A maior rede de estudos do Brasil

Grátis
5 pág.
Módulo 5 - aula 7 - Monocotiledôneas e Dicotiledôneas

Pré-visualização | Página 1 de 2

Link para as aulas: https://bit.ly/3mq3Xx3 
 
1. (UFSC) No Brasil, a importância dos vegetais pode ser 
medida de várias formas. Cita-se a pujança das 
plantações de cereais como milho e soja, que geram 
bilhões em recursos financeiros, assim como a riqueza 
das formações vegetais de nossos extraordinários 
biomas, onde viceja a vida. Sobre os seres vivos 
vegetais, é correto afirmar que: 
01) as angiospermas podem ser classificadas em dois 
grupos: monocotiledôneas e dicotiledôneas; entre as 
diferenças desses grupos pode-se citar tipo de raiz, 
nervura das folhas, quantidade de pétalas e sépalas nas 
flores, bem como corte histológico de caule e raiz. 
02) entre os cereais há representantes dos quatro 
grupos de plantas reunidos popularmente de acordo 
com o teor de água. 
04) para diminuir o risco de extinção das araucárias, 
plantas do grupo das gimnospermas, todos os anos é 
regulamentado um período de colheita do fruto do 
pinheiro, conhecido como “pinhão”. 
08) entre as pteridófitas encontramos samambaias e 
avencas, plantas com esporófito haploide, avasculares e 
sem sementes. 
16) na reprodução das angiospermas, o receptáculo 
floral origina o fruto verdadeiro. 
32) plantas criptógamas, como os musgos, não 
apresentam raiz, caule, folha nem vasos condutores de 
seiva (xilema e floema), sendo a fase gametofítica 
permanente em seus ciclos de vida. 
 
2. (Unicamp) Relatório publicado em 2019 alertou que 
um número crescente de espécies de animais 
polinizadores está ameaçado de extinção em todo o 
mundo em decorrência de fatores como 
desmatamento, uso indiscriminado de agrotóxicos e 
alterações climáticas. Importantes medidas devem ser 
adotadas para prevenir as consequências econômicas, a 
redução na produção de alimentos e o desequilíbrio dos 
ecossistemas. Entre as espécies cultivadas no Brasil que 
dependem de polinização animal, destacam-se o 
maracujá, a maçã, a acerola e a castanha-do- brasil. 
(Fonte: Marina Wolowski e outros, Relatório temático sobre 
polinização, polinizadores e produção de alimentos no Brasil. 
BPBES e REBIPP, 2019. Acessado em 23/05/2019.) 
 
Considerando as informações fornecidas no texto e os 
conhecimentos sobre botânica e ecologia, é correto 
afirmar que a polinização pode ser beneficiada 
a) por insetos que transportam o pólen da antera para 
o estigma nas eudicotiledôneas mencionadas. 
b) por pequenos vertebrados que transferem pólen do 
estigma para o estame nas monocotiledôneas 
mencionadas. 
c) por insetos que transferem pólen do estigma para o 
estame nas eudicotiledôneas mencionadas. 
d) por pequenos mamíferos que transportam o pólen da 
antera para o estigma nas monocotiledôneas 
mencionadas. 
 
3. (UPF) A figura abaixo apresenta duas flores 
representadas simbolicamente por meio de diagramas 
florais A e B. 
 
Considerando esses diagramas, assinale a única 
alternativa incorreta. 
a) A representa uma flor trímera e B representa uma flor 
pentâmera, comumente encontradas em 
monocotiledôneas e eudicotiledôneas, 
respectivamente. 
b) A flor do diagrama A apresenta androceu composto 
por seis estames, mas gineceu composto por apenas 
três carpelos. 
c) A flor do diagrama B apresenta cálice composto por 
cinco sépalas e corola composta por cinco pétalas. 
d) Nos diagramas florais, os verticilos florais são 
projetados num plano horizontal que indica as posições 
relativas dos elementos que os compõem. 
e) A flor do diagrama A apresenta três verticilos florais 
e a flor do diagrama B apresenta cinco verticilos florais. 
 
4. (UTFPR) A respeito da cana-de-açúcar, muito 
utilizada na produção de açúcar, bebidas alcoólicas e 
etanol (biocombustível), podemos afirmar que: 
a) possui raiz do tipo tubérculo, cheio de reservas 
nutritivas. 
b) é uma gimnosperma, pois não possui flores nem 
sementes. 
https://bit.ly/3mq3Xx3
 
 
 
 
 
 
 
 
c) o açúcar acumulado nas folhas é produzido através 
da quimiossíntese, processo de síntese sem 
necessidade de luz. 
d) é uma monocotiledônea com caule do tipo colmo 
cheio, onde acumula material nutritivo. 
e) é uma dicotiledônea, possui raiz axial e tuberosa. 
 
5. (Acafe) O Reino Plantae, Metaphyta ou Vegetal é um 
dos maiores grupos de seres vivos na Terra. Abriga os 
vegetais eucariontes, multicelulares e autotróficos 
fotossintetizantes, que apresentam alternância de 
gerações em seus ciclos de vida. 
No cladograma a seguir, está representado o grau de 
parentesco entre diferentes grupos de vegetais. 
 
 
Acerca das informações contidas no cladograma e dos 
conhecimentos relacionados ao tema, assinale a 
alternativa correta. 
a) O numero II indica o aparecimento da semente, 
estrutura que se origina do ovário da flor, o qual se 
desenvolve depois da fecundação. As gimnospermas 
produzem sementes, que se originam nos estróbilos 
femininos, mas não produzem frutos. 
b) As angiospermas são plantas que possuem raiz, caule, 
folha, flor e sementes protegidas por fruto, estrutura 
indicada pelo numero III. Esse grupo de plantas pode ser 
dividido em monocotiledôneas e em dicotiledôneas. Em 
relação à estrutura floral, as monocotiledôneas 
possuem flores trimeras e as dicotiledôneas, flores 
tetrâmeras ou pentâmeras. 
c) Em I, o Reino Plantae está dividido em dois grandes 
grupos, as atraqueófitas e as traqueófitas. Plantas 
traqueófitas possuem xilema e o floema, vasos 
condutores, respectivamente, de seiva elaborada e de 
seiva bruta. 
d) O grupo das Pteridófitas, conforme indicado em II, 
compreende plantas que possuem raiz, caule, folhas e 
sementes localizadas na parte inferior de suas folhas. 
6. (UPE) Um naturalista amador, interessado por 
plantas, poderia iniciar seus estudos com as 
Angiospermas, por causa da ampla distribuição de 
espécies no mundo. Algumas características permitem 
dividi-las em duas classes. Assim, o naturalista poderia 
explorar um fruto, cortando-o ao meio e procurando o 
número de cotilédones, dois ou um, dicotiledônea ou 
monocotiledônea, respectivamente. Além dessas 
características, outras diferenças podem ser observadas 
na tabela a seguir: 
 
Característica Dicotiledônea Monocotiledônea 
I. Tipo de 
nervação 
foliar 
Nervuras 
paralelas 
Nervuras 
reticuladas 
II. 
Distribuição 
dos vasos no 
caule 
Feixes 
liberolenhosos 
dispostos em 
círculo 
Feixes 
liberolenhosos 
espalhados 
III. Tipo de 
raiz 
Raiz pivotante Raiz fasciculada 
IV. Tipo de 
flor 
Elementos 
florais 
geralmente 
em números 
múltiplos de 
quatro ou 
cinco 
Elementos florais 
geralmente em 
números 
múltiplos de três 
 
 
Estão CORRETAS as características estampadas na 
tabela em 
a) I e III, apenas. b) II, apenas. 
c) I, II, III e IV. d) II e IV, apenas. 
e) II, III e IV, apenas. 
 
7. (IFSC) No ambiente terrestre as plantas formam a 
base de uma cadeia alimentar que sustenta a vida por 
meio da fotossíntese. Você já imaginou como seria a 
vida sem, por exemplo, arroz, feijão, pão, frutas, 
legumes, chocolate, tecidos de algodão, linho e flores? 
A espécie humana depende das plantas não apenas 
como alimento, mas também como fonte de matéria-
prima para a produção de madeira, tecidos, papel, 
medicamentos e uma infinidade de produtos. Preservar 
florestas e outros ecossistemas naturais é preservar a 
vida. 
FONTE: Linhares, S. Gewandsznajder, F. Biologia hoje. 2ª ed, 
v II. São Paulo: Ática, 2013. 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
Sobre a Fotossíntese e o Reino Vegetal, assinale a soma 
da(s) proposição(ões) CORRETA(S). 
01) O Reino Plantae ou Vegetal tem como componentes 
organismos eucariontes, pluricelulares, autotróficos e 
fotossintetizantes. 
02) A fotossíntese é o processo pelo qual a energia 
luminosa é captada e convertida em energia química. A 
capacidade de executar a fotossíntese está presente em 
eucariontes e procariontes. 
04) As Criptógamas são as plantas que não produzem 
sementes, flores ou frutos, e que se reproduzem por 
meio de esporos, com estruturas produtoras de 
gametas pouco evidentes. 
08) Possuem duas divisões: Briófitas