A maior rede de estudos do Brasil

Grátis
24 pág.
Projeto de Ensino UNOPAR - Jogos e brincadeiras na Educação Infantil

Pré-visualização | Página 3 de 5

brinquedo aquela curiosidade em pegar, apertar mexer, jogar, é o momento que começa a se identificar com seu objeto, interessar-se por ele, seja para morder, jogar no chão, se lambuzar, mas é naquele momento em que está havendo a interação (SCHERER,2013, apud. CAROLINE, 2019, p.18) 
	Desse modo, compreende-se que jogo e brincadeira é importantíssima que faça parte da vida da criança. No entanto, compreende-se que o instrumento do jogo é fundamental para o ambiente escolar, sendo ele competitivo ou não, na qual faz que as crianças se interessam e sintam curiosidade para avançar os níveis, e, ao mesmo tempo contribuindo para seu desenvolvimento. A criança percebe que os pontos negativos são quando se perde o jogo e positivo quando joga, manifesta sua maneira de socializar com outros jogadores, na qual é um momento de muita importância para esse momento. Desse modo, de acordo com Caroline (2019), o jogo desenvolve na criança a autonomia, processo de aprendizagem ponto de vista e senso crítico, contribui-se para designar as conclusões de suas próprias dificuldades. 
		De acordo com a literatura o jogo é visto como instrumento de desafios e competitivo, e que a criança vai além de sua imaginação. No entanto, contribui para ela descobrir suas habilidades e compreender seus erros, e, entende-se que por meio de treinamento desenvolverá melhor o jogo até vencer. Sendo assim, desenvolve seus valores. E, diante a praticidades das crianças aprenderem rápido, o jogo como instrumento desafiador, contribui para ampliar seus conhecimentos. 
	Santos, Castro e Miranda (2020, p.226) citam que Lupiañez (2010), nos primeiros anos de vida da criança o jogo é crucial para a criança desenvolver seu aspecto afetivo, motoras, perspectivas, cognitivas, sociais e linguísticas. No entanto, as crianças atuam sobre o jogo, exploram e realizam as descobertas. Além disso, citam Piaget, na qual divide o caráter construtivos do jogo em três etapas: sensório motor, jogo simbólico e jogo de regras. 
	Referente ao ato de brincar, é considerado como aliado no desenvolvimento, pois no momento que ela está brincando, ela está reproduzindo sua realidade. Se ela está passando por algum problema, a mesma irá se expressar por meio da brincadeira e brinquedo. Dessa forma, é imprescindível o professor observar cada manifestação da criança na brincadeira, pois, nos detalhes contribui para compreensão da criança e do momento que a mesma está passando. Além disso, as brincadeiras tradicionais são de suma importante, tais como amarelinha, brincadeira de roda, pular corda, teatro, folclore, são atividades que além de manter a cultura e se divertir, propõe pontos positivos em seu desenvolvimento. 
O brincar é espontâneo e natural da criança, e por ser prazeroso desperta emoções e sensações de bem-estar, liberta das angústias e funciona como escape para emoções negativas ajudando a criança a lidar com esses sentimentos que fazem parte da vida cotidiana. Brincando a criança aprende a lidar com o mundo, seus sentimentos e forma sua personalidade (SACRAMENTO, 2019, p.7)
	Diante a colocação da autora, compreende-se que é um ato inerente da criança e através desse ato, as crianças desenvolve suas competências e socialização. Outro ponto crucial para o desenvolvimento da criança é o objeto do brinquedo, na qual é imprescindível para o desenvolvimento da criança. Quando ela possui um objeto que possibilita intermediar sua imaginação, ela interage e promove um momento de diversão e comunicação consigo mesma. No entanto, sobre brincadeira, o Referencial Curricular Nacional para a Educação Infantil (RCNE) define que: 
A brincadeira favorece a autoestima das crianças, auxiliando-as a superar progressivamente suas aquisições de forma criativa. Brincar contribui, assim, para a interiorização de determinados modelos de adulto, no âmbito de grupos sociais diversos. Essas significações atribuídas ao brincar transformam-no em um espaço singular de constituição infantil. (BRASIL, 1998, p. 27)
	No entanto, Hungaro (2019), caracteriza que a interação das crianças desenvolve suas funções psicológicas. No entanto, para trabalhar o jogo e a brincadeira é preciso de técnicas de desenvolvimento, utilizando a diversão como mecanismo de desenvolvimento e aprendizagem. É preciso promover tais atividades para diversão onde os alunos tenham oportunidades de novos conhecimentos através dos jogos e brincadeiras. No entanto, ele aprender a respeitar, seguir regras e se formar de maneira civilizada para atuar na sociedade. Porém, não deve se deixar de lado o caráter educacional, pois, além de propor a diversão é preciso mobilizar a curiosidade pelo ensino de maneira ampla. 
	No que diz a Base Nacional Comum Curricular (BNCC) a respeito da brincadeira, enfatiza a relevância das brincadeiras no campo escolar. De acordo com o documento, são diversos benefícios, principalmente no aspecto afetivo. 
A interação durante o brincar caracteriza o cotidiano da infância, trazendo consigo muitas aprendizagens e potenciais para o desenvolvimento integral das crianças. Ao observar as interações e a brincadeira entre as crianças e delas com os adultos, é possível identificar, por exemplo, a expressão dos afetos, a mediação das frustrações, a resolução de conflitos e a regulação das emoções (BRASIL, 2018)
	Dessa forma, cita-se jogos e brincadeiras voltadas para o ensino de Matemática, na qual por meio da aprendizagem dos números os professores podem propor brincadeiras de tabuadas, gincanas com números, atividades lúdicas que mobilize o interesse do aluno, bem como sua competividade e divertimento. Conforme a literatura são diversos benefícios que esse método contribui para a formação da criança. Destaca-se a “a utilização de jogos de tabuleiro envolvendo a matemática, ou até mesmo jogos envolvendo números isolados, com a finalidade de fazer com que os alunos, nos primeiros anos de vida, memorizem a forma e os nomes de cada número” (HUNGARO, 2019 p.14).
	Ainda sobre os benefícios vale ressaltar que os jogos são vastos, partem desde o desenvolvimento sensório-motor até o raciocínio lógicos. A autora destacas que nos jogos simbólicos os alunos desenvolvem a capacidade de flexibilizar conceitos. E, com a exposição de regras, o mesmo adquire a noção de respeito as ações indivíduos, bem como promove o ambiente amigável e harmônico com o grupo, respeitando as diferenças e pontos necessários para convivência.
	Entretanto, o jogo e o brincar são as atividades mais importantes para fase da infância, pois através dessa prática a criança vai desenvolver sua autonomia e representar um papel na brincadeira, desvendar regras e possibilitando um espaço para se expressar com mais facilidade. Ao tratar sobre espaço, é imprescindível um ambiente organizado onde a brincadeira ou jogo incentive as crianças a desenvolver sua expressão. Pois, é preciso que possibilite um ambiente onde ela se expresse de maneira natural, e, vale ressaltar que ao ar livre, é um excelente meio onde ela se sinta com liberdade e se conheça melhor. 
		Nesse sentido, a respeito do ambiente:
Considerando que cada professor possa saber aproveitar o momento, seja em um ambiente aberto ou em uma brinquedoteca, saber manusear a aula para que ela fique dinâmica, tentar buscar brincadeiras e jogos que darão certo com cada tipo de espaço, não impor regras para a criança, deixar que ela mesma explore o ambiente que está sendo trabalhado para que então busque despertar a curiosidade, tentar colocar em prática experiências já vivenciadas por elas (CAROLINE, 2019, p.24).
	Diante essa perspectiva, vale ressaltar o papel do professor diante o jogo e brincadeira. É preciso que ele interage com a criança, sem o desejo de terminar logo para ir embora e levar para o comodismo, método tradicional. Na qual não permite que as crianças brinquem. No entanto, é preciso a utilização de recursos necessários, com a reflexão de que é imprescindível para o processo de aprendizagem das crianças. Isto é, o educador é ponto principal para a aprendizagem da criança,

Crie agora seu perfil grátis para visualizar sem restrições.