A maior rede de estudos do Brasil

Grátis
ATIVIDADE A3 GESTÃO DE SEGURANÇA PÚBLICA FMU

Pré-visualização | Página 1 de 2

Pergunta 1
1 em 1 pontos
Visto a importância dos laudos e sua relação com o judiciário, Serafim (2014, p. 124) aponta em suas discussões que os laudos exercem importância no que diz respeito às decisões do juízo.
 
SERAFIM, Antonio de Pádua. Psicologia e prática forense . 2. ed. São Paulo Manole 2014.
 
Sobre o papel dos laudos e as sentenças proferidas pela autoridade judiciária, assinale a alterna correta.
Justificativa:
Resposta Selecionada:	
Correta A elaboração dos laudos técnicos realizados em determinados processos juntamente com outros meios de provas ajudarão o juízo em suas decisões.
Resposta Correta:	
Correta A elaboração dos laudos técnicos realizados em determinados processos juntamente com outros meios de provas ajudarão o juízo em suas decisões.
Feedback da resposta:	Resposta correta. A alternativa está correta, pois os laudos não vinculam o juízo, mas, sim os auxiliam. E, por meio das demais provas, o juiz decidirá acerca de determinada lide.
Pergunta 2
1 em 1 pontos
 A falta de saúde mental afeta a vida de agentes penitenciários e demais profissionais da área de segurança pública. Pinheiro (2016) afirma que
“A síndrome de Burnout pode ser tida como o resultado da combinação das características individuais do paciente com as
condições do ambiente ou do trabalho”.
 
PINHEIRO, Carla. Psicologia Jurídica . 2. ed. São Paulo Saraiva, 2016.
 
 
Desta forma, a respeito dos sintomas de tal síndrome, assinale a alternativa correta.
Justificativa :
Resposta Selecionada:	
Correta Os sintomas são mentais e também físicos. Os físicos são: dor de cabeça,
enxaqueca, cansaço físico, sudorese, palpitação, pressão alta, dores
musculares, insônia, crises de asma, distúrbios gastrintestinais, dentre outros.
Resposta Correta:	
Correta Os sintomas são mentais e também físicos. Os físicos são: dor de cabeça,
enxaqueca, cansaço físico, sudorese, palpitação, pressão alta, dores
musculares, insônia, crises de asma, distúrbios gastrintestinais, dentre outros.
Feedback da resposta:	Resposta correta. A alternativa está correta, pois engloba os sintomas físicos da síndrome, afirmando também que os sintomas podem ser
mentais. Desta forma, fica destacado a gama de sintomas.
Pergunta 3
1 em 1 pontos
A síndrome Burnout é responsável por muitos casos de abandonos repentinos de trabalho e até mesmo de surtos nas relações familiares de sujeitos expostos a intensa pressão. Pinheiro (2016 p. 136) afirma que de tal síndrome decorrem sintomas físicos – cansaço constante, dores pelo corpo, hipertensão, úlceras, palpitações, insônia e ainda impotência ou frigidez.
 
PINHEIRO, Carla. Psicologia Jurídica . 2. ed. São Paulo Saraiva, 2016.
 
Desta forma, assinale a alternativa correta acerca de tal síndrome.
Justificativa:
Resposta Selecionada:	
Correta Tal síndrome decorre de pressão externa ou em decorrência das exigências
impostas pelo psiquismo do sujeito a pressões internas.
Resposta Correta:	
Correta Tal síndrome decorre de pressão externa ou em decorrência das exigências
impostas pelo psiquismo do sujeito a pressões internas.
Feedback da resposta:	Resposta correta. A alternativa está correta, pois a síndrome decorre de pressão externa ou em decorrência das exigências impostas pelo psiquismo do sujeito a pressões internas
 
Pergunta 4
1 em 1 pontos
Visto a importância dos estudos referentes aos laudos e essa atuação do psicólogo, Serafim (2014, p. 108) aponta que dada à complexidade da temática em apreço a aplicação da perícia médica e psicológica se apresenta como imprescritível, portanto, o assunto tem sua aplicação também no direito penal.
 
SERAFIM, Antonio de Pádua. Psicologia e prática forense . 2. ed. São Paulo Manole 2014.
 
Com base nessa afirmação, assinale a alternativa correta.
Justificativa:
Resposta Selecionada:	
Correta Os laudos médicos e psicológico, muitas vezes, não têm a capacidade de atestar os estados de depressão e alteração da inconsciência.
Resposta Correta:	
Correta Os laudos médicos e psicológico, muitas vezes, não têm a capacidade de atestar os estados de depressão e alteração da inconsciência.
Feedback da resposta:	Resposta correta. A alternativa está correta, pois, muitas vezes, os laudos e estudos feitos não têm a capacidade de atestar tais alterações, restando ao código penal e ao tribunal do júri julgar as alterações.
Pergunta 5
1 em 1 pontos
Discutindo acerca dos laudos, e resgatando a temática acerca da interface do direito junto à psicologia, observa-se que Serafim (2014, p. 94) pontua que o papel do psicólogo direciona sua atuação tanto ao adotante como a família do adotado.
 
SERAFIM, Antonio de Pádua. Psicologia e prática forense . 2. São Paulo Manole 2014.
 
Sobre essa atuação, assinale a alternativa correta.
Justificativa:
Resposta Selecionada:	
Correta Tal atuação se dá por meio de avaliações, podendo ocorrer inclusive antes do processo de adoção começar.
Resposta Correta:	
Correta Tal atuação se dá por meio de avaliações, podendo ocorrer inclusive antes do processo de adoção começar.
Feedback da resposta:	Resposta correta. A alternativa está correta, pois se justifica pelo fato de que a atuação do psicólogo se dá por meio de avaliações, podendo ser realizadas antes do processo iniciar. Um exemplo disso, é a destituição do poder familiar.
Pergunta 6
1 em 1 pontos
É claro o papel do psicólogo atuando por meio de laudos e pareceres. Desta forma, Serafim (2014) aponta variadas temáticas em que este profissional pode atuar. Dentre elas, fica evidente a importância do mesmo para a adoção, pois seu papel é fornecer subsídios por escrito (laudos) ou verbais (audiências), para contribuir com o judiciário.
 
SERAFIM. Antônio de Pádua. Psicologia Forense . 2. ed. São Paulo Manole, 2014.
 
Sobre o papel do psicólogo, assinale a alternativa correta.
 Justificativa:
Resposta Selecionada:	
Correta O papel do psicólogo é elaborar de laudos e prontuários e levar ao judiciário a técnica que o mesmo não possui, auxiliando-o em suas decisões.
Resposta Correta:	
Correta O papel do psicólogo é elaborar de laudos e prontuários e levar ao judiciário a técnica que o mesmo não possui, auxiliando-o em suas decisões.
Feedback da resposta:	Resposta correta. A alternativa está correta, pois relata a interface entre direito e psicologia, demonstrando que os profissionais do direito necessitam da técnica jurídica como forma de embasamento em suas decisões, desta forma o psicólogo atua, mediante a elaboração de laudos e pareceres.
 
Pergunta 7
1 em 1 pontos
Ao analisar acerca da saúde mental e os aspectos jurídicos relacionados, Fiorelli (2015) aponta que a pessoa sadia “muda construtos pessoais que se originam de predições refutadas pela experiência”.
 
FIORELLI, José Osmir. Psicologia Jurídica . 7. ed. Rio de Janeiro Atlas, 2015.
 
Com base no exposto, assinale a alternativa correta.
Justificativa:
Resposta Selecionada:	
Correta As pessoas que se compreendem com saúde mental boa entendem que não são um ser humano perfeito, que não podem ter todas as coisas e que vivenciam uma vasta gama de emoções.
Resposta Correta:	
Correta As pessoas que se compreendem com saúde mental boa entendem que não são um ser humano perfeito, que não podem ter todas as coisas e que vivenciam uma vasta gama de emoções.
Feedback da resposta:	Resposta correta. A alternativa está correta, pois as pessoas que se compreendem com saúde mental, entendem que o ser humano não é perfeito, muito menos onipotentes, aceitam que muitas vezes precisam de ajuda para curar algum transtorno e que vivenciam uma vasta gama de emoções.
Pergunta 8
1 em 1 pontos
A participação dos psicólogos vem amparada por demais códigos. Nesse sentido, Serafim (2014, p. 130) aponta especificamente tais atribuições, sintetizando a participação do profissional de psicologia como um todo nas várias áreas jurídicas.
 
SERAFIM, Antonio de Pádua. Psicologia e prática forense . 2. ed. São Paulo Manole 2014.
 
Sobre este assunto,