A maior rede de estudos do Brasil

Grátis
12 pág.
Prova_305_004_Arquiteto

Pré-visualização | Página 5 de 5

relação ao 
exterior da edificação, resultando em menor amplitude 
de variação das temperaturas internas.
42.	 Com relação à solução das esquadrias, considerando-se a 
necessidade de propiciar ventilação natural, foram feitas as 
seguintes considerações na análise do projeto:
 I. O terço superior da esquadria servirá para tiragem do ar 
quente interno.
 II. O emprego de vidro fixo no terço médio da abertura é 
aceitável porque nas regiões de altura média das abertu-
ras, é baixa a eficiência da renovação de ar pelo efeito 
chaminé.
 III. O terço inferior da esquadria servirá para entrada de ar 
externo, quando a temperatura deste for menor que a do 
interno.
São corretas as afirmações
(A) I, somente.
(B) I e II, somente.
(C) I e III, somente.
(D) II e III, somente.
(E) I, II e III.
43.	 Um projeto será avaliado pelos critérios do PROCEL Edifica, 
com vistas a determinar seu nível de eficiência energética. 
Para tanto, deverão ser avaliados
(A) a envoltória, a iluminação e o consumo de água per capita.
(B) a potência total instalada, a iluminação e o condiciona-
mento de ar.
(C) a potência total instalada, o consumo de água per capita 
e o condicionamento de ar.
(D) a potência total instalada, a iluminação e o consumo de 
água per capita.
(E) a envoltória, a iluminação e o condicionamento de ar.
44.	 Em um projeto de reforma, prevê-se a substituição da imper-
meabilização, em manta asfáltica estruturada, de uma cober-
tura plana, que apresenta vazamentos induzidos por fissuras 
na laje, com a adoção da mesma solução do projeto original. 
A laje, em concreto armado, engastada em uma malha de 
vigas contínuas, não apresenta ainda problemas de compro-
metimento estrutural, mas será efetuado um tratamento prévio 
dessas fissuras antes de se reconstruir a impermeabilização. 
A especificação desse tratamento deve garantir que
(A) tensões na camada impermeabilizante, devidas à movi-
mentação da estrutura, sejam distribuídas por meio de 
tela ou solução equivalente.
(B) seja vedada a passagem de água pela trinca da laje, 
recuperando a impermeabilidade característica da laje 
original em concreto armado.
(C) a expansão da água infiltrada na trinca não comprometa 
a estabilidade da estrutura.
(D) a contração da água infiltrada na trinca não comprometa 
a estabilidade da estrutura.
(E) seja total a penetração da camada impermeabilizante nas 
fissuras. 
45.	 Em uma área externa de circulação muito intensa de pedestres, 
prevê-se no projeto a execução de piso cerâmico esmaltado, 
sendo requerido o melhor desempenho possível no que diz 
respeito à resistência a abrasão. Esse requisito corresponde à 
classe PEI
(A) 1.
(B) 2.
(C) 3.
(D) 4.
(E) 5.
www.pciconcursos.com.br
12FMSC1101/004-Arquiteto
46.	 Um projeto paisagístico está sendo desenvolvido na área 
externa de imóvel tombado, que apresenta calçada externa 
também de interesse para preservação. Pretende-se que um tre-
cho pequeno desse passeio seja o mais sombreado possível no 
verão, mediante plantio de árvores em um canteiro contíguo. 
As condições do tombamento permitem vegetação de médio 
ou grande porte nesse trecho. Assumiu-se, anteriormente, a 
decisão de que no canteiro poderiam ser plantadas árvores 
de uma única espécie, a qual deve ser nativa. Recomenda-se, 
nessas condições, o plantio de
(A) ipês rosa, com distância da calçada adequada para raízes 
pivotantes.
(B) ipês rosa, com distância da calçada adequada para raízes 
superficiais.
(C) chapéu de sol, com distância da calçada adequada para 
raízes pivotantes.
(D) figueira, com distância da calçada adequada para raízes 
pivotantes.
(E) figueira, com distância da calçada adequada para raízes 
superficiais.
47.	 Um auditório com lotação definida está sendo proposto como 
novo uso dentro de um edifício tombado. Uma das laterais 
do local deverá ter um corredor com largura suficiente para 
passagem simultânea de duas pessoas e uma passagem de 
uso restrito deverá ter largura suficiente para o acesso de ca-
deirante. Considerando-se o disposto nas normas técnicas da 
ABNT relativas a acessibilidade e circulação de emergência, 
os menores valores, dentre as alternativas, que atendem a esses 
dois critérios são, respectivamente,
(A) 0,90 e 0,80.
(B) 1,00 e 0,80.
(C) 1,00 e 0,90.
(D) 1,20 e 0,80.
(E) 1,20 e 0,90.
48.	 Um projeto de lay-out de uso de um prédio de escritórios, 
desenvolvido em AutoCad, deverá gerar dados de quantidades 
e especificações de mobiliário e outros elementos padroniza-
dos para alimentar um banco de dados. Os dados que devem 
constar desse banco devem ser inseridos como
(A) textos em padrão dbf.
(B) textos em padrão dwx.
(C) atributos de blocos.
(D) atributos de linhas.
(E) arquivos dwx vinculados a linhas por hiperlink.
Para a resolução das questões de números 49 e 50, considere o 
texto a seguir.
Uma obra apresenta valores mensais de desembolso na casa das 
dezenas de milhares de reais, distribuídos em cerca de cinquenta 
itens. Os desembolsos serão distribuídos ao longo de doze meses, 
mediante medição mensal. No pagamento dessas medições, o 
órgão público responsável pela obra estabeleceu que serão des-
prezados, no cálculo do custo parcial de cada item de planilha, os 
valores numéricos além da segunda casa decimal.
49.	 Em uma planilha eletrônica de cálculo como o Excel, esse 
critério será atendido mediante o emprego da função
(A) Arredondar (ARRED), com duas casas decimais.
(B) Inteiro (INT).
(C) Truncar (TRUNC), com duas casas decimais.
(D) Fração (FRAC), com duas casas decimais.
(E) Decimal (DEC), com duas casas decimais.
50.	 Estatisticamente, os valores resultantes das medições parciais, 
quando comparados aos totais por item (resultantes da multi-
plicação de quantidades totais por preços unitários) tenderão 
a ser
(A) sistematicamente maiores do que se utilizado o critério 
de arredondamento.
(B) sistematicamente menores do que se utilizado o critério 
de arredondamento.
(C) quase iguais aos arredondados, porém com erros cumu-
lativos a maior, da ordem de centavos, no total geral da 
obra.
(D) quase iguais aos arredondados, devido à compensação 
entre erros, não se podendo afirmar se a maior ou a menor.
(E) iguais aos arredondados, como determina a consistência 
contábil, por se tratar de duas formas de expressar o 
mesmo conceito matemático.
www.pciconcursos.com.br

Crie agora seu perfil grátis para visualizar sem restrições.