A maior rede de estudos do Brasil

Grátis
6 pág.
prova II praticas de circuitos eletricos

Pré-visualização | Página 1 de 3

Acadêmico: 
Disciplina: Práticas de Circuitos Elétricos (19059) 
Avaliação: Avaliação II - Individual Semipresencial ( Cod.:656403) ( peso.:1,50) 
Prova: 26965155 
Nota da Prova: 10,00 
Legenda: Resposta Certa Sua Resposta Errada 
1. Os primeiros instrumentos para medir correntes elétricas apareceram ainda em 1820, 
ano em que Öersted, físico dinamarquês, mostrou que elas podem provocar efeitos 
magnéticos, e eram conhecidos como "galvanômetros de tangente". Consistia de uma 
bobina formada por várias voltas de fio, que tinha que ser alinhada para que o campo 
magnético produzido no seu centro estivesse na direção perpendicular ao campo 
terrestre. Uma bússola era posicionada no centro da espira. Tinha-se então dois 
campos magnéticos perpendiculares, e a agulha da bússola apontava na direção da 
resultante; a razão entre os dois campos é dada pela tangente do ângulo que a agulha 
faz com o norte. Sabia-se que o campo magnético produzido é proporcional à 
corrente; portanto, a corrente é proporcional à tangente do ângulo, daí o nome do 
aparelho. Sobre esse assunto, analise as sentenças a seguir: 
 
I- O voltímetro é o instrumento de medição de diferença de potencial. É ligado em 
paralelo com o circuito no qual se deseja determinar a tensão. Esse aparelho deve 
apresentar resistência interna elevada, a fim de impedir a passagem de corrente 
através de si. 
II- A intensidade de corrente elétrica que flui por um ramo do circuito é medida por 
um instrumento denominado amperímetro. Este deve ser ligado em série com o ramo 
do qual se deseja medir a corrente. O instrumento deve ter valores de resistência 
interna baixos, tipicamente da ordem de miliohms, a fim de não apresentar oposição 
à passagem de corrente. Deve-se observar a polaridade das pontas de prova do 
amperímetro quando utilizado para medidas em corrente contínua. O sentido de 
ligação do aparelho deve coincidir com a polaridade da fonte de tensão. Caso a 
ligação seja feita ao contrário, o instrumento digital mostra valores negativos e o 
instrumento analógico não deflexiona seu ponteiro indicador. 
III- O instrumento utilizado para determinar o valor da resistência em um 
componente ou sistema elétrico resistivo é o ohmímetro. Esse instrumento de 
medição geralmente é apresentado em um aparelho que contém o voltímetro, 
amperímetro, frequencímetro, capacímetro, e outras grandezas elétricas, denominado 
multímetro. 
 
Assinale a alternativa CORRETA: 
 a) As sentenças I, II e III estão corretas. 
 b) Somente a sentença I está correta. 
 c) Somente a sentença II está correta. 
 d) Somente a sentença III está correta. 
 
2. Existem circuitos que tem uma topologia diferenciada e que não é possível resolvê-
los com as técnicas comuns de circuito série e paralelo. Esses circuitos, dependendo 
da sua estrutura, recebem o nome de "circuitos delta" (ou triângulo, ou 
https://portaldoalunoead.uniasselvi.com.br/ava/notas/request_gabarito_n2.php?action1=RUVBMDE0Mg==&action2=MTkwNTk=&action3=NjU2NDAz&action4=MjAyMC8y&prova=MjY5NjUxNTU=#questao_1%20aria-label=
https://portaldoalunoead.uniasselvi.com.br/ava/notas/request_gabarito_n2.php?action1=RUVBMDE0Mg==&action2=MTkwNTk=&action3=NjU2NDAz&action4=MjAyMC8y&prova=MjY5NjUxNTU=#questao_2%20aria-label=
pi) ou "circuitos estrela" (ou T, ou Y). Com base nesse assunto, assinale a 
alternativa CORRETA: 
 a) Os circuitos estrela-triângulo são muito utilizados em análise de malhas e nós. 
 b) Os circuitos estrela-triângulo são muito utilizados em análise de motores 
trifásicos e transformadores. 
 c) Os circuitos estrela-triângulo são muito utilizados em análise de Thévenin e 
Norton. 
 d) Os circuitos estrela-triângulo são muito utilizados em análise de superposição e 
linearidade. 
 
3. O ohmímetro é um instrumento eletrônico usado para medir a resistência elétrica de 
um material ou circuito eletrônico. A resistência elétrica, por sua vez, é o obstáculo à 
passagem de corrente elétrica pelo dispositivo, prejudicando seu funcionamento 
ideal. Portanto, o ohmímetro é útil para identificar a raiz das falhas de diversos 
materiais. Alguns exemplos são: 
 
- Medir a resistência elétrica de lâmpadas. 
- Verificar se uma bobina está rompida (se estiver íntegra, o ohmímetro indica zero 
ohms ou um valor próximo de zero. Se estiver rompida, o número tende ao infinito). 
- Checar se um cabo elétrico está rompido (a lógica de funcionamento é a mesma 
citada no caso da bobina). 
 
Sobre esse assunto, analise as sentenças a seguir: 
 
I- Os ohmímetros são medidores de resistência elétrica e podem ser analógicos ou 
digitais. 
II- O princípio de funcionamento do ohmímetro se dá através de uma fonte de tensão 
interna ao aparelho é fornecida uma corrente para o sistema elétrico a ser 
determinado. 
III- O ohmímetro analógico tem a necessidade de ajuste interno a cada vez que se 
utilizar uma nova escala. A resistência interna que limita a corrente quando a 
resistência é zero deve ser ajustada para tal leitura quando os terminais do ohmímetro 
forem colocados em curto-circuito. 
 
Assinale a alternativa CORRETA: 
 
FONTE: https://instrutemp.com.br/ohmimetro-como-utilizar/. Acesso em: 31 ago. 
2020. 
 a) Somente a sentença II está correta. 
 b) As sentenças I, II e III estão corretas. 
 c) Somente a sentença I está correta. 
 d) Somente a sentença III está correta. 
 
4. Os teoremas de análise de circuitos elétricos integram o mais importante conteúdo na 
área de circuitos, além da análise de transitórios. Dentre os diversos teoremas, tem-se 
o de Millman e o de Miller. O teorema de Millman estabelece as regras de 
associação em paralelo e em série de fontes de tensão e de corrente, respectivamente. 
O teorema de Miller conclui que é possível atenuar o valor aparente de uma 
https://portaldoalunoead.uniasselvi.com.br/ava/notas/request_gabarito_n2.php?action1=RUVBMDE0Mg==&action2=MTkwNTk=&action3=NjU2NDAz&action4=MjAyMC8y&prova=MjY5NjUxNTU=#questao_3%20aria-label=
https://portaldoalunoead.uniasselvi.com.br/ava/notas/request_gabarito_n2.php?action1=RUVBMDE0Mg==&action2=MTkwNTk=&action3=NjU2NDAz&action4=MjAyMC8y&prova=MjY5NjUxNTU=#questao_4%20aria-label=
resistência através da utilização de fontes dependentes. Além desses teoremas, temos 
os teoremas de Thévenin e da máxima transferência de potência. Sobre esse assunto, 
analise as sentenças a seguir: 
 
I- O teorema da máxima transferência de potência determina que o valor da 
resistência da carga deve ser igual ao valor da resistência equivalente de Thévenin, 
para que a carga absorva o máximo de potência possível da fonte. 
II- O teorema de Thévenin afirma que, do ponto de vista de um qualquer par de 
terminais, um circuito linear pode sempre ser substituído por uma fonte de tensão 
com resistência interna. 
III- O teorema da superposição determina que o valor da resistência da carga deve 
ser igual ao valor da resistência equivalente de Thévenin, para que a carga absorva o 
máximo de potência possível da fonte. 
 
Assinale a alternativa CORRETA: 
 a) Somente a sentença III está correta. 
 b) Somente a sentença II está correta. 
 c) Somente a sentença I está correta. 
 d) As sentenças I e II estão corretas. 
 
5. A medição de potência elétrica ativa tornou-se necessária no momento em que se 
iniciou a distribuição e a comercialização de energia elétrica, para que fosse possível 
quantificar o consumo de energia em um determinado sistema. Essa grandeza pode 
ser adquirida através da medição da tensão e da corrente, conforme equação a seguir, 
se essas grandezas estiverem em fase (FP = 1), mas, em caso de defasagem, deve-se 
medi-la pela potência instantânea de consumo. Com base nesse assunto, assinale a 
alternativa CORRETA: 
 a) A potência elétrica pode ser medida através de voltímetros eletrodinâmicos de 
forma simples, com indicação direta. 
 b) A potência elétrica pode ser medida através de ohmímetros eletrodinâmicos de 
forma simples,

Crie agora seu perfil grátis para visualizar sem restrições.