A maior rede de estudos do Brasil

Grátis
292 pág.
700 - Glossário de termos técnicos

Pré-visualização | Página 35 de 50

- Traffic Conditions
CONDIÇÕES IDEAIS 1) São condições que devem
prevalecer na determinação da capacidade de tráfego de
uma via, a saber: fluxo constante, livre de interferência
laterais, constituído por veículos de passageiros, larguras
mínimas de faixa de 3,75 m, e de acostamento de 1,90 m, e
cujos alinhamentos permitem uma velocidade média de
110 km/h. Vias com duas ou três faixas, deverão ter uma
distância de visibilidade irrestrita. 2) Em via com fluxo
ininterrupto tem-se; largura da faixa: 3,6 m; afastamento
dos obstáculos próximos à via: 1,8 m; velocidade de
projeto: 112 km/h (estradas de várias faixas), 96 km/h
(estrada de duas faixas) e somente carros de passeio na
corrente de tráfego. 3) Característica para um determinado
tipo de rodovia, nas quais são consideradas as melhores
possíveis sob o ponto de vista da capacidade, isto é,
características as quais foram melhoradas, não resultarão em
um aumento da capacidade.
E - Condiciones Ideales
F - Conditions Ideales
I - Ideal Conditions
CONFLUÊNCIA DE TRÂNSITO Reunião de
correntes separadas de trânsito. (Sin.: Convergência de
Trânsito, Junção de Trânsito).
E - Convergencia de Tránsito, Confluencia, Convergencia,
 Afluencia (Pan.), Afluencia de Tránsito (Ecu.)
F - Junction, Convergence, Confluence
I - Merging (Traffic)
CONGESTIONAMENTO DE TRÂNSITO
Paralização ou efeito retardador do fluxo de veículos
causado pelos conflitos que se apresentam nas zonas de
interseção ou entroncamento, devido às confluências de
CONCRETO SILÍCICO CONGESTIONAMENTO DE TRÂNSITO
MT/DNER/IPR 57
correntes de trânsito, pelos engarrafamentos ou por grupos
compactos, acidentais de veículos.
E - Fricción por Interferencias
F - Friction de Trafic
I - Traffic Friction
CONGLOMERADO 1) Rocha formada por fragmento
arredondados de outras rochas (normalmente seixos),
aglutinados por um cimento. V. Cimento (no caso de
rocha). 2) Conjunto de empresas de características
especiais.
E - Conglomerado
F - Conglomérat
I - Conglomerate
CONJUNTO DE BRITAGEM Grupo, fixo ou
móvel, de máquinas destinadas à britagem de materiais
pétreos ou similares, para obter agregados de diversos
tamanhos.
E - Planta de Trituración, Trituradora (Col., Pan., R.D.,
 Ecu.), Quebrador (Cos.), Planta Chancadora (Chi.),
 Chancadora (Per), Picadora (Ven.)
F - Installation de Concassage, Installation pour
 Concassage
I - Crushing Plant
CONJUNTURA ECONÔMICA 1) Situação
econômica de um país, em dado momento. 2) Soma total
dos fatores que pressionam e influenciam, em determinada
época e em certa região, o contexto social e os recursos
financeiros, o comportamento do crédito, do mercado, a
distribuição da renda e do poder aquisitivo do povo,
interferindo na ação dos governos, das instituições, das
empresas, aos dirigentes, dos executivos, sob as mais
variadas formas.
E - Conyuntura Económica
F - Conjuncture Économique
I - Economic Conjuncture
CONSELHO NACIONAL DE
DESENVOLVIMENTO URBANO - CNDU
Órgão da República Federativa do Brasil que resolve, em
nível de Governo Federal, questões relacionadas ao
Desenvolvimento Urbano.
E - CNDU
F - CNDU
I - CNDU
CONSELHO NACIONAL DE
METROLOGIA, NORMALIZAÇÃO E
QUALIDADE INDUSTRIAL (CONMETRO)
Órgão normativo do SINMETRO, ao qual compete
formular, coordenar e supervisionar a política nacional de
metrologia, normalização industrial e certificação da
qualidade de produtos industriais, prevendo mecanismos de
consultas que harmonizem os interesses públicos das
empresas industriais e dos consumidores (Resolução nº 06,
de 24/08/92 do CONMETRO, D.O. de 27/08/92).
E - Consejo Brasileño de Metrologia, Normalización y
 Calidad Industrial
F - Conseil Brésilien de Métrologie, Normalisation et
 Qualité Industrielle
I - Brazilian's Council for Metrology, Standardization and
 Industrial Quality
CONSENSO 1) Aceitação geral de idéias, sem que haja
oposição forte de uma parte importante dos interesses
relativos a aspectos importantes. 2) Resultado da verificação
ou comprovação da exatidão de um relatório ou de uma
observação baseada em acordo entre observadores
diferentes. 3) Acordo geral, caracterizado pela ausência de
substancial oposição de parte importante dos interesses
envolvidos, por proceso que compreende levar em conta a
reconciliação de quaisquer argumentos conflitantes. O
consenso não necessita ter nem implica em unanimidade.
E - Consenso
F - Assentiment, Acquiéscement
I - Consensus
CONSERVAÇÃO 1) Conjunto de operações destinadas
a preservar as características técnicas e operacionais de uma
rodovia ou obra-de-arte de acordo com sua concepção
original. 2) Conjunto de trabalhos necessários para que uma
via ou obra-de-arte mantenha-se em boas condições de
serviço.
E - Conservación
F - Entretien
I - Maintenance
CONSERVAÇÃO CORRETIVA É o conjunto de
operações de conservação que tem como objetivo reparar ou
sanar um defeito e restabelecer o funcionamento dos
componentes da rodovia propiciando conforto e segurança
dos usuários.
E - Conservación Correctiva
F - Conservation Corrective
I - Corrective Maintenance
CONSERVAÇÃO PERIÓDICA Conservação
requerida em intervalos de tempo determinados. Ex.:
Tratamento superficial (pavimento). Ex.: Revestimento de
drenos laterais. Ex.: Alargamento de bueiros. Ex.: Troca de
lâmpadas. V. Conservação. V. Conservação Preventiva
Periódica. V. Conservação Rotineira.
E - Mantenimiento Periodico
F - Entretien Périodique
I - Periodical Maintenance
CONSERVAÇÃO PREVENTIVA V. Conservação
Preventiva Periódica.
E - Conservación Preventiva
F - Conservation Préventive
I - Preventive Maintenance
CONSERVAÇÃO PREVENTIVA
PERIÓDICA 1) Operações de conservação, realizadas
periodicamente com o objetivo de evitar surgimento ou
agravamento de defeitos. 2) Conservação requerida durante
o ano mas cuja freqüência depende do trânsito, topografia e
clima. Ex.: Operação tapa-buraco, Fechamento de trincas,
Corte de galhos, Conserto de placas de sinalização,
Substituição de placas de sinalização. V. Conservação. V.
Conservação Periódica. V. Conservação Rotineira.
E - Conservación Periódica Preventiva
F - Entretien Préventif Periodique
I - Preventive Periodical Maintenance
CONSERVAÇÃO ROTINEIRA Sin.: Manutenção
Rotineira. 1) Reparos localizados de defeitos na pista ou no
acostamento (com extensão inferior a 150 m) e manutenção
regular dos dispositivos de drenagens, dos taludes laterais,
da faixa lindeira, dos dispositivos de sinalização e demais
instalações da rodovia. 2) Conservação realizada de acordo
com uma programação com base em norma técnica. V.
Conservação e V. Conservação Preventiva. 3) Conservação
de custo fixo que não leva em consideração as condições
técnicas da rodovia e a densidade de trânsito. Ex.: Remoção
de lixo e veículos abandonados (pista e acostamentos). Ex.:
Remoção de sedimentos (bueiros). V. Conservação. V.
Conservação Periódica. V. Conservação Preventiva
Periódica.
E - Conservación Rutinaria
F - Conservation Routinière
I - Routine Maintenance
CONGLOMERADO CONSERVAÇÃO ROTINEIRA
MT/DNER/IPR 58
CONTAGEM DO TRÂNSITO Ato de contar o
número de veículos que passam por um certo ponto durante
um período de tempo dado.
E - Censo de Tránsito
F - Cens du Trafic
I - Traffic Count
CONTEÚDO DE AR Diferença entre o volume total
de um concreto, argamassa ou outro material (ou mesmo do
solo) e o volume ocupado pelos seus componentes sólidos.
(Sin.: Vazio).
E - Contenido de Aire o de Vacíos
F - Teneur en Air
I - Air Content Voids
CONTROLE AMBIENTAL De um modo geral, a
faculdade de Administração Pública exercer a orientação, a
correção, a fiscalização e o monitoramento sobre as ações
referentes à utilização dos recursos ambientais de acordo
com as diretrizes técnicas e administrativas e as leis em
vigor.
E - Control del Medio Ambiente
F - Contrôle du Moyen Ambient
I - Environmental Control
CONTROLE DE TRÂNSITO Ação de orientar e
fiscalizar