A maior rede de estudos do Brasil

Grátis
1 pág.
Tempos modernos

Pré-visualização | Página 1 de 1

CURSOS SUPERIORES DE TECNOLOGIA – ÁREA DE GESTÃO & NEGÓCIOS 
TRABALHO EXTRACLASSE 
Nome: Pedro Luís Bezerra Fontes RA: F26BBB0 
Curso: Gestão de Qualidade Turma: GQ1P17 
Nome da disciplina: Comunicação Empresarial 
Nome do professor (a): Maria Elizabete 
Data: 03/04/2020 Campus: Sorocaba 
 
Resenha Crítica do filme: Tempos Modernos 
 
O filme “Tempos Modernos”, a comunicação dentro das empresas era 
restrita, o dono se comunicava apenas com o encarregado, onde aparece 
pedindo para aumentar a velocidade da produção. 
Naquela época, os funcionários trabalhavam mais de 8 horas por dia, 
não tinham horário de almoço digno e recebiam pouco. Diferente de hoje, existem 
as Leis Trabalhistas, que defende os direitos dos trabalhadores (CLT), onde a 
jornada de trabalho dura 8 horas. 
A comunicação do filme é retratada através de duas comunicações, 
mesmo sendo um filme mudo. Tem a comunicação verbal, encontrada na fala do 
dono da fábrica no início do filme, e a escrita dos fatos ocorridos no decorrer do 
filme, mas também é marcada pela comunicação não verbal, onde eles se 
comunicavam através de gestos, expressões, sons e olhares trocados entres os 
personagens durante o filme, dificultando e distorcendo muitos fatos ocorridos 
durante o filme. 
Do começo ao fim houve ruído entre as comunicações, prova disso era 
que sempre alguém acabava se dando mal por culpa da má interpretação do que 
estava ocorrendo, ou seja, o emissor passava a codificação (mensagem), porém 
o receptor não decodificava (recebia) o código 100% e interpretava a situação de 
forma incorreta. Sendo assim, a mensagem transpassava-se totalmente errada, 
ou não passava por completo por conta de alguns códigos não serem 
reconhecidos. 
Indiferente do filme, hoje as empresas procuram passar tudo a seus 
funcionários, seja através dos gerentes, encarregados de cada setor, ou de 
conferências feitas pelos próprios donos. O importante é passar as informações 
completas e corretas, sejam elas verbal ou não verbal, deixando tudo sempre 
esclarecido.