade crítica na análise dos problemas e na construção das soluções; desenvolve a habilidade de saber

Crie agora seu perfil grátis para visualizar sem restrições.